Arquivos da categoria ‘Comidinhas’

Mr Cheney, doceria especializada em cookies, inaugura loja em Natal

16 de novembro de 2017

Chocolate Chips

Chega a Natal uma loja especializada em cookies, os populares biscoitos da confeitaria americana. É a Mr. Cheney, que inaugura nesta sexta-feira, 17 de novembro, no Natal Shopping. A localização é o piso L2. O espaço terá também mesas e cadeiras para os clientes apreciarem as delicadas massas acompanhadas de café ou um malted drink. Ou para viagem, em pacotes de 7, 12, 18 ou 25 unidades.

Cookies em caixa para viagem

Cookies em caixa para viagem

Além dos cookies tradicionais e dos cookies criados para datas comemorativas, o Mr. Cheney de Natal terá ainda o Big Cookie, uma versão de cookie grande, onde os clientes podem escolher o sabor e personalizar com a mensagem que desejar. O Mr. Cheney Cookies é o sonho concretizado do casal Lindolfo e Elida Paiva. A ideia de vender cookies no Brasil surgiu com a ajuda do amigo americano, o cookieman Jay Cheney, que ensinou os segredos do verdadeiro biscoito americano para o casal. A primeira loja foi inaugurada em 2005, no bairro da Casa Verde e o nome foi uma homenagem ao amigo Jay. Hoje, o Mr. Cheney produz 20 mil cookies por dia para abastecer as 70 lojas da rede.

Vinte e duas cafeterias para visitar no Sweet Coffee Week

6 de outubro de 2017

A tentação é doce, mas na companhia do café é bem melhor. A união dessas gostosuras tem sido a receita de sucesso do Sweet Coffee Week, projeto idealizado pela jornalista e produtora Eline Eulália, que chega em sua terceira edição.

Começou quinta-feira e segue até 15 de outubro, envolvendo 22 estabelecimentos da cidade. Cada lugar participante vai oferecer um menu especial com um doce, um salgado e um café por R$16,90. O tema deste ano é “viagem pelos sabores do mundo”.

Sugestão da Jolie para o Sweet Coffee Week

Sugestão da Jolie para o Sweet Coffee Week

A proposta é que os consumidores possam degustar as iguarias em diferentes locais com preços exclusivos para o período. Alguns combos oferecidos chegam a ter desconto de mais de 50% do valor praticado nas lojas e com doces em edição limitada especialmente para o evento. Entre os participantes estão os ótimos espaços como Barões do Café, Bocaditos, Daguia Tortas Finas, Jolie Patisserie, Caroli Douces, La Sweets. E outros como Engenho Doce, Fritz Coxinha, Jana’s Cakes, Bolo da Vovó, Café da Ordem,  Cecília Mindelo. Boca d’Água, Chocolateria Sandra Maia, Croassonho, Crock’s Cookie Shop,  Pinga Fogo Doceria, Rafaela Fontes Chocolateria, Realize Gourmet, Suisse Brownie, Very Sugar e Berlim.

Endereços e menus podem ser conferidos aqui no LINK

Além da versão combo servida nos locais, há a “Sweet Gift”, opção de um doce especial para ser consumido em casa ou presentear. Essa é proposta da Rafaela Fontes Chocolateria e do Bolo da Vovó para essa edição.

Serviço:
3ª Sweet Coffee Week. Até 15 de outubro, com 22 cafeterias da cidade.

Aprenda a fazer o Burger artesanal do chef Albino

26 de setembro de 2017

O hambúrguer foi o petisco que mais saiu valorizado da onda gourmetizadora que tomou conta da gastronomia desde o começo da década. Aquele recheio entre os pães redondos passou a ser discutido entre chefs e gourmands de todas as idades e segmentos, à procura da melhor combinação de temperos, de receitas criativas, e também das melhores carnes, o ponto ideal, o tamanho, a gramatura, o ‘blend’ de carnes, a valorização da produção artesanal. Tudo isso agora é importante na hora de saborear esse popular lanche. Ou não, conforme seu apetite e disposição. Está mais fácil do que nunca saborear um bom hambúrguer.

burger

O chef de cozinha e professor do Senac Warison Albino acredita que a gourmetização serviu para aumentar o padrão de qualidade e tornar as pessoas mais exigentes na hora de consumir. “O natalense está reeducando o paladar para o sanduíche. Já sabe que o hambúrguer ideal é aquele mais rosado, em vez do bem passado. É a suculência da gordura que guarda o melhor sabor do burger”, afirma.

