Arquivos da categoria ‘Educação’

UFRN convoca novos aprovados em concurso para professor

14 de agosto de 2017

A reitora da UFRN, Ângela Paiva, homologou o resultado do concurso público de provas e títulos para as classes de Assistente A e Auxiliar, da Carreira do Magistério Superior.

Na lista de convocados:

ufrn.pjp

Uninassau abre nova seleção para professores em Natal

22 de junho de 2017

A Faculdade Uninassau Natal abriu 50 vagas para professores com títulos de mestres ou doutores em diversas graduações e graduações tecnológicas, para disciplinas nas áreas de Humanas, Saúde e Tecnologia. Os interessados devem enviar o Currículo Lattes atualizado para os e-mails das respectivas coordenações até o dia 25 de junho.

As vagas são para nove cursos: Administração, Biomedicina, Direito, Educação Física, Engenharia Elétrica, Engenharia Mecânica, Farmácia, Gastronomia e Odontologia. Entre os requisitos, disponibilidade para ministrar aulas nos períodos noturno ou diurno.

A seleção será composta ainda de avaliação escrita elaborada sobre tema relevante pertinente ao assunto da disciplina e uma avaliação didático-pedagógica (aula expositiva) com duração de 20 minutos.

IFRN abre 58 vagas para professores efetivos

13 de junho de 2017

O IFRN (Instituto Federal do RN) realizará concurso público para a contratação de 58 professores da Carreira do Magistério de Ensino Básico, Técnico e Tecnológico, distribuídas entre 28 disciplinas, podendo ser direcionadas aos 21 campi do Instituto, de acordo com a necessidade e adequação do serviço.

A taxa de inscrição é de R$ 100,00. O concurso será organizado pela Funcern (Fundação de Apoio à Educação e ao Desenvolvimento Tecnológico do RN). As inscrição seguem até 26 de julho. As provas escritas serão aplicadas no dia 24 de setembro; as de desempenho entre os dias 25 de novembro e 10 de dezembro. O resultado final está previsto para ser divulgado em 31 de janeiro de 2018.

Seleção para professor do UNI-RN

13 de junho de 2017

Estão abertas até 10 de julho as inscrições para o processo seletivo do UNI-RN para a contratação de professores para os cursos de Administração, Direito, Engenharia Civil e Nutrição.

São docentes para as disciplinas de Comportamento do consumidor (Administração), Direito Processual Civil V, Estrutura de aço, Pavimentação e transportes (, Engenharia Civil) e Fisiopatologia e Dietoterapia (Nutrição).

Os candidatos devem ter graduação e especialização na área.

Governo do RN injeta mais de 6 milhões em escolas

25 de maio de 2017

Segunda-feira (29) tem assinatura de convênio para repasse de mais de R$ 6 milhões para o Projeto de Inovação Pedagógica (PIP), que beneficiará 158 escolas estaduais.

O convênio será assinado pelo governador Robinson Faria, ao lado dos secretários Cláudia Santa Rosa (Educação) e Vagner Araújo (Gestão de Projetos e Metas), na Escola de Governo, às 10h, com presença dos diretores das DIRECs, técnicos e gestores envolvidos no PIP.

Os recursos estão previstos no segundo componente de atuação do Projeto Governo Cidadão, que contempla a melhoria dos serviços públicos. Cada escola receberá entre R$ 30 mil e R$ 45 mil.

Pronto! Sanciona lei do novo ensino médio

16 de fevereiro de 2017

O presidente Michel Temer sancionou hoje (16) a lei do novo ensino médio. A partir de agora, será priorizada a flexibilização da grade curricular, a articulação da instrução profissional, além do ensino integral para o desenvolvimento de competências.

Na ocasião, Temer anunciou o aumento do orçamento da educação para o próximo ano, com a liberação de mais R$ 10 bilhões.
“É com grande satisfação que sanciono a Lei do novo ensino médio. É preciso modernizar a educação no País. E, nos dias atuais, mais do que coragem para governar, é preciso ousadia. Por isso, cumprimento a ousadia do ministro da educação”, destacou. “Este é um governo de reformas e ousadias. Mas, ousadias responsáveis. Ousadias necessárias para que o País possa crescer e prosperar”, complementou.

