Arquivos da categoria ‘Botecos e afins’

Festival da Ginga movimenta a Redinha no próximo final de semana

11 de fevereiro de 2020

Valorizando o mais popular dos petiscos praianos da Redinha, será realizado do próximo sábado, dia 15, o 4º Festival da Ginga. O evento é promovido pela prefeitura de Natal, através da secretaria de Turismo de Natal (Setur). As degustações começam a partir de 9hs, na Praça do Pescador, no bairro da Redinha.

Ginga com tapioca na Redinha é tudo de bom. Foto Arquivo TN

Ginga com tapioca na Redinha é tudo de bom. Foto Arquivo TN

Participarão do festival 16 comerciantes do Mercado da Redinha e de restaurantes da praia. Haverá um concurso gastronômico tendo a ginga como a base dos pratos. O peixinho, aliás, tem desafiado a criatividade dos participantes. Em 2019, o prato vencedor foi uma ‘Moqueca de Ginga com Camarão’.

 Para quem ainda não degustou, vale relembrar a receira: A ginga é um peixe pequeno, frito na mistura de óleos e azeite de dendê e servido tradicionalmente com tapioca ao coco. A receita foi criada por pescadores daquela praia há mais de meio século.

“Este ano, teremos um pavilhão coberto com 120 mesas, que vai do Redinha Clube ao Mercado da Redinha. Com isso, proporcionamos mais conforto aos consumidores. Esperamos no próximo dia 15 a presença de mais de 300 pessoas no evento”, calculou o idealizador do Festival e assessor técnico da Setur, Franklin Delano Garcia.

Cinco jurados do segmento gastronômico natalense avaliarão os pratos e premiarão os três primeiros colocados. O primeiro lugar será agraciado com um fogão quatro bocas, ofertado pela Câmara de Dirigentes Lojistas de Natal (CDL/Natal), o troféu Ginga de Ouro e um certificado de participação. O segundo e o terceiro colocado também receberão prêmios, mais os troféus e certificados. “O principal critério de avaliação é a apresentação do prato. A ginga com tapioca é nosso patrimônio imaterial municipal e estadual. Vamos iniciar uma campanha para tornar a iguaria patrimônio nacional”, informou Franklin Delano.

O público também será brindado com várias atividades esportivas e de lazer. Nara Costa, Debinha Ramos e Banda do Suvaco serão as atrações musicais que irão animar o público durante o Festival da Ginga. Profissionais da Secretaria Municipal de Saúde (SMS) aferirão a pressão arterial dos presentes e distribuirão preservativos. Já a Secretaria de Esporte e Lazer (SEL) promoverá competição de canoagem e voos de parapente.

Natal Fest Gourmet começa nesta quinta-feira, na Praça Pedro Velho

18 de dezembro de 2019

A gastronomia natalense volta a ocupar a Praça Pedro Velho neste fim de semana, com a realização da 3ª edição do Natal Fest Gourmet. O festival começa nesta quinta-feira (19) e vai até sábado (21) de dezembro, com acesso gratuito e horário entre 16h e 23h. O início no final da tarde é ideal para um happy hour e também pode servir de esquenta para os shows do Natal em Natal que acontecem próximo à praça.

Arena Senac de Gastronomia contará com três oficinas por noite. Foto Rogério Vital

Arena Senac de Gastronomia contará com três oficinas por noite. Foto Rogério Vital

De acordo com o produtor Habib Chalita, o objetivo é integrar o festival ao programa do ciclo natalino do bairro durante o Natal em Natal, como shows musicais e o comércio. A partir das 17h, já tem início as oficinas na Arena Senac de Gastronomia.

O formato de praça de alimentação vai ocupar toda a área com estandes de restaurantes e bares. Já a Arena Senac de Gastronomia  é onde irão acontecer as oficinas ao vivo. Um sistema de cartelas será oferecido para dar mais comodidade a quem quer degustar em diferentes estabelecimentos. Além da Arena Senac e dos estandes de restaurantes, há um lugar reservado para os pequenos, espaço kids, coordenado pela empresa Divirta Kids.

Chef Adriana Lucena vai servir sua seleção de queijos especiais, pimentas e geleias artesanais

Chef Adriana Lucena vai servir sua seleção de queijos especiais, pimentas e geleias artesanais

Estarão operando na praça a Totoia Restaurante, Paçoca do Pilão, Kojim Restaurante, Cozinha da Nêga, Anena Pães Artesanais, Massa Fina, Chef Adriana Lucena com queijos artesanais, geleias e pimentas, Caroli Doces, Mil Folhas Doces, Original Dindim, chopp artesanal da Perversa e Aroeira Gin.