Warison conta que em 2015 pôde conhecer e aprender bastante coisa em hamburguerias de Nova York e São Paulo, onde esteve. “Entendi que o melhor percentual de gordura nas carnes para hambúrguer deve ficar entre 17 e 20%. Também é bom para harmonizar ingredientes doces e salgados. Cebola caramelizada e queijo, tomate, pesto de manjericão, bacon, a gente pode brincar com esses sabores e ficar ótimo”, diz. Warison foi chef consultor do The Box, primeiro food truck natalense, já desativado. O hambúrguer era o carro-chefe.

A reportagem completa você lê no caderno FDS AQUI.

A receita que não saiu junto com a reportagem do caderno Fim de Semana, aproveito para publicar aqui. Ela foi preparada na cozinha Senac pelo chef Warison Albino  e o passo a passo ele cedeu especialmente para os leitores da TN e do blog.

Hambúrguer Artesanal
Para o blend:
500g de miolo de acém;
500 g de peito:
500g de fraldinha;
300g de gordura do peito; (20% de gordura a 1,5kg de carne, totalizando 1,8kg)
Rende 12 hambúrgueres de 150 g.
Preparo: Moer as carnes frescas, é importante que todas os tipos, inclusive as gorduras estejam misturadas. Fazer as bolas, moldar e grelhar ou selar. Tempere com sal e pimenta na hora.

12 pães tipo brioche
Manteiga para pincelar e tostar.
Tomates assados

20 tomates cerejas
1 colher de chá de açúcar mascavo
1 colher de sopa de sal grosso
100 ml de azeite
Alecrim e tomilho
Modo de fazer:
Levar todos os ingredientes ao forno, com 10 ml do azeite. Assar a 150 graus até que os tomates queiram estourar. Retirar e regar com o restante do azeite.

Pesto:
200 ml azeite
2 maços de manjericão
20 g de parmesão
20 g de castanha de caju ou outra oleaginosa
Sal a gosto
1 dente de alho

Mode de preparo:
Processar no liquidificador com uma pedra de gelo (evita a oxidação)

Montagem:
Pão, burger, rodelas de queijo provolone polvilhadas com açúcar mascavo e maçaricar, pesto e tomates assados.

Inscrições abertas para cursos rápidos de Cozinha Asiática, Cozinha Zero Açúcar, Harmonizações e Pães Artesanais

25 de agosto de 2017

Uma das áreas onde o conhecimento prático é fundamental é a gastronomia. Mas não é fácil dar conta de preparar pratos incrementados e ao mesmo tempo cuidar de harmonizações enológicas, preparar drinques, dominar os conceitos de reaproveitamento de alimentos e segredos da culinária fit, e ainda saber cada um dos ingredientes das cozinhas típicas do mundo. Durante o período de estudos formais, algum assunto sempre será negligenciado. Então a capacitação de curta duração é uma oportunidade para se aprofundar em algum tema ou mesmo conhecer uma nova área que pode agregar valor ao trabalho.

O Senac-RN é uma das instituições que mais ofertam cursos rápidos. Ainda estão disponíveis vagas para cursos de Culinária Asiática, Culinária Saudável, Preparação de Pães e Pizzas e Preparo de Pães Artesanais, Drinques e Coqueteis, Técnicas de Harmonizaçães Enogastronômicas e Gestão em Segurança de Alimentos. Na página do Senac tem detalhes de cada curso e como se inscrever. AO PONTO detalhou alguns abaixo. Passe o mouse ou o indicador na tela do Smartphone no item grifado para ver mais detalhes:

Culinária Saudável – Nessa área são três temas como Culinária Light e Diet, Cozinha Zero: Açúcar, Gluten e Lactose e Fit Chef. Todos opções que ensinam preparos culinários com as suas devidas restrições, mas que não percam o sabor de comida elaborada em casa. As oficinas têm duração de 20h.