O novo modelo se alinha à Base Nacional Comum Curricular (BNCC) que está em elaboração e será homologada ainda neste ano. A BNCC será obrigatória e vai nortear os currículos das escolas de ensino médio. Após essa etapa, no primeiro ano letivo subsequente à data de publicação da BNCC, os sistemas de ensino deverão estabelecer um cronograma de implantação das principais alterações da Lei e iniciar o processo de implementação, conforme cronograma, a partir do segundo ano letivo.

A reforma

Para o governo, a “reforma do ensino médio é um instrumento fundamental para a melhoria da educação no País. Trata-se de uma mudança na estrutura do sistema atual do ensino médio. Ao propor a flexibilização da grade curricular, o novo modelo permitirá que o estudante escolha a área de conhecimento para aprofundar seus estudos”.

Diz que a nova estrutura terá uma parte comum e obrigatória a todas as escolas (Base Nacional Comum Curricular) e outra mais flexível. “Com isso, o ensino médio aproximará a escola da realidade dos estudantes observando as novas demandas do mercado de trabalho. E, sobretudo, permitirá que cada estudante siga o caminho de suas vocações e sonhos seja para estudos no nível superior, seja para o campo profissional”, justifica.

Matrículas para cursos gratuitos de Informática e Enem do ex-vereador Júlio Protásio

10 de fevereiro de 2017

O ex-vereador Júlio Protásio (PDT) abre segunda-feira (13) as matrículas para os cursos gratuitos que oferece de Informática Básica e Avançada e o Preparatório para o Enem 2017. Serão realizadas pelo telefone (84) 3232-8828 ou presencialmente no gabinete da vereadora Ana Paula, na Câmara Municipal de Natal.

As aulas começam no dia 3 de março. Na edição de 2016, segundo JP, foram aprovados no Sisu 67 estudantes. As aulas do cursinho preparatório para o Enem acontecem aos sábados, na Faculdade Maurício de Nassau – unidade Roberto Freire e, conta com todas as disciplinas e os melhores professores da cidade especializados na preparação para o ingresso em instituições de nível superior.

Para o curso de Informática serão oferecidas três turmas: turma Básica – windows, word e internet – com aulas ministradas em duas turmas na Zona Sul; e a turma Avançada – Excel – aos sábados. Todo o material é gratuito e as aulas acontecem nos laboratórios de informática com salas climatizadas e computadores novos. Em 2016, mais de 950 pessoas receberam o certificado de qualificação profissional.

Educação esclarece sobre escolas extintas no RN

9 de fevereiro de 2017

Em nota, a Secretaria de Educação do Estado (Seec) explicou os motivos que levaram à extinção de escolas estaduais.

Eis a nota:

A Secretaria de Estado da Educação e da Cultura informa que ao longo de 21 anos, desde 1995 até fevereiro de 2016, 111 escolas estaduais tiveram atividades educacionais encerradas, mas sem oficialização com atos de extinção.

Estas 111 escolas, mesmo tendo suas atividades educacionais encerradas, continuam constando no Censo Escolar/MEC, com isso tendo que declarar sua existência anualmente junto a Receita Federal, resultando em ônus ao Estado.

Após a publicação dos atos de extinção no Diário Oficial do Estado (DOE), que já foi iniciada, os prédios ficam à disposição do Estado para serem reaproveitados.

Em 2016, foram paralisadas as atividades nas Escolas Estaduais Irmã Sheilla e Delvira Carvalho Gondim, localizadas em Natal e Nísia Floresta. Em 2015, as Escolas Isolada Hélio Ferreira e 30 de Outubro, localizadas nos municípios de São José de Mipibu e Macau.

Em 2014, tiveram suas atividades encerradas as Escolas Estaduais Desembargador Sinval (em Martins); Dom João Costa e Santo Antônio (em Mossoró); Olímpio Procópio de Moura (em Lajes); Domingos V. de Morais (em Caraúbas); Francisco Dantas (em Francisco Dantas); Professora Rosa Cunha e Maria de Lourdes Dias (em Touros). Também as Escolas Isoladas de Regomoleiro em São Gonçalo do Amarante, Torto em Alexandria e Boágua em Antônio Martins.

Os estudantes das escolas que tiveram as suas atividades encerradas foram transferidos, sem comprometimento das atividades letivas, para outras escolas da rede estadual ou municipal na localidade.

