Arquivos da categoria ‘Festivais’

De festivais gastronômicos em praias paradisíacas

9 de maio de 2019

A Barra do Camaratuba, última faixa de praia do litoral paraibano que faz divisa com o Rio Grande do Norte, em breve será a rota de eventos gastronômicos reunindo chefs do RN e Paraíba. Quem dá pistas dessa história é Verlândia de Medeiros Morais, proprietária da Queijeira 504, que está engajada na programação.

Barra do Camarratuba fica no litoral sul da Paraíba, limites com o RN. Foto reprodução

Barra do Camarratuba fica no litoral sul da Paraíba, limites com o RN. Foto reprodução Felipe lima

A parceria deverá contar com a participação da apresentadora Nadia Bochi, conhecida pelas viagens gastronômicas ao lado do chef Jimmy num quadro do programa Mais Você, de Ana Maria Braga. Nadia inaugurou recentemente um empreendimento na região, a pousada Yemanjá Toré, e está em sintonia com pessoas da região, chefs e produtores da área. Está nos planos da equipe a realização de um festival gastronômico e outro de cinema em 2019. Vamos aguardar.

São Miguel do Gostoso deve receber festival em 2019. A imagem é um dos recantos tradicionais da praia, o Jack Sparrow

São Miguel do Gostoso deve receber festival em 2019. A imagem é um dos recantos tradicionais da praia, o Jack Sparrow

Do lado de cá, também deve sair do papel em 2019 0 primeiro festival gastronômico da bela e gastronômica São Miguel do Gostoso, litoral norte do RN. O Gostoso Fest Gourmet será braço itinerante do já consolitado Natal Fest Gorumet, evento realizado há dois anos pelo produtor e empresário Habib Chalita. O festival está em negociações para o segundo semestre. O formato terá oficinas gastronômicas e espaço dos restaurantes na praça.

Segunda edição do Natal Fest Gourmet valoriza gastronomia e espaço turístico de Natal

27 de novembro de 2018

Terminou em grande estilo a 2ª edição do Natal Fest Gourmet, realizado no último final de semana (22 a 24). Mais de três mil pessoas circularam na última noite, dia 24, consolidando o festival e também o Terminal Marítimo de Passageiros do Porto de Natal, na Ribeira, como grande ponto cultural da capital.

Varanda concorrida de frente para o rio Potengi. Foto Rogério Vital

Varanda concorrida de frente para o rio Potengi. Foto Rogério Vital

O lugar agradável de frente para o rio Potengi, com boa infraestrutura, casou bem com um evento voltado para a valorização da gastronomia. Somou-se a isso a entrada gratuita e as atividades para todos os públicos – inclusive crianças com espaço infantil. Virou uma ótima opção de lazer ao combinar música, comidinhas (algumas pratos excelentes!) e conhecimento.

Salão climatizado e com shows ao vivo também foi um espaço disputado

Público lotou o salão climatizado para degustar das apresentações musicais

Com tanta gente circulando e a fim de comer, não era de se surpreender as inevitáveis filas que se formaram desde a compra das fichas até a escolha dos pratos nos restaurantes. Preços de petiscos variando entre R$8 e R$ 15 e pratos mais robustos entre R$ 20 e R$ 30. Formou-se um gargalo em determinadas horas, mas no final todo mundo conseguiu comer e beber quando o movimento fluiu ao longo da noite.

As oficinas da Arena Senac atraiu público com sua programação de oficinas e degustações

A Arena Senac teve plateia cheia todas as  noites com sua programação de oficinas e degustações

Caberá um ajuste para agilizar os pedidos, talvez mais garçons e maquinhas portáveis para venda de bebidas e comidas. Outra sugestão seria abrir no último dia pela manhã, pois daria para contemplar a paisagem e almoçar em um lugar diferente…

Comidas preparadas na oficina da Arena Senac de Gastronomia

Receitas preparadas na oficina da Arena Senac de Gastronomia foram servidas para o público

O produtor Habib Chalita comentou que a escolha do local foi acertada. “Queremos somar forças na valorização da região como potencial gastronômico, cultural e turístico e nisso o local é perfeito”.