A cozinheira Denize Santana prepara quitures praieiros na Cozinha da Nega. Foto Tribuna do Norte

A cozinheira Denize Santana prepara quitures praieiros na Cozinha da Nega. Foto Tribuna do Norte

Já o pavilhão da Arena Senac de Gastronomia contará as seguintes oficinas: Na quinta-feira, dia 19/12, as oficinas tem início às 17h com a chef Amanda Navarro e Sabores Tailandeses – Som Tam. Às 19h, a chef Elizabeth Assunção prepara ao vivo a receita Baião de 3. E Renata Lopes com prato ao estilo Surf’n’Turf (19h). No dia Dia 20/12 será a vez do chef Paulo Arsand vai servir os Sabores dos Pampas gaúchos (17h). Depois chef Thiago Gomes apresentar o passo a passo da Moqueca Afrodisíaca (19h), Tulyane Bezerra fará um Um passeio pelo Seridó (20h). No último dia 21/12 a plateia poderá acompanhar ao vivo o chef Alisson Marinho com dois pratos, o Nhoque de batata doce e laranja (19h e o Ravioli Canto do Mangue (20h).

O festival já teve edições na praça Augusto Severo, em 2017, e no Terminal Marítimo de Passageiros, em 2018. Este ano o festival conta com patrocínios da Prefeitura de Natal, Unimed Natal através da Lei Djalma Maranhão e entidades parceiras SENAC-RN e SEBRAE-RN.

SERVIÇO

3º Natal Fest Gourmet

Dias 19, 20 e 21, das 16h às 23h

Praça Pedro Velho (Cívica). Av. Prudente de Morais, Petrópolis

Programação das oficinas na Arena Senac

Dia 19/12

17h Amanda Navarro: Sabores Tailandeses – Som Tam

19h Elizabeth Assunção: Baião de 3

20h Renata Lopes : Surf’n’Turf

Dia 20/12

17h Paulo Arsand: Sabores dos Pampas gaúchos

19h Tulyane Bezerra : Um passeio pelo Seridó

20h Thiago Gomes : Moqueca Afrodisíaca Dia 21/12

Dia 21/12

19h Alisson Marinho

Nhoque de batata doce e laranja

20h Ravioli Canto do Mangue

Aroeira Gin faz lançamento oficial nesta quarta-feira em Natal

18 de dezembro de 2019

Destilado da moda, o gin ganhou recentemente sua marca potiguar, com a chegada do Aroeira Gin, que após uma temporada experimental passa a ser comercializado nas lojas locais. O lançamento oficial é nesta quarta-feira, a partir das 19h, no Restaurante 294 (av. Deodoro da Fonseca, Petrópolis). O lançamento é aberto para quem estiver no restaurante.

Garrafinhas do Aroeira Gin vem em duas opções de 400ml e 750ml

Garrafinhas do Aroeira Gin vem em duas opções de 400ml e 750ml

Na ocasião serão servidos três tipos de drinques ao preço de R$15 e também as garrafinhas do Gin de Aroeira nas versões 400ml (R$35) e 750ml (R$60). O Aroeira Gin é uma mistura de referências locais, com a presença da pimenta nativa do agreste e abase do clássico destilado popularizado pelos ingleses.

A marca é uma criação do trio Carlos Sérgio Moura (ex-Don Cervantes/Don Quixote), o advogado e estudante de gastronomia Rodrigo Calazans, responsável pela alquimia, e Ewerton Batista, que trouxe a experiência de destilação dos engenhos de Ceará-Mirim.

O gin de aroeira tem teor alcoólico de 45% e ressalta os sabores cítricos e florais, e o aroma típico da pimenta rosa. A babida é feita à base do álcool de cereal, que não tem cheiro e é mais neutro que os outros, e destaca o zimbro, a fruta que é obrigatória na composição de qualquer gin.

O Aroeira também vai participar de eventos, como o Natal Fest Gourmet, que começa nesta quinta-feira (19).

Veja quem venceu a 1ª edição do Roda de Boteco Natal

20 de dezembro de 2017

Depois de quase um mês de rodada pelos 30 melhores petiscos de boteco da cidade,  chegou o momento de conhecer os vencedores, por votação popular, da 1ª edição do festival Roda de Boteco Natal. O anúncio foi feito na noite de segunda-feira (18) em um jantar no Tábua de Carne Restaurante, Via Costeira. Vamos a eles:

Na Categoria Melhor Boteco, o 1º Lugar ficou para o Garage Car Wash e Bar com o petisco S10 Edição Limitada. O 2º Lugar quem levou foi a Cigarreira do Pernambuco com o petisco Charqueado do Perna. E em 3º Lugar Meu Barraco Boteco Bistrô, com o petisco Medalha de São Jorge.

Turma do Garage Car Wash Bar, vencedor do primeiro Roda de Boteco de Natal. Foto Anastácia Vaz

Turma do Garage Car Wash Bar, vencedor do primeiro Roda de Boteco de Natal. Foto Anastácia Vaz

Na categoria Melhor Atendimento, foram escolhidos: 1º Lugar: Matheus Ramalho da Cigarreira do Pernambuco; 2º Lugar: Valnei do Garage Car Wash e Bar e em 3º Lugar: Hérica Oliveira do Meu Barraco Boteco Bistrô.

“A primeira edição do Roda de Boteco Natal cumpriu seu papel durante 23 dias (de 24 de novembro a 16 de dezembro) sendo 30 pontos de encontro para conversar com os amigos, degustar pratos deliciosas e aproveitar vários eventos culturais em cada um destes lugares. Mais do que um Festival, um grande encontro de amigos”, pontuou Carlo Alberto Santos, da Ecos Eventos, organizador do Roda de Boteco.