Lista das escolas paralisadas aqui.

MEC se pronuncia sobre suposto hackeamento do Sisu e Enem

1 de fevereiro de 2017

Diante das denúncias de suposto hackeamento dos sistemas do Sisu e Enem, o Ministério da Educação (MEC) e o Inep (Instituto Nacional de Estudos e Pesquisas Educacionais Anísio Teixeira) esclarecem:

1- Os sistemas do MEC e do Inep não registraram, até o momento, indício de acesso indevido a informações de estudantes cadastrados, que configure incidente de segurança;

2- Há relatos na imprensa de casos pontuais de acesso indevido a dados pessoais de candidatos, que teriam possibilitado mudança de senha e de dados de inscrição, como a opção de curso. A senha é sigilosa e só pode ser alterada pelo candidato ou por alguém que tenha acesso indevidamente a dados pessoais do candidato;

3- Casos individuais que forem identificados e informados ao MEC, como suposta mudança indevida de senha e violação de dados, serão remetidos para investigação da Polícia Federal. Nos dois casos citados pela imprensa, o Inep já identificou no sistema data, hora, local, operadora e IP de onde partiram as mudanças de senha. Os dados serão encaminhados para a Polícia Federal;

4- Ressaltamos, também, que todas as ações realizadas no sistema são gravadas em log (registro de eventos em um sistema de computação), de forma a possibilitar uma auditoria completa;

5- A Secretaria de Educação Superior (Sesu) destaca que a atual gestão assumiu a pasta em maio de 2016, com o processo do Enem 2016 em curso, na última semana de inscrições. Por isso, todo o sistema de operacionalização do Enem 2016, definido na gestão anterior, estava em funcionamento e não pôde ser alterado no meio do processo;

6- Para o Enem 2017, as equipes do Inep e da Sesu estão trabalhando para aperfeiçoar o exame, de forma a garantir segurança e tranquilidade aos inscritos.

Casos

Gabriela de Souza Ribeiro – A candidata que alega ter tirado nota mil na redação do Enem 2016, na verdade, obteve 460 pontos. Constam dos registros do Sisu acessos com os dados da candidata nos dias 24 e 29 de janeiro, respectivamente, às 11h30 e 12h33, e em nenhum deles foi realizada inscrição em qualquer curso.

Terezinha Gomes Loureiro Gayoso – Constam dos registros do Sisu acessos nos dias 24 e 29 de janeiro, respectivamente, às 12h15 e 22h12. O sistema também apresenta três tentativas de acessos sem sucesso (no dia 24 de janeiro, sendo dois deles às 20h06 e o último às 20h07). A única opção de escolha de curso que está registrada é a do curso de produção de cachaça do Instituto de Educação, Ciência e Tecnologia do Norte de Minas Gerais – Campus Salinas, realizada no dia 29 de janeiro às 22h14, conforme último acesso registrado no Sisu. A candidata concorreu à vaga na modalidade de candidatos com renda familiar bruta per capita igual ou inferior a 1,5 salário mínimo que tenham cursado integralmente o ensino médio em escolas públicas (Lei nº 12.711/2012). Cabe ressaltar que, em 2011, a referida candidata ficou na lista de espera do Sisu pelo curso de medicina.

UFRN disponibiliza mais de 6,8 mil vagas para o Sisu

24 de janeiro de 2017

Começam hoje (24), e seguem até sexta-feira (27), as inscrições no Sisu (Sistema de Seleção Unificada) para ingresso em 2017 nas instituições de ensino superior, exclusivamente pela internet, no endereço sisu.mec.gov.br. A UFRN disponibiliza 6.898 vagas, sendo 4.614 para o primeiro semestre e 2.284 para o segundo semestre.

Pró-reitora de Graduação, Maria das Vitórias Almeida Vieira de Sá informa que os estudantes podem optar por dois cursos em diferentes instituições e áreas de ensino, mas antes de se inscrever é importante conhecer os editais de cada instituição e ficar atento à escolha da modalidade de concorrência. O edital de ingresso, o quadro de vagas e outras informações sobre o Sisu na UFRN estão no site sisu.ufrn.br.

