Arquivos da categoria ‘Concursos’

Veja os vencedores do Circuito Gourmet Potigás

22 de dezembro de 2017
Equipe do Le Soleil, vencedor do júri técnico

Equipe do Le Soleil, vencedor do júri técnico

As criações dos chefs que encantaram os natalenses durante o Circuito Gourmet Potigás receberam na tarde de quarta-feira, 20, as premiações concedidas através do voto do júri técnico, composto por gastrólogos e convidados ligados à área da gastronomia, e também do público em geral. Os restaurantes foram agraciados com uma placa alusiva de reconhecimento pela participação no evento. O Circuito Gourmet Potigás foi realizado entre os dias 23 de novembro e 02 de dezembro.

Foram premiados os chefs Luis Paiva, do restaurante Le Soleil do Ocean Palace, que teve mais votos do júri técnico, e Marina Pantoja, do Flor de Sálvia, mais votada pelo público em geral. Eles foram premiados na categoria “Melhor Menu Celebração”, composto de entrada, prato principal e sobremesa.

Além do “Melhor Menu Celebração”, o Circuito Gourmet Potigás também escolheu os melhores pratos. Confira o ranking. Melhor entrada: Sunrise Coffe Shop, Flor de Sálvia e Le Soleil. Prato principal: Le Soleil, Freddy’s e Temaki Lounge. Sobremesa: Le Soleil, Flor de Sálvia e Temaki Lounge.

 

Mesmo sem Irina, final entre Francisco e Pablo promete grandes emoções no “MasterChef Profissionais”

4 de dezembro de 2017

finalEla surpreendeu com sua leveza e personalidade carismática. Por isso a saída da chef potiguar Irina Cordeiro deixou os espectadores saudosos de sua alegria e sotaque. Houve até uma rebeldia dos fãs em querer deixar de acompanhar o programa. Mas o fato é que mesmo sem a presença especial da chef, a final da competição gastronômica promete não só aquecer as panelas. A disputa será com dois chefs que possuem uma formação semelhante, a meu ver com uma certa vantagem do “Paizão” – o chef tem um lastro mais sólido.

Nesta terça-feira (5), a partir das 22h30, os chefs Francisco Pinheiro e Pablo Oazen se enfrentam na grande final da segunda temporada do MasterChef Profissionais. Os dois cozinheiros terão de elaborar um menu degustação autoral de seis tempos: duas entradas, dois pratos principais e duas sobremesas. O menu deverá ser coerente como um todo e representar a essência de cada profissional.

O grande vencedor será anunciado ao vivo e ganhará uma conta na Caixa Econômica Federal recheada com R$ 200 mil, uma viagem pela companhia aérea Emirates para Dubai, nos Emirados Árabes, com hospedagem e direito a um acompanhante, um kit de produtos Tramontina e o troféu de MasterChef Profissional. Os dois finalistas também serão premiados com R$ 1 mil por mês, durante um ano, para compras com o cartão Carrefour.

O MasterChef Profissionais, formato da Endemol Shine-Group, é uma co-produção da Band com o Discovery Home & Health que vai ao ar todas as terças-feiras, às 22h30, na tela da Band com transmissão simultânea no aplicativo e no portal da emissora. O programa é reapresentado às sextas-feiras, às 19h20, e aos domingos, às 18h50, no Discovery Home & Health. Saiba mais sobre o programa em www.band.com.br/MasterChef e curta nossa página no Facebook https://www.facebook.com/bandtv. Siga também nosso Twitter (@bandtv) e Instagram (@band).

Moradora de Montanhas vence Concurso no Natal Fest Gourmet

9 de novembro de 2017

Uma moradora do município de Montanhas, no Agreste Potiguar, Stella Albuquerque (25 anos), foi a grande vencedora do Concurso Popular Gastronômico Cozinhando no Senac, que teve sua final ao vivo no Natal FestGourmet, realizado na praça Augusto Severo, Ribeira. O concurso foi idealizado pelo Natal Fest, com execução do Senac. A vencedora ganhou uma bolsa integral para o curso de Cozinheiro da Instituição.