Para Lidiane Pontes, proprietária do Garage Car Wash e Bar vencer a primeira edição do Roda de Boteco Natal significa muito para uma equipe que forma o boteco há apenas 9 meses de funcionamento. “Foi uma surpresa muito agradável para este final de ano. E ainda tivemos o segundo lugar em atendimento. Muito bom”, ressaltou o gerente Anderson Purificação do Garage Car Wash e Bar que fica no bairro Mirassol, rua Antônio Queiroz, 1929.

Todos os premiados da 1ª Roda de Boteco de Natal. Foto: Anastácia Vaz

Todos os premiados da 1ª Roda de Boteco de Natal. Foto: Anastácia Vaz

De acordo com Marcos Rios, da segunda geração a frente da administração da Cigarreira do Pernambuco, que funciona em Cidade Satélite, no Lago da Pedra S/N, a ideia era vencer o festival. “Há 21 anos meus pais, Pernambuco e Dona Morena criaram a cigarreira. E a chegada deste festival foi um grande desafio e uma grande oportunidade para marcar o estabelecimento. Vencemos na categoria Melhor Atendimento e ficamos em segundo no Melhor Petisco”, ressaltou.

Juliana Barros e Kize Santos que comandam o Meu Barraco Boteco Bistrô estavam radiantes com a 1ª Edição do Roda de Boteco Natal. “A cidade precisava de um evento deste porte para apresentar o que fazemos para toda a sociedade. O evento valorizou a gastronomia, movimentou os bares e botecos e tem ficar em definitivo no nosso calendário”, disse Kize Santos comemorando o 3º lugar duplo nas categorias Melhor Petisco e Melhor Atendimento.

A noite ainda teve homenagem aos apoiadores do primeiro ano do Festival. SENAC RN e Fecomércio RN, representados na noite pela diretora de educação, Lucinete Araújo, Sebrae-RN, representado pela analista do setorial de alimentos fora do lar, Ana Maria Fonseca Ubarana, Cervejaria Devassa, Band Nordeste e Jurandir Alves, secretário Adjunto do Turismo do Estado, representando o secretário estadual do Turismo, Rui Gaspar.

Crédito das fotos: Anastácia Vaz.

Festival Roda de Boteco vai até 16 de dezembro em Natal

29 de novembro de 2017

Para os botequeiros não esquecerem: prossegue até 16 de dezembro, a 1ª edição do renomado festival Roda de Boteco, evento que promete movimentar a cidade com o estímulo à gastronomia dos botecos locais. A partir do voto do público, o concurso vai eleger o Melhor Bar/Boteco e o Melhor Atendimento da cidade. Nada menos que 30 participantes estarão com um prato especialmente criado para o festival.

O Festival é realizado pela Ecos Eventos com patrocínio da Cerveja Devassa e apoio do SENAC – FECOMÉRCIO, SEBRAE. A apuração dos votos fica a cargo da Merccato Inteligência competitiva. Para participar, é preciso consumir o petisco elaborado por cada estabelecimento, especialmente para o evento, e solicitar a cédula de votação.

Bolinhos de feijoada do BomBar, em Petrópolis. Foto Kamilo

Bolinhos de feijoada do BomBar, em Petrópolis. Foto Kamilo

Os pratos têm o preço único deR$24,90. A primeira cerveja virágrátis. Em 2017 o Festivalcompletou 13 anos de sucessoonde foi criado, Vitória (ES). O evento acontece também em Colatina (ES), Recife (PE), Caruaru(PE), Brasília (DF) e Feirade Santana (BA). O festival pretende também aumentar o movimento nos bares e botecos de Natal ao longo do período de disputa.

Acompanhe quem está participando e aproveite para degustar as iguarias: Amarelinho Bar (filé acebolado ao molho barbecue); Arretado Bar e Petiscaria (carne de sol arretada); Bar do Pedrinho (filé suíno); Bardallo’s (bife trinchado); Bar o que Petiscaria (peixe à moda); Baviera Chopp Bar (filé ao molho gorgonzola); BomBar (bolinho de feijoada); Boteco do Arrumadinho (arrumadinho tropical); Chopperia Petrópolis (pão recheado com carne de sol na nata); Cigarreira do Pernambuco (charque desfiada).

Medalhas de São  Jorge é o petisco do Meu Barraco Bistrô

Medalhas de São Jorge é o petisco do Meu Barraco Bistrô

Segue com a Cipó Brasil (creme de ricota com tomate temperado e caponata); Come Way Creperia e Batataria (patola de caranguejo potiguar); Confeitaria Atheneu (paçoca de Dona Sílvia); Espetado do Japa (coração de galinha ao molho madeira); Espetinhos Apodi (mistão nordestino); Garage Car Wash e Bar (crispy de carne de sol com bolinhode bacalhau); Integra Petiscaria (frango empanado na cerveja); Meu Barraco Bistrô (medalha de calabresa e queijo); Na Praça (escondidinho); Nosso Buteco (costela desfiada com especiarias). E ainda Pizzaria Tomatto ZN (tiras à parmegiana); Poeta Restaurante Petiscaria (picanha suína grelhada); Real Botequim (linguiça recheada com provolone); Sr. Gourmet Bistrô (panelinha de moela ao vinho); Taboleiro (linguiça com cuzcus ecoalho); Tomatto Cidade das Rosas (bolinhos nordestinos); Tomatto Grill (iscas de carne, frango e camarão), entre outros.