Secretária de Educação vai ao TCE dialogar sobre convocações

11 de janeiro de 2017

Secretária de Educação do RN, professora Cláudia Santa Rosa foi hoje (11) ao TCE para se reunir com o conselheiro Paulo Roberto Chaves Alves e continuar o diálogo que visa esclarecer questionamentos relativos ao concurso realizado no ano de 2015 e a pasta poder realizar novas nomeações para suprir necessidades da Rede Estadual de Ensino.

Acompanhada pelo subsecretário de Educação, Marino Azevedo, e pelo coordenador da Assessoria Jurídica, Raphael Gurgel, a secretária apresentou ao conselheiro que a SEEC vem buscando, junto a outras pastas do governo estadual, esclarecer todas as dúvidas do TCE.

“Com o início do ano letivo de 2017 cada vez mais próximo, resolver essa situação é garantir a convocação de concursados e, assim, junto a outras medidas, solucionarmos o problema que compromete as metas de aprendizagens elaboradas para as escolas”, justifica a secretária.

O conselheiro Paulo Roberto orientou a sua assessoria técnica para agilizar as análises que cheguem a uma solução no menor tempo possível, observando os trâmites legais.

Gestão democrática: eleições para diretores nas escolas do RN

4 de janeiro de 2017

O governador Robinson Faria sancionou a lei complementar que dispõe sobre a gestão democrática e participativa da Rede Pública Estadual de Ensino, sancionada em 30 de dezembro de 2016 e publicada no Diário Oficial do Estado (DOE) na edição do dia 31.

Proposta pelo Executivo, é resultado de estudos da Comissão Estadual Central de Gestão Democrática que elaborou o texto base e das discussões realizadas nos 16 fóruns regionais e no fórum estadual. Uma das intenções é a eleição para diretores e vice das unidades escolares, com mandato de três anos, em vez de dois.

Outra mudança é o fim da obrigatoriedade de o candidato ter pelo menos dois anos de atuação na escola. Com a nova lei, o gestor precisa atuar no mínimo por um ano na unidade para concorrer a uma das vagas de gestor.

A Lei 585 revoga a Lei Complementar Estadual nº 290, de 16 de fevereiro de 2005, e o Decreto nº 18.463, de 24 de agosto de 2005.

UFRN: pós em Bioinformática abre inscrição para mestrado e doutorado

23 de dezembro de 2016

O Programa de Pós-Graduação em Bioinformática (Bioinfo) da UFRN abriu inscrições, até 29 de janeiro, para o processo seletivo de preenchimento de oito vagas para mestrado e cinco vagas para doutorado.

A seleção do mestrado será de prova escrita de conhecimentos específicos, entrevista e análise de carta de apresentação e intenções, além de uma avaliação do Currículo Lattes. No doutorado, avaliação e arguição do pré-projeto de pesquisa e a análise do Currículo Lattes.

Mais informações  pelo e-mail bioinfo@imd.ufrn.br ou pelos telefones (84) 3342.2216, no ramal 123, ou (84) 99480-6818.

UFRN: unidades de Natal e Santa Cruz vão ganhar elevadores

22 de dezembro de 2016

A UFRN vai instalar elevadores de passageiros em mais de 20 prédios no Campus Central, em Natal, e na Faculdade de Ciências da Saúde do Trairi (Facisa), em Santa Cruz.

O contrato para fornecimento e instalação, manutenção preventiva e corretiva foi assinado na tarde de ontem (21), pela reitora Ângela Paiva e representantes da empresa Elevadores Villarta Ltda, ganhadora da licitação. O prazo de conclusão do trabalho é de 12 meses.

Também assinou contrato para complementação de climatização do prédio do Laboratório Institucional de Microscopia Eletrônica e Caracterização de Materiais e Laboratório de Metrologia (LIME), celebrado entre UFRN e Arplan Engenharia Térmica Ltda, com prazos de 180 dias corridos para climatização e 360 dias corridos para manutenção preventiva e corretiva.