Desafio do Risoto, um dos pratos da vencedora. Foto rogerio Vital

Desafio do Risoto, um dos pratos da vencedora. Foto rogerio Vital

A cozinheira amadora participou de duas etapas ao vivo realizadas no último sábado na Arena. Primeiro no desafio do risoto, onde quatro cozinheiros escolheram ingredientes disponíveis para preparar um risoto de camarão. Na segunda etapa, uma caixa surpresa onde o desafio foi preparar um filet mignon.

Stella Albuquerque e José Carlos disputaram a final ao vivo.

Stella Albuquerque e José Carlos disputaram a final ao vivo.

Stella afirma que sempre gostou de cozinhar e que assumiu tal responsabilidade em casa aos 11 anos, cozinhando para seus quatro irmãos, tendo aprendido ao observar sua avó. Ela ficou sabendo do concurso após um amigo marcá-la em publicação de uma rede social. “O meu amigo me marcou no último dia de mandar o vídeo de inscrição. Quando vi, eu corri para casa para ver o que tinha e elaborar a receita, que precisava ser própria. Eu não acreditei quando passei, quando eu ouvi que estava competindo com pessoas que já tinham uma certa técnica. Não esperava chegar na final, conseguir ganhar e estar vivendo isso é um sonho”, afirma a potiguar.

Filé vencedor

Filé vencedor

Trabalhando atualmente com encomenda de bolos e doces, Stella se prepara para morar na capital potiguar. “Sou fascinada pela arte da gastronomia. Quero aprender todas as técnicas, e, quando terminar o curso, fazer a graduação. Minha expectativa é um dia ter um restaurante e ser uma chef”, ressalta.

Para Stella, o segredo é observar e praticar. “Acho que tudo vem da prática, de você ter interesse em estar experimentando, estar aprendendo. O pouco que eu desenvolvi no concurso foi através do observar e absorver críticas de outros profissionais, isso é muito importante”, disse a ganhadora.

Final ao vivo e caixa surpresa com filet

Final ao vivo e caixa surpresa com filé

João Carlos, de 33 anos, ficou com o segundo lugar e ganhou uma bolsa integral no curso de Confeitaria do Senac. Ele também ressalta suas novas perspectivas. “Participar desse concurso me deu mais autoestima e confiança. O curso vai me ajudar na parte profissional e me dar novas habilidades para o trabalho que eu faço, além de me proporcionar poder fazer um dinheiro extra”, conta.

Chef François Schmmit recebe homenagem por serviços prestados à gastronomia potiguar. Com os representantes do Senac e Natal Fest Gourmet

Chef François Schmmit recebe homenagem por serviços prestados à gastronomia potiguar. Com os representantes do Senac e Natal Fest Gourmet

O Concurso Popular Gastronômico Cozinhando no Senac tinha como objetivo incentivar aspirantes a cozinheiros, e foi dividido em quatro etapas Avaliação do Vídeo de Inscrição e Apresentação de Prato, no Senac; e Apresentação de Risoto de Camarão e Caixa Surpresa, no Natal FestGourmet.

Praça gastronômica do Natal Fest Gourmet ficou lotada

Praça gastronômica do Natal Fest Gourmet ficou lotada

HOMENAGEM
O Festival também prestou uma homenagem ao chef que contribuiu com o desenvolvimento da gastronomia no Rio Grande do Norte nas últimas décadas. O nome escolhido foi o francês, radicado no Rio Grande do Norte, François Schmit. Ao falar sobre a homenagem, a chef e jurada Adriana Lucena comentou que François é um “divisor de águas na gastronomia potiguar.” Ele aportou aqui há mais de 20 anos como coordenador do Restaurante Escola Barreira Roxa. Foi dono de um bistrô no CCAB Petrópolis, depois assumiu a chefia executiva do Camarões Potiguar durante sete anos e depois como consultor.