No LINK AQUI você encontra o detalhamento dos pratos, endereços e horários de funcionamento dos bares participantes.

No Dia dos Solteiros, veja 21 lugares para dançar e conhecer pessoas em Natal

15 de agosto de 2017

Que a data não cause inveja a Santo Antônio, mas vocês sabiam que existe o Dia dos Solteiros!? O 15 de agosto (terça-feira) não é bem uma data rival do Dia dos namorados e sequer tem o mesmo apelo comercial. Mas quem se importa? Para os que saem de segunda a segunda, é só mais um dia favorável ao happy hour. Já os mais caseiros tem novo argumento para largar as maratonas de séries e ir pra rua interagir, quem sabe pegar um  cineminha…

memes-17

Alguns amigos solteiros, entre empresários, jornalistas, produtores e publicitários ajudaram ao blog a indicar seus lugares preferidos para se divertir em Natal, não necessariamente em busca de descolar um novo ‘crush’, mas para conhecer pessoas interessantes, encontrar ou fazer novos amigos, bailar sozinho ou em boa companhia.

Além dos botecos, boates e pubs, foram citados na enquete as noites da praia da Pipa, no litoral sul, o deck aos domingos na praia de Ponta Negra, os shows do Arena das Dunas e a Spotted Fest, famosa balada que celebra o enterro do semestre universitário. Enquanto não acontecem agitos nesses locais, fiquemos com a lista abaixo de 22 rolés para curtir. Se o seu lugar preferido não abre nesta terça-feira, não esquente. A ideia aqui é dar dicas para uma esticada em dias mais propícios.

Botequim Tá na hora une boa gastronomia, carta de bebidas e música ao vivo. foto: Arquivo TN

Botequim Tá na hora une boa gastronomia, carta de bebidas e música ao vivo. foto: Arquivo TN

Botequim Tá na hora  – É a cara da agitada vida de Ponta Negra. Opção para quem procura lugar descontraído com música ao vivo. Na terça-feira, Dia dos Solteiros, tem Brilhantes do Forró e pagode com Jonas Silva. Entrada free antes das 20h. Tem outras atrações ao longo da semana para comemorar o aniversário da casa. O ambiente é de botequim estilizado, bem decorado e com uma área externa. Cardápio serve clássicos da cozinha botequeira, atualizados. Bebida é a cerveja bem gelada, e também carta de long drinks, todos destilados e os clubes do whisky, clube da vodka Absolut Amigos, e para completar uma carta de vinhos garimpada pela sommelier Fabiana Dall’Onder. Fechado apenas as segundas e quartas. Funciona terças, quintas e sextas 18:00h às 2:00h, sábados das 12:00h a 1:00h  e domingos das 15:00h a 0:00h.

Aloha Beach Club. Foto Alex Régis/TN

Aloha Beach Club. Foto Alex Régis/TN

Aloha Beach Club – É pé na areia e alto astral. O bar fica na beira da Praia de Ponta Negra, próximo do Morro do Careca. Tem uma decoração bem estilosa em tons de azul, com madeira aparente e barquinhos cenográficos para sentar. Funciona todos os dias, das 9h da manhã às 22h.  Um lugar diferente, onde agrega serviço de lounge, restaurante e bar de praia. E ainda tem a paisagem natural incrível para papear e engatar um encontro. Av. Erivan França 184. Tel: 98855-5120.

Old Five beach restaurante fica ao pé do Morro do Careca. Foto Alex Régis/TN

Old Five Beach restaurante fica ao pé do Morro do Careca. Foto Alex Régis/TN

Old Five Beach – Também está localizado em um dos locais mais bonitos de Ponta Negra, ao pé do Morro do Careca. É romântico ideal para juntar um grupo de amigos e começar os trabalhos no fim de tarde. A tradição dos luais ali vem de décadas, quando ali funcionava o CocoBeach. Boa gastronomia e boa carta de bebidas. Funciona todos os dias, mas na terça-feira o horário é mais curto: das 9h da manhã até 19h. A partir de quarta-feira é das 09 da manhã até 0h. Rua Erivan França, n° 230 A Ponta Negra, Tel.: 3025-7005

Taverna Pub tem shows de pop rock e música dançante. Foto: Facebook

Taverna Pub tem shows de pop rock e música dançante. Foto: Facebook

Taverna Pub – O mais antigo pub da rua Dr Manoel Araújo, em Ponta Negra, funciona desde 1997 no antigo Hostel Castelo Lua Cheia. Tem em seu repertório musical, sempre com bandas ao vivo, aos estilos de samba, pop, rock, samba-rock, blues, disco anos 70, entre outros. É ponto de frequência de natalenses e de turistas na  faixa etária dos 30 em diante. Funciona de segunda-feira a sábado, a partir das 21h. Esta terça-feira será animada por Diego Brasil & Banda. Quem chegar cedo para jantar o crepe na Mambo creperia, localizada em frente ao pub, tem entrada free no Taverna.  Tel.: 3236-3696.