Os prédios beneficiados com os elevadoressão:

Residência Universitária do Trairi;
Pavilhão Acadêmico do Trairi – Bloco I;
Centro de Treinamento e Escola de Governo;
Instituto Internacional de Física;
Laboratório de Estudos Sismológicos;
Anexo da Ecologia;
Ampliação da Reitoria;
Prédio de Engenharia de Materiais;
Departamento de Comunicação do Centro de Ciências Humanas, Letras e Artes (CCHLA);
Departamento de Odontologia;
Instituto Ágora;
Laboratório de Metrologia e Microscopia (LIME);
Laboratório de Planejamento Urbano e Regional (Labplan) do CCHLA;
Núcleo de Pesquisa e Inovação em Tecnologia da Informação (NPITI);
Setor de Aulas Teóricas IV;
Residência Campus III (Campus Central);
Residência Campus IV (Campus Central);
Centro de Ciências Exatas e da Terra (CCET);
Centro de Educação (CE);
Departamento de Enfermagem;
Acessibilidade da Reitoria;
Superintendência de Infraestrutura (Infra);
Diretoria de Atenção à Saúde do Servidor (DAS);
Laboratório de Fenômenos de Transporte (DEQ);
Laboratório de Geologia e Geofísica de Petróleo II;
Setor Avançado de Pesquisas Clínicas Experimentais do Centro de Biociências (Sapec).

MEC aprova novos cursos de mestrado para a UFRN

13 de dezembro de 2016

O MEC (Ministério da Educação) aprovou a criação do mestrado acadêmico em Engenharia Têxtil e de dois mestrados profissionais na UFRN: Inovação em Tecnologias Educacionais e Gestão e Inovação em Saúde.

Os editais de seleção dos novos cursos serão lançados em breve para início das aulas no período 2017.1. O de Engenharia Têxtil, vinculado ao Centro de Tecnologia (CT) da UFRN, é o primeiro no Brasil dedicado a essa área.

Segundo o pró-reitor de Pós-Graduação, Rubens Maribondo, a conquista é fruto do planejamento estratégico da universidade, que encaminhou docentes para cursar doutorado em Engenharia Têxtil no exterior e contratou novos professores com formação específica e perfil adequado para atuar na pós-graduação.

Os novos programas de pós-graduação são vinculados, respectivamente, ao Instituto Metrópole Digital (IMD) e ao Centro de Ciências da Saúde (CCS) da UFRN.

A UFRN passa a dispor de 88 programas de pós-graduação, 84 cursos de mestrado (entre acadêmico e profissional) e 41 de doutorado.

Finalmente! O Campus da UERN Natal

6 de dezembro de 2016

A Secretaria de Infraestrutura do Estado informa que, após quase 270 dias de obras, a sede própria da UERN (Universidade Estadual do Rio Grande do Norte) em Natal, na Av. João Medeiros Filho, zona norte, será entregue até o fim deste mês.

Estão sendo feitos  serviços de pintura, gesso, revestimento externo do prédio, aplicação da impermeabilização da manta de cobertura, finalização dos banheiros, instalações elétricas e hidrossanitárias.

São vinte salas de aulas, cinco laboratórios, setor administrativo, banheiros, espaço para convivência e mini-auditório. Vai suprir uma demanda crescente em Natal e região metropolitana, com graduação nas áreas de Informática e Humanas. Cerca de mil alunos serão beneficiados com os cursos de Ciência da Computação, Ciência da Religião, Ciência e Tecnologia, Direito e Turismo.

Falta de alunos pode levar a fechamento de escolas no RN

5 de dezembro de 2016

Existem escolas na rede estadual de ensino que contam apenas com quatro, cinco, dez alunos, no Rio Grande do Norte. Foi o que apontou o relatório do Plano Estadual de Educação (PEE).

Foram detectados alguns cargos de diretores com dedo indicador político, assim, mantiveram tais escolas funcionando para possibilitar gratificação a gestores.

Algumas escolas não têm alunos suficientes para sequer um turno, mas, em algumas, diretores abriram dois turnos. É que dois turnos engordam a gratificação.

Há anos o governo estadual vem mantendo escolas que não têm alunos suficientes para justificar funcionamento. Sofre o erário. Paga o contribuinte.

Para dar um basta no cenário absurdo, a secretária Cláudia Santa Rosa (Educação) está disposta a colocar a mão no vespeiro. Com um redimensionamento da rede escolar.

Segundo o Zangão-Educacional, escolas sem alunos suficientes para o funcionamento podem ser fechadas. Assim, reorganizar outras para tornar exemplos.