Junto com o produtor cultural e gourmand Walde Faraj e o empresário Habib Chalita, desbravou o interior do Estado na formatação dos festivais, difundiu técnicas e conceitos da gastronomia moderna mas sempre valorizando o ingrediente regional local. Irrequieto e viajado, François hoje dedica-se a consultoria executiva da rede Camarada Camarão, e a curtir o filho na praia da Pipa. Além da homenagem, no Natal Fest Gourmet ele ministrou oficinas de frutos do mar.

A ideia do Natal Fest Gourmet é eleger um chef para ser homenageado a cada ano. O Prêmio de François Schmmit foi entregue pelo diretor do Senac, Fernando Virgílio.

Grave uma receita no celular e concorra a cursos de gastronomia: inscrições até dia 24 de outubro

20 de outubro de 2017
Só pra ilustrar: Cena do filme Julie e Julia

Só pra ilustrar: Cena do filme Julie e Julia

Com o objetivo de incentivar aspirantes a cozinheiros, o Senac RN abriu inscrições para o Concurso Popular de Gastronomia: Cozinhando no Senac. A ação integra a programação do Natal Fest Gourmet, evento que abrirá as comemorações do Natal em Natal em novembro.  Até o dia 24 de outubro, as inscrições podem ser realizadas via Internet, através do e-mail cozinhandonosenac@rn.senac.br. Os interessados devem enviar ficha de inscrição; link para acesso a um vídeo de até cinco minutos, onde apresente um prato principal de sua autoria, e explique o motivo pelo qual quer ser um cozinheiro; bem como encaminhar ficha técnica ou receita do prato desenvolvido.

Após triagem de uma comissão técnica, serão selecionados 10 candidatos, com idade mínima de 18 anos. Não é necessário ter experiência profissional na área. O Regulamento com todos os detalhes e Ficha de Inscrição estão disponíveis no site www.rn.senac.br. O concurso será dividido em quatro etapas: Avaliação do Vídeo de Inscrição e Apresentação de Prato, no Senac; e Apresentação de Risoto de Camarão e Caixa Surpresa, no Natal Fest Gourmet.

O primeiro e o segundo colocados serão premiados com bolsa integral para os cursos de Cozinheiro e Técnicas de Confeitaria, respectivamente. Já o terceiro e quarto lugares, serão premiados com um kit de livros da Editora Senac.

Concurso gastronômico do Natal Fest Gourmet/Senac será com receita gravada em celular

10 de outubro de 2017

Prepare sua receita preferida e faça um filme dela. Essa é a ideia do I Concurso Popular de Gastronomia promovido pelo Natal Fest Gourmet, em parceria com o Senac-RN. O festival acontece de 2 a 4 de novembro, na praça Augusto Severo, Ribeira, no entorno do Museu de Cultura Popular Djalma Maranhão. Nesse local terá vários restaurantes, praça, shows e uma cozinha ao vivo.

Cozinha do Senac vai receber os semifinalistas

Cozinha do Senac vai receber os semifinalistas

O concurso tem início antes, com o envio das receitas. O objetivo do festival é incentivar a criatividade culinária e integrar a população aos projetos voltados para valorização da cozinha potiguar. Para o Senac-RN, é também a possibilidade de revelar novos talentos interessados em se profissionalizar. O mais legal dessa seletiva é ser democrática e não exigir currículo anterior de ninguém.

Qualquer pessoa pode participar com receitas variadas – desde algo muito tradicional que ninguém mais sabe fazer, até pratos mais elaborados. O regulamento e o endereço de envio das receitas serão divulgados na mídia e nas redes sociais do Senac (Acompanhe no Link) e do Natal Fest Gourmet (AQUI).

Basta gravar o passo a passo da sua receita no celular, em um vídeo de no máximo 5 minutos. O vídeo será enviado para a equipe de curadores do SENAC-RN .

Segundo me adiantou um dos consultores do projeto, a seletiva vai escolher até 30 melhores receitas para a segunda etapa. O desafio presencial com os autores das melhores receitas ocorrerá na Cozinha Experimental do Senac, localizada na unidade da Cidade Alta.