Balada tem ótima caranguejada. Foto Revista Deguste

Balada tem ótima caranguejada. Foto Revista Deguste

Balada Bar – Um lugar para reunir amigos, beber e petiscar, principalmente o caranguejo, especialidade da casa. Para todas as faixas etárias. Música ao vivo despejada, com MPB, reggae e soul. Av. Xavier da Silveira – 936 – Morro Branco. Funciona de quarta-feira a domingo, a partir das 16h. Tel.: 2010-1920

Seis em Ponto é agito certo na z. Norte. foto: Reprodução

Seis em Ponto é agito certo na z. Norte. foto: Reprodução

Seis em Ponto Bar e Petiscaria – Localizado na zona Norte de Natal, é  um espaço divertido para fãs de música popular dançante — leia-se samba, pagode, sertanejo. Petiscos a preços acessíveis, como o camarão, e uma agenda musical eclética, a partir da quarta-feira: Dia 16 tem Sambacom Fabiano Barbosa; na quinta Brilhantes do forró e banda Auto Estiva. Na sexta 18, Cristiano Frois e Sunse7. No sábado, Junior Bahya e Placílio Diniz. E fecha o domingo com Briola e Gisele Alvez. Av. Dr° João Medeiros Filho. O número é 1850. Fica ao lado do Kintal II e em frente ao Supermercado Nordestão. Tel.: 98807-6081.

Rastapé é o melhor lugar para dançar um forró. Foto: Arquivo TN

Rastapé é o melhor lugar para dançar um forró. Foto: Arquivo TN

Rastapé Casa de Forró – Pode chamar de salão de baile, danceteria, mas é uma autêntica casa para dançar forró, a torto e a direito. Se você curte o ritmo ou quer aprender, esse é o lugar.  Funciona às quarta-feiras, sextas e sábados, com vários shows.  Próxima sexta tem banda Saia Rodada. Rastapé conta com cinco bares espalhados por três ambientes, salão pro bate coxa forrozeiro, espaço com mesas pro bate papo e um espaço onde se dança e se conversa ao mesmo tempo, “lugar perfeito pros compadres e pras comadres cochicharem no pé d’ouvido”, informa em sua rede social. Onde: Rua Aristides Porpino Filho, 2198. Tel.: 3219-0181.

Festa Tropicalize no Ateliê Bar. foto: Gustavo Dornelas/Internet

Festa Tropicalize no Ateliê Bar. foto: Gustavo Dornelas/Internet

Ateliê Bar e Petiscaria :  Bar cultural localizado no boêmio bairro da Ribeira, que traz em sua proposta reunir arte, música, dança, entre outros elementos culturais com uma boa carta de cerveja e petiscos. Público bastante jovem, entre 20 e 30 anos, fãs de música indie e autoral potiguar.  Funciona num prédio antigo do bairro histórico e promove shows de pop, indie, rock vivo, bailinhos dançantes e muitos projetos culturais bacanas.  Rua Chile 39, Ribeira. Tel. (84) 99982-6087. Abre de quarta a domingo, portanto não vai rolar nada nesta terça.

Wesley Bar promove festas legais, como o Halloween de Ponta Negra. foto: Internet

Wesley Bar promove festas legais, como o Halloween de Ponta Negra. foto: Internet

Wesley Bar  – Aberto de terça-feira a domingo, a partir das 20h. Para conversar e ouvir boa música, de preferência rock and roll no som e em vídeo. Pub para drinques diversos. Quase nada para petiscar. Av. Praia de Ponta Negra, 9012 lj 1. Tel.:996967000.

Wood's é o point para fãs de sertanejo. Foto: alex Régis/TN

Wood’s é o point para fãs de sertanejo. Foto: alex Régis/TN

Wood’s Natal – Integra a rede de casas noturnas voltadas para difusão da música sertaneja. Misto de pub, clube noturno  casa de shows num só lugar. Ambiente sofisticado. É o lugar para quem curte sertanejo universitário e forró idem. Público baladeiro jovem. Funciona de quinta a sábado, das 21h às 5h da manhã. Rua Pedro Fonseca Filho. Tel.: 3236-99905-0100.

Bar Whiskritório tem bons shows nos fins de semana. Foto: Arquivo TN

Bar Whiskritório tem bons shows nos fins de semana. Foto: Arquivo TN

Whiskrytorio Bar Natal – Alguns anos atrás foi premiado pela publicação Veja Comer & Beber Natal como o melhor bar para paquerar. Misto de pub e clube, é ideal para quem sabe beber bem. Com cervejas nacionais e importadas, o bom e velho Jack Daniel’s e seus parceiros Gentleman e Single Barrel, e a mais completa variedade de uísques e bourbons.  Cozinha contemporânea de boteco. Faixa etária média é jovens adultos, entre 25 aos 35. Funciona só de quinta-feira a sábado, a partir das 20h. Tem música ao vivo. Rua Enico Monteiro, n. 1851, Capim Macio. Tel.: 3081-1590.

buraco da catita

Buraco da Catita – Funciona em casarão charmoso na Ribeira, mas os dias são sexta e sábado, com programação musical caprichada. A casa surgiu em torno dos bambas da Catita Choro e Gafieira, da música instrumental e do chorinho, mas hoje abraça vários ritmos, da MPB tradicional ao brega e pop rock, mas mantendo a participação de grandes instrumentistas Fica na Travessa José Alexandre Garcia, 95, próximo a av Duque de Caxias. Tel.: 2010-9185. Para começar reunindo os amigos e depois cair na dança. Nesta sexta-feira tem Banda  Forró Não Pára e cantora Duda Ferreira, interpretando com sucessos das antigas, de bandas Magníficos, Calcinha Preta, Rita de Cássia, Eliane, Mastruz e outros. Reservas pelo  98705-3078 e 99994-4252.