Em tempo

Relatório do PEE de 2015 aponta 1.242 aposentadorias na Secretaria de Educação. Além de 3.222 licenças em geral.

Então

Somente com medidas impopulares e coragem política será possível corrigir erros recorrentes, que incham o sistema financeiro do Estado, aperta o bolso do cidadão e impossibilita o desenvolvimento.

Não apenas na área de educação, mas em diversas frentes de necessidade.

Seec abre inscrição para seleção de assessor pedagógico

28 de novembro de 2016

A Secretaria de Educação do RN (Seec) abriu inscrições – até 7 de dezembro – para o processo seletivo simplificado para assessor pedagógico de escolas estaduais, destinado para professores e especialistas do quadro interno na Seec, órgão central, técnicos das Diretorias Regionais de Educação e Cultura e servidores das escolas estaduais.

A seleção será feita em duas etapas, uma realizada pelo Instituto de Educação Superior Presidente Kennedy e a outra pela Seec. A primeira será de avaliação da ficha de inscrição e a segunda contará com entrevista e atividade prática.

Maior idade e tempo de experiência em atividade pedagógica serão critérios em caso de empate. A divulgação do resultado final será dia 27 de janeiro de 2017, pelo site educacao.rn.gov.br.

IFRN Canguaretama seleciona professores para Saberes Indígenas

22 de novembro de 2016

Estão abertas até amanhã (23) as inscrições para professores que atuarão na Ação Saberes Indígenas, programa aprovado pelo Ministério da Educação, no  Campus Canguaretama do IFRN. O objetivo é selecionar profissionais para atuar na formação continuada de professores indígenas alfabetizadores e na produção de material didático e paradidático.

Os selecionados terão direito a bolsa de de R$ 1.100, com duração de 10 meses. São quatro vagas. Para o processo seletivo, é encaminhar currículo e carta de intenção para o e-mail: saberesindigenas@ifrn.edu.br; assunto: processo seletivo. Mais informações aqui.

O programa é voltado para os povos indígenas Sagi Trabanda (Baía Formosa), Catu dos Eleotérios (Canguaretama e Goianinha), Caboclos do Assu (Assu), Mendonça do Amarelão, Santa Teresinha, Serrote de São Bento (João Câmara) e Tapará (Macaíba), que compõem o Território Educacional Potiguara e Tapuia, no RN.

Governo lança novo Portal de Bibliotecas do RN

11 de outubro de 2016

A Secretaria da Administração e dos Recursos Humanos (Searh) e a Escola de Governo Cardeal Dom Eugênio de Araújo Sales (EGRN) lançam no próximo dia 14 o novo Portal de Bibliotecas do RN (BIB), reunindo todo o conteúdo bibliográfico das principais instituições públicas do estado. O evento será às 9h, no miniauditório da EGRN, aberto ao público em geral, com palestra da professora Rildeci Medeiros, ex-presidente da Comissão Brasileira de Bibliotecas Universitárias e ex-diretora da Biblioteca Central da UFRN. Vai explicar a importância de um portal de bibliotecas para a cultura do estado.

Por meio do BIB-RN, as pessoas podem pesquisar livros e documentos de forma mais rápida, além de realizar buscas filtradas de cada instituição cadastrada.

Atualmente as instituições participantes da Rede BIB-RN são: Academia de Polícia Civil do RN; Academia de Polícia Militar Cel. Milton Freire de Andrade; Assembleia Legislativa do RN; Biblioteca Escolar Prof. Américo de Oliveira Costa; Centro de Formação de Pessoal para os Serviços da Saúde; Consultoria Geral do Estado; EGRN; Instituto de Assistência Técnica e Extensão Rural do RN; Escola da Magistratura, Instituto de Educação Superior Presidente Kennedy, Ministério Público do RN, Parque das Dunas de Natal, Procuradoria Geral do Estado, Tribunal de Contas do Estado, Tribunal de Justiça e a UERN.

Outras instituições que possuem bibliotecas ou projetos para implantação de bibliotecas/acervos também podem integrar o Portal BIB-RN, aproveitando o benefício das vantagens da catalogação cooperativa, compartilhando informações, agilizando processos e diminuindo custos, além de difundir os próprios conteúdos de caráter bibliográficos.