Dessa seletiva sairão os 4 finalistas que deverão cozinhar ao vivo, simultaneamente, durante o festival na cozinha da Arena Senac de Gastronomia. A premiação será revertida em cursos de formação na Escola Senac, para aperfeiçoamento profissional.

Legal né? Pois smartphone em mãos, vamos cozinhar !

Confira os vencedores do Concurso Gastronômico da Pipa

3 de outubro de 2017

Depois de duas semanas de festival gastronômico pelas ruas e mesas da Pipa e Tibau do Sul, chegou a vez de conhecer os pratos que o público mais apreciou nos restaurantes que participaram do tradicional Concurso Gastronômico.

Criação de O Tal do Escondidinho, o Ballotine de Leitoa foi o vencedor na categoria Prato Principal

Criação de O Tal do Escondidinho, o Ballotine de Leitoa foi o vencedor na categoria Prato Principal

Os espaços concorreram nas categorias Prato principal, Drink, Entrada, Sobremesa e Serviço. A votação inovou este ano com a utilização do aplicativo QRCode, que proporcionou mais transparência ao concurso.

Na categoria Prato Principal venceu o restaurante O Tal do Escondidinho com o prato “Ballotine de leitoa com purê de Cabotiá defumado”. Em 2º lugar, o escolhido foi o bistrô do Pipa Privilege com “Tranche de Cioba grelhada ao coco fresco e purê de abóbora, castanha de caju e chips de macaxeira”. Em 3º lugar, o Chez Marília, com “Filet mignon tropical”.

Charque à Caboclo do MP Restaurante: Melhor Entrada. Foto J. Schwantz

Charque à Caboclo do MP Restaurante: Melhor Entrada. Foto J. Schwantz

Na categoria entrada, o MP Restaurante recebeu o 1º lugar com o prato “Charque à Caboclo”. O 2º lugar ficou para o restaurante Beija-Flor Resort & Spa, com o “Carpaccio de polvo”. E em 3ª colocação o indicado foi o prato “Dadinho Amostrado”, do Quintal Restaurante e Tapiocaria.

Maria Bonita e Lampião, menu de sobremesa

Maria Bonita e Lampião, menu de sobremesa

Na categoria bebida, os três melhores drinks foram Le Petit Café & Cia (“Lady Coffee” – 1º) Restaurante Caxangá (“Caxangariando” – 2º lugar) e Golfinho Restaurante (“Baía dos Golfinhos”- 3º lugar).

Lady Coffee, do Le Petit Café, foi a melhor bebida segundo os clientes que votaram este ano.

Lady Coffee, do Le Petit Café, foi a melhor bebida segundo os clientes que votaram este ano.

No item sobremesa, o 1º lugar foi do Quintal Restaurante (“Maria Bonita e Lampião – compota de goiaba com sorvete de tapioca e redução de vinho e goiabada”); em 2º lugar o Tal do Escondidinho (“Mousse de queijo de coalho tostado com calda de abacaxi e crocante de castanhas”) e em 3º lugar a sorveteria Real de 14 (“Waffle real vegano”). O Hotel Ponta do Madeiro foi escolhido o Melhor Serviço.

Para conhecer os outros pratos do concurso acesse aqui

Concurso vai premiar a melhor Ostra da Pipa. Veja como se inscrever

28 de setembro de 2017

ostras da aproostras RN

No próximo sábado (30), será realizado na Pipa o primeiro Concurso Gastronômico de Ostra da Pipa. As  inscrições estão abertas para chefs da região de Tibau do Sul até sexta-feira (29). Serão selecionados quatro chefs, que apresentarão ao júri técnico quatro pratos que obrigatoriamente contenham a iguaria. O tempo de preparo do prato é 30 minutos.  Junto àa inscrição deve ser enviada a ficha técnica/receita, para o seguinte e-mail: gastronomia@festivaldapipa.com.br

Senac realiza aperfeiçoamento em confeitaria com chef alemão

23 de setembro de 2017
Confeitaria avançada

Confeitaria avançada

Profissionais do Senac no Rio Grande do Norte participaram, entre os dias 11 e 21 de setembro, de curso de aperfeiçoamento em Confeitaria Avançada, ministrado pelo mestre em panificação e especialista em confeitaria alemão, Johannes Dackweiler.