Casanova é misto de pub e danceteria

Casanova é misto de pub e danceteria

Casanova  Eco Bar – Bar e casa noturna para dançar, descolada e moderninha para todos os públicos e gêneros. Público na maioria jovem, entre 25 e 35 anos. Tem uma política de compromisso com a sustentabilidade ambiental, segundo atesta a proprietária Carol Posadski. De quarta a sábado (das 19h30 às 04h) com programação musical e serviço de bar e cozinha, apostando em eventos de começo de noite e baladas nas sextas e sábados. Dia 18 está programada a balada “I Love Cafuçu”, para se jogar nas pistas ao ritmo do brega. Av. Senador Salgado Filho, 3526. Tel.: 32314331 / 99906-6570.

Chef e proprietário do Peppers João Aguiar reabre a casa.

Chef e proprietário do Peppers João Aguiar reabre a casa.

Sgt Peppers –  Point favorito de quem viveu a noite neste começo de século em Natal, o Sgt Peppers retornou os trabalhos em julho passado e com força total. De volta à cena em novo endereço em Ponta Negra, o local mantém o clima
e o sabor são os mesmos. Boa música, shows de rock e petiscos descolados. Rua Manoel Soares de Medeiros, 230. Tel.: 2030-3330.

Lugar para curtir vários projetos: exposições, shows. Foto: TN

Lugar para curtir vários projetos: exposições, shows. Foto: TN

Mahalila Café – Um lugar cultural, alternativo, onde pode-se ler um livro, tomar café, visitar uma exposição de arte (atualmente em cartaz a série fotográfica Oriente-se de Lucas Viegas), participar de saraus e palestras e ouvir música acompanhado de uma cervejinha. Lugar ideal para convidar seu “crush”. Aberto de terça-feira a domingo, a partir das 16h . Para culturetes e gente jovem universitária. Rua Doutora Nívea Madruga, Morro Branco. Tel.: 2030-5702.

Barzinho privilegia shows de rock e música autoral

Barzinho privilegia shows de rock e música autoral

El Rock  – Pequeno e agitado. Ótimo bar para fãs de música, principalmente rock e suas vertentes, mas cabem outros trabalhos autorais.  Gente ligada a música costuma frequentar o espaço. Cardápio pouco variado de comida, mas quem vai está mesmo a fim de curtir o som. Também já realizou festas temáticas como a The Bowie e Chernobbyll anos 80. Na sexta-feira(18) tem show com Mad Dogs e sábado banda Fly Rock.. Funciona de Rua Raimundo Chaves, 1892, tel.: 2020-0777.

Zé Reeira é espaço cultural na Cidade Alta

Zé Reeira é espaço cultural na Cidade Alta. Foto: TN

Zé Reeira – Localizado na rua Professor Zuza, também conhecida como Espaço Cultural Ruy Pereira, na lateral do IFRN Cidade Alta. Funciona todos os dias, a partir das 10h até 20h e nos finais de semana até 22h. Por ser um espaço cultural criado através de emenda parlamentar, o local é de grande ativação cultural. Apresentações de samba, choro e música autoral contemporânea acontecem quase toda semana. Ambiente simples, com mesas na rua. O proprietário incrementou a carta de bebidas, mas os petiscos são da cozinha nordestina. Para fãs de samba. Tel.:98829-9512.

Decky Bar é rota de turistas em Ponta Negra

Decky Bar é rota de turistas em Ponta Negra

Decky Bar Lounge – Na av principal de Ponta Negra, é endereço tradicional tem espaço para quem quer só papear e ouvir música, como também dançar. Público variado, presença de turistas. Nesta terça-feira tem show de Allann Nobre. Aberto de terça-feria a domingo, a partir das 18h. Av. Engenheiro Roberto Freire, 4.490, Tel.: 3219-2471.

Boteco clássico ideal para jantar, petiscar e tomar um bom chopp

Boteco clássico ideal para jantar, petiscar e tomar um bom chopp

 Real Botequim – Boteco com Chopp, mas também faz o perfil de restaurante. Espaço democrático para todos os públicos, comprometidos, solteiros de todas as idades e famílias. Serve chopp bem gelado e empadinhas e caldinhos desfilando em bandejas a toda hora. Aberto todos os dias. Eng. Roberto Freire, 2920, Capim Macio Shopping Cidade Jardim. Tel:.3217-8999.