Asian-cuisine
Culinária Asiática – Ao falar em culinária asiática, em geral, a primeira coisa que vem à mente são ingredientes típicos do Japão, mas a oficina oferecida pelo Senac RN, visa explorar características da gastronomia de outros países asiáticos, como a Tailândia, Índia, China, Vietnã e Indonésia. Os alunos irão adquirir competências teóricas e práticas acerca desse universo em condimentos, temperos e sabores fortes que essa gastronomia possui, aprendendo a usá-los de diferentes formas. A previsão de início é final de setembro.

Preparação de Pães e Pizzas e Preparo de Pães Artesanais – Aqui são dois cursos, cada um com duração de 20h aula. No curso de Pães Artesanais, o aluno desenvolve técnicas especializadas no preparo de pães como: pão integral, pão de aveia, pão de batata e pães com sementes, além dos pães com massa doce, como o Sonho e a Lua de Mel.
Em Preparo de Pães e Pizzas, as técnicas aprendidas são sobre massas de pizzas e de calzones, como também o básico para produção de pães básicos, como é o pão de hambúrguer e o pão de aveia e mel, além dos brioches. Os cursos iniciam 21 de agosto e 04 de setembro, respectivamente. Ambos de segunda à sexta.

Drinques e Coquetéis – O participante do curso de drinques e coqueteis recebe nos primeiros dois dias o conteúdo teórico, aprendendo sobre os tipos de bebidas, suas variações, estilos e onde oferta-las, e logo após parte para a parte prática, onde prepara drinques e aprende a degusta-los. O curso inicia 04 de setembro.

Técnicas de Harmonização Enogastronômicas – Reconhecer bons vinhos requer prática, mas saber avalia-los só mesmo conhecendo a teoria. Neste curso de Harmonização Enogastronômicas, o aluno desenvolve conhecimentos iniciais sobre paladar, textura, peso dos alimentos e do vinho, diferenças entre os tipos de vinho, variação de uvas e todas as suas características. As aulas iniciam no começo de setembro.

Gestão em Segurança de Alimentos – Fundamental para todos os tipos de negócios na área, desde gastronomia informal até restaurantes. O Senac é referência em capacitação no segmento alimentar, e acaba de lançar o curso de Gestão em Segurança dos Alimentos, primeiro do estado inteiramente direcionado a essa área. A capacitação que terá 40h de duração, trabalhará as ferramentas para gestores de serviços de alimentação lidarem com a segurança dos alimentos desde o recebimento até a sua distribuição aos clientes (consumidores). O horário do curso é de 13h às 17, de segunda a sexta. O curso inicia no começo de outubro.

Festival quer mostrar que estilo de vida vegano vai além da comida

4 de abril de 2017

veganoQuem é adepto ou deseja assumir uma estilo de vida mais saudável, buscando informações sobre uma alimentação livre da carne animal, terá a oportunidade de conhecer, consumir e trocar ideias durante o II Festival Vegano que acontece próximo dia 8 de abril. O festival será realizado no Espaço Flor de Bali, rua Mipibu, 758, Petrópolis. Nesta edição, serão 29 expositores que vão mostrar seus produtos das 10h às 17h. A entrada é gratuita, mas quem quiser poderá contribuir com livros para a Biblioteca África na Zona Norte, voltada para crianças e adolescentes.

No espaço estarão consumidores e produtores de diversos ramos, com opções de lanches, sucos e cervejas artesanais, cosméticos, bolsas, sapatos, roupas. O evento vai além da comida e inclui música, debates e oficinas. Haverá prática de Hatha Yoga ofertada pelo Espaço Dhyana, Workshops culinários e ativismo, palestras e rodas de conversa com o Coletivo Abolicionista Animais sem Amarras(Coletivo ASA). Pra dançar, tem som na pista com o Coletivo Mandaca. Bichinhos de estimação também poderão participar e ainda experimentar petiscos veganos dos expositores.