Resultado da parceria realizada entre o Sistema Fecomércio RN e o estado da Renânia-Palatinado, o treinamento teve 80h de duração e conteúdo voltado para atividades práticas, onde foram abordadas técnicas da confeitaria europeia.

Johannes Dackweiler trouxe técnicas sofisticadas da confeitaria clássica

Johannes Dackweiler trouxe técnicas sofisticadas da confeitaria clássica

O consultor de longo prazo da Câmara do Comércio da cidade alemã de Trier, Andreas Dohle, destacou que o principal objetivo desta iniciativa foi promover o intercâmbio de conhecimentos e a transferência de tecnologias, contribuindo com o desenvolvimento da gastronomia local.

“Este curso marcou oficialmente a inauguração do novo Laboratório de Panificação e Confeitaria do Senac, que foi instalado por meio de recursos oriundos da nossa exitosa parceria. Este espaço permitirá a formação e o aperfeiçoamento dos profissionais do Rio Grande do Norte”, afirmou.

Capacitação em confeitaria foi voltada para os docentes do Senac

Capacitação em confeitaria foi voltada para os docentes do Senac

Ao todo, o treinamento contou com 15 participantes. Além do Rio Grande do Norte, foram convidados profissionais do Senac oriundos de estados como Alagoas, Bahia, Ceará e Brasília. A Instituição também estendeu o convite ao Serviço Nacional de Aprendizagem Industrial (Senai RN).

Professores do Senac e o confeiteiro alemão Johannes Dackweiler no encerramento do curso

Professores do Senac e o confeiteiro alemão Johannes Dackweiler no encerramento do curso

Para o especialista Johannes Dackweiler, os profissionais treinados podem diversificar o menu de qualquer estabelecimento e inovar na elaboração de receitas diferenciadas. “O Brasil possui uma rica variedade de frutas e sabores ainda pouco explorados pela confeitaria e que podem ser trabalhados como diferenciais, a partir união de técnicas da Europa à ingredientes locais”, destacou.

Curso trabalhou técnicas avançadas

Curso trabalhou técnicas avançadas

O diretor regional do Senac RN, Fernando Virgilio, afirmou que a parceria com o estado da Renânia-Palatinado é extremamente importante para a Instituição. “Estamos desenvolvendo várias ações que têm nos proporcionado ótimos resultados, com a criação de produtos educacionais inovadores para atender às demandas do nosso mercado”, destacou.

Aprenda a preparar a “Coxa de frango com farofa de castanhas”, receita da chef Irina no Masterchef

20 de setembro de 2017

f_401066

Escolhido pelos jurados do Masterchef o melhor prato na eliminatória na terça-feira (12.9), o ‘franguinho nordestino’ preparado pela chef potiguar  Irina Cordeiro encantou o renomado Erick Jacquin por remeter à uma comidinha afetiva. “Me senti na granja”, disse o francês. Depois da repercussão nas redes sociais, chef Irina Cordeiro postou no blog da Tramontina a receita de “Coxa recheada de farofa de castanha e velouté nordestino”. Que tal tentar fazer em casa?

Chef desossou o frango com precisão. Foto: Tramontina

Chef desossou o frango com precisão. Foto: Tramontina

Coxa recheada e farofa

1 coxa de frango

2 colheres de manteiga

2 colheres de castanha de caju

4 colheres de farinha biju

Manteiga

Abóbora

Pimenta

Quiabo

Cebola

Alho

Sal

Modo de preparo

Coloque duas colheres de manteiga, alho e cebola para refogar. Acrescente duas colheres de castanha de caju picada bem miúda. Deixe dourar bastante. Tempere com sal e pimenta.

Abra a coxa de frango, desosse, recheie com a farofa, enrole e leve para o forno banhando sempre com manteiga – assim a pele fica crocante e não perde a suculência. Deixe cozinhar por 30 minutos em fogo baixo.