Bar na Cidade Alta realiza ações culturais diversificadas, saraus, shows, performances

Bar na Cidade Alta realiza ações culturais diversificadas, saraus, shows, performances

Bardallos Comida & Arte – Não é o lugar para paquerar, mas para conhecer gente interessante e de mente aberta. É point de intelectuais e boêmios, tem programação diversificada todos os dias.  É um lugar plural, como atesta o criador Lula Belmont. Esta semana será dedicada ao dia Mundial da Fotografia, com debates e exposições dos Fotógrafos em Cena. Rua Gonçalves Lêdo, Cidade Alta. Tel.: 3211-8589.

Espaço Palco Alecrim valoriza a música no bairro centenário

Espaço Palco Alecrim valoriza a música no bairro centenário

Espaço Palco Alecrim – Espaço para bailar juntinho, no bairro do Alecrim. Misto de salão de festas e baile, o objetivo de resgatar os valores desse bairro secular e atrair público que curte boas serestas. Localizado na Avenida dos Canindés,1406 – antiga Avenida 6, entre as também antigas avenidas 2 e 3. Tem ambiente climatizado que aos sábados conta com shows ao vivo e nos demais dias a disposição para festas de aniversários, casamentos, confraternizações e eventos.  Tel: 2226-4108.

“Babilônia rubra” ganhará o restaurante Temis Clube Balcão Bar

1 de agosto de 2017

Endereço de festas, shows e bailes de carnaval do passado, a “Babilônia rubra”, como é conhecida a tradicional sede social do América Futebol Clube,  terá novamente seus dias de animação e boemia. Ao menos se depender do novo espaço Temis Clube Balcão Bar, que vai inaugurar no dia 11 de agosto, no predio da av Rodrigues Alves, Tirol.

A casa pertence ao restauranteur Temístocles Amador. Com 49 anos de carreira no ramo de bares e restaurantes, Temis já comandou o antigo Bar Kasarão e atualmente dirige o restaurante do Clube de Radioamadores.

Sede social do América ganhará novo bar e restaurante

Sede social do América ganhará novo bar e restaurante

A mudança para o novo endereço, na mesma av Rodrigues Alves, vem com outras novidades. A começar pelo tradicional balcão, que está ainda maior para acomodar sua numerosa confraria de adeptos.

Temístocles também aproveita para renovar o cardápio de almoço e jantar, mantendo alguns petiscos clássicos do antigo menu. O Temis Bar vai funcionar ao lado da lojinha do “Mecão” e contará com varanda de frente para o jardim do América, um salão novo com sinuca, mesas no ambiente interno e música ao vivo.

Temis também informa que todas as torcidas são bem-vindas não só os americanos.

DESPEDIDA!

Nesta sexta-feira, dia 4, haverá uma festa de despedida no Clube de Radioamadores, com show de José Orlando e GMP Trio. A adesão, que dá acesso a festa e ajuda na mudança, vai custar R$ 50,,00.

Depois de muito burburinho, inaugurou o Ice Bar

13 de março de 2017

Divulgado como o primeiro bar de gelo do Norte-Nordeste, o Ice Bar abriu as portas no último sábado, 11. O novo empreendimento fica localizado na avenida Praia de Genipabu, 2111, em Ponta Negra, e funciona com sistema de open bar. A entrada custa R$70 (R$ 35,oo para crianças/estudantes), com direito a consumo de bebidas. O acesso é de 40 pessoas por vez, vestidos com roupas especiais.  Tem pista de dança para “esquentar” e a programação começa cedo (a partir das 15h) para todos os públicos. Reservas pelo.: 99654-5000. Ingressos também estão à venda no site www.ingressorapido.com

Ice Bar inaugurou sábado para convidados. Na foto, jornalistas Simone Silva, Eline Eulália e Priscila de Souza curtem a novidade. Foto: Canindé Soares

Ice Bar inaugurou sábado para convidados. Na foto, jornalistas Simone Silva, Eline Eulália e Priscila de Souza curtem a novidade. Foto: Canindé Soares

Esta semana o FDS vai dar uma passadinha para saber mais sobre a novidade. Antes, o amigo fotojornalista Canindé Soares já esteve por lá e clicou alguns coleguinhas curtindo as baixas temperaturas.

 

Festival da Ginga movimenta Mercado da Redinha próximo sábado

29 de novembro de 2016
Ginga em versões empanadas. Foto: Claudio Abdon

Ginga em versões empanadas. Foto: Claudio Abdon

Pouca coisa é tão a cara de Natal quanto atravessar a ponte para ir comer ginga com tapioca no Mercado da Redinha. Mesmo sem o reconhecimento oficial de Patrimônio Imaterial de Natal, o prato mais famoso daquela antiga vila de pescadores, mantém a fama e as frigideiras aquecidas de verão a verão. E neste fim de semana, mais fritadeiras estarão a postos com a realização do “I Festival Gastronômico da Ginga”. O evento culinário acontece no sábado 3, no Mercado da Redinha e largo João Alfredo, das 11h até o por do sol, como parte do projeto Nossa Orla.