Participam desta edição o Cozinha Ecológica da chef Déborah Sá, Delectus Comidinhas Vegana, Guloseimas Veganas, restaurante Between, Chef Veg, Elementaris, Animalvega, Samosaria Hare, Aqualive, Horta Viva, Real de 14, Restaurante Magias da Terra, FastVeg, Vitacrua, Meu Suco Hoje, Casa da Mata, Brechó da Lus, VAAV, Truques, Garimpo Dsgn, Caju Maria, Parêa acessórios, Cervejaria Holanda, Natureza Sábia, A Essênia, Aroma é Terapia, Canela Café, Pieta Design e Botânica.

Veja como foi a primeira edição aqui   

No canal de Cultura&Lazer da Tribuna do Norte, você acompanha a recente reportagem “Mais Criatividade na Cozinha Vegana”. Aqui

Cantinho Sertanejo muda de endereço depois de 28 anos

13 de março de 2017
Produtos regionais são especialidade do cantinho sertanejo

Produtos regionais são especialidade do cantinho sertanejo

O Cantinho Sertanejo, um dos comércios mais conhecidos no segmento de alimentos regionais, está de mudança para outro bairro. Mas não irá muito longe. O novo endereço fica na mesma av. Afonso Pena, mas no vizinho do Tirol. O local é galeria D Mall, 968, sala 2 – nas imediações da rua Ceará-Mirim. A previsão de inauguração é final de março, mas a loja atual permanece funcionando até a abertura da nova.

Segundo Geraldo Medeiros, fundador e proprietário do estabelecimento, o objetivo da mudança é trazer ainda mais conforto para os clientes. “A gente planejou muito bem essa mudança. Vamos para um local mais amplo e moderno, com novas instalações, novas linhas de produtos e estacionamento privativo”, comentou.

A mudança não fica só no logradouro. O estabelecimento vai ampliar a oferta de produtos e incluir uma seção de frutas selecionadas, queijos finos, produtos veganos e uma nova linha de pães e bolos. Mas manterá sua variedade de bolacharias e sequilhos regionais, queijos do Seridó, carnes de sol, castanha de caju, doces caseiros, galinha caipira, produtos orgânicos, light e diet, entre outros produtos.

Maratona sem sair da linha: Começa hoje a Semana Fit no shopping Natal

7 de fevereiro de 2017
Menu fit do restaurante Camarões é a base de peixe

Menu fit do restaurante Camarões é a base de peixe

Quem conhece bem os alimentos à mesa sabe que há mais características em comum entre a comida fit e a afetiva, aquela feita em casa ou preparada com ingredientes naturais. Ambas trazem o conceito de alimentação saudável. Então quem deseja trocar experiências e comer bem sem cruzar os limites do exagero, pode encarar a Semana Fit do Natal Shopping, que começa hoje ( 7) e vai até 17 de fevereiro, com uma série de ações envolvendo restaurantes, lojas especializadas, profissionais da área nutricional, chefs e empresas do segmento.

Restaurantes, cafés e lanchonetes do espaço comercial vão apresentar um menu diferenciado de comidas leves ao preço único e uma variedade de opções para degustar e criar um roteiro fit. Boa parte dos estabelecimentos gastronômicos do Shopping aderiu ao evento (e ao desafio) — até aqueles que pelo perfil não são fit. Veja quem participa:

Bar Brahma, Beet Alimentação Saudável, Café do Ponto, Camarões (unidade Natal Shopping), Chef Fits, Croasonho, Ello Orgânico, Fitneza, Flor de Sálvia, Freddy’s, Leve Gourmet, Massa Fina, Mercatto, Mixirica, PittsBurg (unidade Natal Shopping), Serv Light, Originalle, e Wayne’s.

Já as lojas vão montar combos com valores promocionais de R$25,90 para que a proposta fit vá além da perda de peso e passe a ser um estilo de vida. Os locais são o Ali Mini Market, Casa da Rapadura, Empório Nutri Care, Enteral Butrition, Ponto Natural, Suplements Sports Nutricion.

Entre os convidados das oficinas está o chef Pedro Beloniel (apresentador dos programas Tempero na Mochila e Cozinhando na Laje do canal Food Network). Ele fará um picadinho thai com salada morna; dia 09, às 17h30, o nutricionista Pascal Elke falará sobre a Ponto Natural, e às 19h, o Capitão Styvenson Valentim vai cozinhar com a nutricionista Rayane Cunha (Chef Fits).