Asse também a abóbora e o quiabo no forno, temperados com sal, pimenta e manteiga. Deixe dourar bem. Corte a abóbora em meia luta. Corte o quiabo ao meio e vire para assar dos dois lados, deixando bem crocante e evitando fazer baba.

Velouté nordestino

½ pimenta dedo de moça

½ pimentão verde

1 cebola roxa

Tomates cereja

Caldo de frango

Roux

Modo de preparo

Faça um mirepoix nordestino. Corte a pimenta, o pimentão, a cebola e os tomates cerejas em brunoise. Refogue aos poucos. Deixe o pimentão suar bastante, para não ficar indigesto. Quando o refogado estiver pronto, acrescente caldo de frango para fazer um molho. Depois, faça um roux espessante e acrescente ao caldo, para engrossá-lo.

Para servir o prato, coloque a farofa à parte. Corte o frango ao meio e sirva virado para cima – para poder ver o recheio. Sirva a abóbora com o molho velouté por cima. Depois, coloque os quiabos espetados para dar um pouco de altura.

Tempo de preparo

1 hora

Festival Cultural e Gastronômico da Pipa confirma datas; veja detalhes

17 de agosto de 2017

Com o tema “Descoberta de Sabores”, o Festival Cultural e Gastronômico da Pipa realiza no próximo mês, durante os dias de 22 a 30 de setembro, a 13ª edição do maior evento já realizado no litoral, voltado para a cultura gastronômica da região. O local será o terreno ao lado do estacionamento dos ônibus, na av principal Baía dos Golfinhos. De acordo com a produção, a estrutura será ainda maior e um projetista foi contratado para criar a Cidade Gastronômica.

Prato do festival em 2016: Pescada do Chapadão. Foto: Rogério Vital

Prato do festival em 2016: Pescada do Chapadão. Foto: Rogério Vital

O Festival será dividido em vilas: A “Vila dos Chefs” será o espaço onde chefs convidados irão preparar pratos exclusivos para comercialização a preços acessíveis; “Vila da Pipa” aproxima o público visitante da arte culinária caseira da praia. Donos de restaurantes que participam do Concurso Oficial poderão expor seu prato em uma das tendas montadas no local. A “Arena Gastronômica” abrigará as duplas de chefs na competição dos “Novos Talentos” e “Melhor Feijão da Pipa”, além das oficinas com chefs especialistas convidados pela curadoria e pelo Senac-RN. Na área da Cidade Gastronômica também terá tenda de drinques e vinhos, praça de alimentação, bares, a “Vila Cultural” e um espaço kids. E uma “Vila de Negócios”, a área de exposição de produtos dos patrocinadores e serviços e degustações.

O Festival da Pipa contará este ano com investimentos privados e também recursos oriundos da Lei de Incentivo à Cultura Câmara Cascudo, bem como as parcerias e apoios culturais. A edição conta com patrocínio da São Braz, Sebrae-RN, Hotel Pipa Atlântico, Fecomércio /Senac e Gourmet Expert; realização Festival da Pipa e da Educapipa e co-realização do Governo Cidadão via empréstimo do Banco Mundial, através da Setur – Secretaria Estadual de Turismo e Governo do Estado. O festival também contará com a promoção da Prefeitura de Tibau do Sul e apoio cultural do sistema Fecomércio / Sesc RN. O Festival da Pipa também tem certificado de aprovação da Lei Djalma Maranhão.

Entre as presenças confirmadas está o chef Felipe Caran, que comandará um dos festins. Também foram convidados os chefs Paulo Machado e CarlaCorreia, consultora e ex-finalista do MasterChef Brasil. Nesta edição serão dois festins às sextas feiras: Dia 22 de setembro na Toca da Coruja e 29 de setembro no Hotel Ponta do Madeiro. Todos serão harmonizados com vinhos e cervejas artesanais, presença de sommelier. Para interessados nos festins, as reservas estão abertas. O valor é R$ 235,00 (inclusos as bebidas da harmonização, água mineral e café São Braz). As inscrições para o concurso estão abertas até dia 30, no endereço www.festivaldapipa.com.br O tema será Tapioca.

 

Release do Festival