Estimado povo brasileiro, nariz de palhaço, nariz de Pinóquio

4 de março de 2013 por Eliana Lima

Comentários 6

O Brasil é um país curioso. Melhor: engraçado. Por que não dizer sofismável! A palavra, além de bonita, combina com tantos discursos bonitos de políticas eticamente corretas, desenvolvimento polidamente enfeitado por cima do tapete. Àquele tapete que até nas suas franjinhas pode-se observar, com o mais tímido apuro, partículas de falácias.

Brasil! A acomodação é o seu lema, adormecida na esperança de que ela sempre estará viva, afinal, ainda há muito que se morrer. Que se matar. É acreditar no poder da violência, dos desavisados desvios, das manobras ilícitas que ardem nas coxias dos enriquecimentos umbilicais. Etc, etc…e tanto mais. É a última esperança que resta. É sonhar que um dia o feitiço derramará sua maldição sobre o feiticeiro. Última esperança.

São tantas conquistas somadas ao longo dos anos, que difícil fica definir a mais preponderante. Mas uma, certamente, figura com destaque numa extensa lista de alter ego. Mas isso é outra coisa.

O mais curioso, engraçado, no Brasil é a bondade do brasileiro, aquele que realmente não desiste nunca. Nunquinha. Trabalha incansavelmente, muitos até nos sábados, domingos e dias santos, para proporcionar uma vida de mordomia aos seus mais queridos representantes, nas mais distintas áreas de extrema necessidade. Paga rigorosamente os impostos para que seus representantes tenham oportunidade de promover um Brasil melhor. Cercado de luxo, elementar. Particular, diga-se.

O povo brasileiro é tão bom e tão trabalhador, tão trabalhador, e tão correto, que, dos trinta dias que têm direito a férias chega a sacrificar alguns, vendendo ao patrão, para ajudar na compra de um sonho de consumo, seja uma nova televisão, aquele conjunto de panelas de teflon, um sonzinho, um carrinho usado, que termina sendo o lucro da oficina…etc e mais. Muito mais.

Tão bom e trabalhador que não esmorece para garantir a vida de príncipe, de rei, aos seus tão fiéis representantes. Trabalham com afinco, sem descanso, para bancar os nobres salários dos nobres parlamentares e gestores. Afinal, não é fácil representar a túmida e crescente população, cada vez menos, diga-se, miserável. E tão humilde nos seus atos que até aplaude quando os louros do seu dinheiro distribuído vão para alguns privilegiados na busca por votos. De reeleição. Também, eleição.

Tão trabalhador e tão bom, que sustenta os merecidos dois recessos por ano – cada somando mais de mês – a que têm direito seus representantes no doce poder. Também, para que eles descansem nos finais de semana. Também, para que eles trabalhem apenas três vezes por semana. E possibilitar relax uma semana inteira quando o feriado aparecer no meio dos seus dias. Tempo para àquela viagem que não foi possível completar nos recessos. Ufa! Passagens aéreas de graça, morada idem…repastos à altura de representante de um povo tão, tão trabalhador .Salário dos mais invejáveis, mas…trabalho estafante. Entende?! Oh, sofismas!

Mais notícias no Twitter da Abelhinha

Faça um comentário

Você pode deixar uma resposta, ou trackback a partir do seu próprio site.

6 Comentários para “Estimado povo brasileiro, nariz de palhaço, nariz de Pinóquio”

  1. Candida Oliveira disse:

    Eliana, gostaria de saber onde encontro sua revista Bzzzz. Obrigada. Aguardo,

  2. Eliana Lima disse:

    Olá Candida, a revista está à venda nas bancas do Nordestão, em alguma de Petrópolis. O problemas é que as venda superaram toas as expectativas, já fizemos reposição e algumas não têm mais. No sábado, fizemos reposição nas bancar em frente ao colégio Atheneu e na banca do Tota. Deve ter ainda. Muito obrigada 🙂

  3. Marcos Melo disse:

    Eliana,

    Você foi ao ponto da questão! A acomodação do brasileiro e a falta de vergonha na cara da classe política. Enquanto não tivermos uma educação de qualidade, nossa gente acomodada vai continuar elegendo seus pseudos representantes (só representam os próprios interesses), do mesmo modo, trocando o seu voto por empreguinho aqui, tijolos, cimento, feirinha, conta de água e de luz, um exame, consulta realizado por médics do SUS, uma nota de R$ 50,00. Etc… Parabéns!!!!

  4. Eliana Lima disse:

    Obrigada, Marcos. Infelizmente situação que ainda vai perdurar.

  5. Ricardo Braga disse:

    Bom dia, Eliana.
    É uma pena, mas vc só falou a verdade.
    Como o Cazuza já dizia, “Brasil mostra a tua cara quero vê quem paga para a gente viver assim”.
    Parabéns.

  6. Eliana Lima disse:

    Triste. Muito. Ricardo. Obrigada 🙂

Comentário

Você deve estar logado para postar um comentário.