Confira abaixo a programação completa
07/02 (terça-feira)
19h – Pedro Benoliel – Menu: Picadinho Thai e Salada Morna

09/02 (quinta-feira)
17h 30 – Nutricionista Pascal Elke – Ponto Natural
19h – Capitão Styvenson Valentim cozinhando com a nutricionista Rayane Cunha – Chef Fits

10/02 (sexta-feira)
17h30 – Nutricionista Carolina Nóbre – Leve Gourmet
19h – Nutricionista Eliane Martins Ello Orgânico
11/02 (sábado)
17h30 – Nutricionista Mariana Franca – Beet Alimentação Saudável
19h – Nutricionista Marina Pantorja do Flor de Sálvia

PROGRAMAÇÃO DAS AULAS DA ACADEMIA FÓRMULA – Estacionamento D8 – Natal Shopping
10/02(sexta-feira)
– Dance Mix, às 17:45, com o professor Gabriel Lopes
11/02(sábado)
– Funcional, às 16h, com o professor Ivan Junior
– Zumba, às 17h, com o professor Alanilson Silva

Festival da Ginga movimenta Mercado da Redinha próximo sábado

29 de novembro de 2016
Ginga em versões empanadas. Foto: Claudio Abdon

Ginga em versões empanadas. Foto: Claudio Abdon

Pouca coisa é tão a cara de Natal quanto atravessar a ponte para ir comer ginga com tapioca no Mercado da Redinha. Mesmo sem o reconhecimento oficial de Patrimônio Imaterial de Natal, o prato mais famoso daquela antiga vila de pescadores, mantém a fama e as frigideiras aquecidas de verão a verão. E neste fim de semana, mais fritadeiras estarão a postos com a realização do “I Festival Gastronômico da Ginga”. O evento culinário acontece no sábado 3, no Mercado da Redinha e largo João Alfredo, das 11h até o por do sol, como parte do projeto Nossa Orla.

11-04-201424JFSO festival promete despertar a criatividade da cozinha popular na combinação deste peixinho frito no óleo + dendê e tapioca, a preços bem em conta – R$ 6 a R$ 15. De fora do Mercado participam os bares do Redinha Praia Clube (Pastel de Ginga) e Bar Portal do Potengi (Empanado de Ginga). Já os boxes do Mercado Público servirão Picado com ginga e tapioca (Box 1), Ginga, tapioca e queijo (Box 3), Ginga, tapioca e salada (Box 8), Panqueca com Ginga (box  10) Ginga, tapioca e coco verde (11), Sanduiche de ginga (12) e Ginga com Carne de Sol (13).

Os quiosques da praia irão servir Crepioca de Ginga (quiosque 2), Ginga com batata-frita (6), Ginga  com cuscuz (8), Ginga à milanesa com tapioca(10), Ginga com batata doce (14), Ginga com macaxeira (15) , Ginga à moda da Cacau (Quiosque 16), Bolinho de arroz com ginga (17), Enroladinho de tapioca com ginga (22).

Só um detalhe que, a meu ver, foi esquecido nesta programação: Apesar da maioria dos boxes e quiosques terem nomes dos donos – Bar da Lourdes, Box do Jefferson, Bar da Ivone Filha, Box da Ivanize, entre outros – a programação impressa pela Secretaria Municipal de Turismo preferiu listar os espaços com os números! Então quem quiser degustar um prato específico terá de pesquisar.

A primeira Ginga

A foto que ilustra essa nota é do box onde trabalha a comerciante e cozinheira Ivanize Barbosa. Ela é personagem essencial desse ícone da cozinha da Redinha, pois foram seus pais, Seu Geraldo e dona Dalila, os primeiros a servir e disseminar a iguaria, há mais de 60 anos. A ginga é um tipo de sardinha, chamada de ‘azul’ ou ‘manteiga’, que antigamente eram descartadas pelos comerciantes e foi aí que Seu Geraldo teve a ideia de aproveitá-las em casa.