11-04-201424JFSO festival promete despertar a criatividade da cozinha popular na combinação deste peixinho frito no óleo + dendê e tapioca, a preços bem em conta – R$ 6 a R$ 15. De fora do Mercado participam os bares do Redinha Praia Clube (Pastel de Ginga) e Bar Portal do Potengi (Empanado de Ginga). Já os boxes do Mercado Público servirão Picado com ginga e tapioca (Box 1), Ginga, tapioca e queijo (Box 3), Ginga, tapioca e salada (Box 8), Panqueca com Ginga (box  10) Ginga, tapioca e coco verde (11), Sanduiche de ginga (12) e Ginga com Carne de Sol (13).

Os quiosques da praia irão servir Crepioca de Ginga (quiosque 2), Ginga com batata-frita (6), Ginga  com cuscuz (8), Ginga à milanesa com tapioca(10), Ginga com batata doce (14), Ginga com macaxeira (15) , Ginga à moda da Cacau (Quiosque 16), Bolinho de arroz com ginga (17), Enroladinho de tapioca com ginga (22).

Só um detalhe que, a meu ver, foi esquecido nesta programação: Apesar da maioria dos boxes e quiosques terem nomes dos donos – Bar da Lourdes, Box do Jefferson, Bar da Ivone Filha, Box da Ivanize, entre outros – a programação impressa pela Secretaria Municipal de Turismo preferiu listar os espaços com os números! Então quem quiser degustar um prato específico terá de pesquisar.

A primeira Ginga

A foto que ilustra essa nota é do box onde trabalha a comerciante e cozinheira Ivanize Barbosa. Ela é personagem essencial desse ícone da cozinha da Redinha, pois foram seus pais, Seu Geraldo e dona Dalila, os primeiros a servir e disseminar a iguaria, há mais de 60 anos. A ginga é um tipo de sardinha, chamada de ‘azul’ ou ‘manteiga’, que antigamente eram descartadas pelos comerciantes e foi aí que Seu Geraldo teve a ideia de aproveitá-las em casa.

Ginga com cuscuz. Foto Claudio Abdon

Ginga com cuscuz. Foto Claudio Abdon

Simples, mas saborosa, a receita do pescador passou de geração em geração: temperar os peixinhos com sal, fritá-los numa mistura de óleo de soja com azeite de dendê, espetá-los num palitinho e rechear a tapioca (em goma de mandioca e coco) com eles.

Mercado terá exposição com fotos da praia da Redinha, de autoria de Claudio Abdon

Mercado terá exposição com fotos da praia da Redinha, de autoria de Claudio Abdon

O I Festival Gastronômico da Ginga  é promovido pela Prefeitura de Natal através da Secretaria de Turismo e parceiros como a SME, Semdes, Urbana, Secom, Semsur, Fundação Cultural Capitania das Artes, Semtas, Procom e UFRN.

Texto: Blog ao Ponto

Largo da rua Chile ganhará casa nova: é o Alchemist Cocktail e Music Bar

28 de novembro de 2016
A simpática casa de janelões na esquina do largo será o novo Alchemist

A simpática casa de janelões na esquina do largo será o novo Alchmist

Quem frequentou a rua Chile nos anos 1990 e presenciou um lampejo de revitalização, a partir da chegada de empreendimentos culturais e fachadas recuperadas e coloridas, sabe o quanto é triste ver a decadência em parte dos prédios desativados, alguns parcialmente no chão – e outros nunca ocupados.

Então a notícia da inauguração de uma nova casa noturna na rua Chile é motivo de surpresa e faz nossos olhinhos brilharem. Cheiro de revitalização no ar? Não é para tanto, mas o largo da rua Chile resiste! principalmente com a chegada de um novo inquilino, o Alchemist Cocktail e Music bar, que funcionará no mesmo casarão do finado Bar das Bandeiras. A inauguração está confirmada para dia 9 de dezembro, uma sexta-feira.

O empreendimento pertence ao italiano residente em Natal, Matteo Dei Cas. Há nove anos por aqui, ele é barman e especializado em mixologia e já administrou outros negócios no ramo de bares. Em conversa rápida com o proprietário, fiquei sabendo que o Alchemist terá música ao vivo regularmente, mas ao estilo alternativo privilegiando bandas de rock, reggae e pitadas de música eletrônica. O bar será o ponto alto, claro: Drinques da moda, vários shots (drinques curtinhos), cervejas especiais. A comida de pub só terá hambúrgueres gourmet.

A casa vem somar forças com outras casas noturnas (bares e boates) que resistem naquele trecho da rua Chile, como o Galpão 29, o Armazém Hall – que está para ser vendido – a galeria Itajubá, O Ateliê Bar e Petiscaria e o espaço cultural DoSol. Há ainda o palacete onde funciona a Escola de Dança Edtam, que passará por reformas com recursos do RN Sustentável. O prédio, como todo mundo sabe, já foi cabaré Wander Bar, sede do Governo no século 19 e casa de  um comerciante abastardo.

Mas o largo também promete programação bombada no comecinho de 2017.  Trata-se do  Festival  Ribeira 360º que vai movimentar várias casas e o largo nos dias 7 e 8, com vários shows de bandas locais para comemorar os 20 anos da Revitalização da rua Chile. Soube também que a licitação para o Terminal Marítimo de Passageiros está para ser lançada. O local terá saguão com lanchonete, banheiros e o primeiro andar onde funcionarão um salão de eventos e restaurante de Natal/mirante. Vem coisa boa por aí!