Ginga com cuscuz. Foto Claudio Abdon

Ginga com cuscuz. Foto Claudio Abdon

Simples, mas saborosa, a receita do pescador passou de geração em geração: temperar os peixinhos com sal, fritá-los numa mistura de óleo de soja com azeite de dendê, espetá-los num palitinho e rechear a tapioca (em goma de mandioca e coco) com eles.

Mercado terá exposição com fotos da praia da Redinha, de autoria de Claudio Abdon

Mercado terá exposição com fotos da praia da Redinha, de autoria de Claudio Abdon

O I Festival Gastronômico da Ginga  é promovido pela Prefeitura de Natal através da Secretaria de Turismo e parceiros como a SME, Semdes, Urbana, Secom, Semsur, Fundação Cultural Capitania das Artes, Semtas, Procom e UFRN.

Texto: Blog ao Ponto

Concurso da Sadia premia melhores receitas com carne suína [veja como votar]

29 de novembro de 2016

É fã de carne suína e está à procura de receitas? Aproveite para experimentar e ao mesmo tempo votar no concurso 4ª edição do Chef do Futuro Sadia.  Está aberta a votação para que o público em geral possa selecionar uma das 30 receitas preparadas pelos participantes. O concurso desafia estudantes de gastronomia de todo o País a criarem uma receita inovadora que traga a carne suína como estrela principal do cardápio. As sugestões estão adequadas a três categorias já definidas – Alta Gastronomia, Casual Dinning e Food Truck.

carne_de_porco_5Na primeira etapa, os participantes foram selecionados por uma comissão julgadora da BRF e até 29/11, na landing page do projeto (http://www.chefdofuturosadia.com.br/votacao ), é possível escolher a sua receita favorita. Na final (19/12), após serem submetidos a uma votação prévia e análise de desempenho presencial em uma cozinha profissional, será possível conhecer o Chef do Futuro 2016.

O grande vencedor participará de um curso na L’École de Cuisine Alain Ducasse, em Paris (FR), ganhará um mês de experiência com o renomado chef Rodrigo Oliveira, além de um estágio na BRF.

A escolha do ingrediente principal também segue uma premissa importante,  que é desmitificar o consumo da carne suína no País. “É uma proteína saudável que pode ser usada para todo tipo de receita, tanto do dia a dia quanto as mais refinadas”, disse Ana Carolina Furegatti, gerente de comunicação Sadia.

Pra votar clique aqui 

Abrasel promove festival em torno do camarão

22 de novembro de 2016

10-09-20108JFS editadaO camarão está no centro dos sabores durante festival promovido pela Associação Brasileira de Bares e Restaurantes (Abrasel). A 4ª edição da Festa do Camarão convocou 21 restaurantes a criar pratos com a mais famosa iguaria potiguar. Até 30 de dezembro, a ação movimentan os restaurantes da Grande Natal, associados à entidade.

Participam desta edição os restaurantes Between, Chopp e Camarão, Blackitchen, Conxinchina, Famiglia Reis Magos, Massa Fina, Nemo Sushi, Only pizza, Paçoca do Pilão, Parmegianno’s, Petit Poti, Piazzale Italia, Pittsburg, Pizzaria da Vila, Barramares, Sabores Bistrô, Salus, Tabuleiro, Tábua de Carne, Trio Bar e Wesley’s Bar
Cada estabelecimento criou um prato exclusivo para o evento. As criações gastronômicas serão comercializadas a preços promocionais, segundo informou a organização.

O ponto alto da 4ª Festa do Camarão será a “Arena Festa do Camarão”, que ocorrerá nos dias 8, 9 e 10 de dezembro, na área interna da Arena das Dunas. O local contará com pavilhão de restaurantes, praça de alimentação onde os pratos exclusivos da Festa estarão sendo vendidos a R$ 15, na versão menu de degustação, cozinha, três atrações musicais por noite, Feira de Artesanato Potiguar e os Bares da Abrasel.

Haverá uma uma palestra sobre alimentação infantil que contempla frutos do mar, promovida pela Petit Poti, que produz comidas saudáveis para este público.
Confira a lista de pratos e restaurantes no site da Abrasel (www.rn.abrasel.com.br).