Oficina de brownies encerrou a série de minicursos da Unidade de Panificação do Senai. Excelente a aula de pães da quinta-feira

Oficina de brownies encerrou a série de minicursos da Unidade de Panificação do Senai. Excelente a aula de pães também na quinta-feira

Dos pratos que consegui degustar no Natal Fest Gourmet, destaco os excelentes assados na parrilla da Cordeiro Chique. O bife ancho com batatas rústicas e picantes foi de comer suspirando. Na feirinha de produtos gastronômicos organizada pelo festival e convidados do Sebrae, além dos queijos, mel e cervejas artesanais, descobri o padeiro D’Vini – em breve falaremos sobre pães artesanais.

Visão do terraço com público e tendas de restaurantes. Pense um lugar agradável!

Vista do terraço para o lugar mais apreciado pelo público: na beira do rio e perto das tendas de restaurantes. Pense um lugar agradável!

A homenagem ao renomado chef Tadeu Lubambo, criador do restaurante Camamo de Tibau do Sul, foi um momento especial do evento. Tadeu atualmente reside em Natal e está aposentado da cozinha, por conta de sua saúde debilitada. Ele se emocionou ao receber a comenda Le Magnifique Chef conferida pelo Natal Fest como reconhecimento da contribuição no fomento da gastronomia potiguar, entregue no encerramento das oficinas com presença de autoridades e pessoal da gastronomia .

Uma homenagem merecida ao chef Tadeu Lubambo. Na foto, o chef com o prefeito Álvaro Dias, o presidente da Funcarte Dácio Galvão e os produtores Habib Chalita e Jenner Tinoco

Uma homenagem merecida ao chef Tadeu Lubambo. Na foto, o chef recebe a comenda das mãos do prefeito Álvaro Dias, com o presidente da Funcarte Dácio Galvão e os produtores Habib Chalita e Jener Tinoco

“É uma satisfação estar ao lado desses empresários, participando dessa atividade e incentivando o Natal Fest Gourmet, participando e sendo parceiro de todos que fazem este evento”, afirmou o prefeito Álvaro Dias, citando algumas obras que contemplam o turismo na cidade, como o Terminal Turístico na Redinha.

Seminário foi destaque do festival. A pesquisadora e chef Gabriela Sales falou sobre a importância das Pancs e da agricultura familiar

Seminário foi destaque do festival. A pesquisadora e chef Gabriela Sales falou sobre a importância das Pancs – Plantas Alimentícias não convencionais – e sua relação com a agricultura familiar

Entre uma comidinha e outra, considero o ponto alto do Natal Fest Gourmet a diversidade de ações de formação. Foram oferecidas várias atividades para público leigo ou para quem já está na área da gastronomia. Palestras, oficinas, minicursos na Arena Senac, padaria móvel do Senai  ou no Cozinha Brasil, além do seminário técnico realizado pelo próprio festival.

Especiarias do mundo e azeites foi o tema de Sérgio Motta, que encerrou a programação do Seminário.

Especiarias do mundo e azeites foram temas da fala de Sérgio Motta, encerrando a programação do Seminário.

O SENAI realizou seis minicursos técnicos na sua unidade móvel de panificação, uma espécie de sala de aula itinerante climatizada, estacionada no terraço do Terminal. Os inscritos tiveram contato com o universo do pão artesanal de alta qualidade e aprenderam noções de preparo da massa madre, da escolha e manipulação de ingredientes. O SESI trouxe a Cozinha Brasil para abordar o reaproveitamento alimentar. O SEBRAE-RN participou com estantes de vendas dos produtos de terroir potiguar. Já o SESC deu a sua contribuição cultural formando o time de artistas em dois shows diários.

Bancadas movimentadas na cozinha da Arena Senac

Bancadas movimentadas na cozinha da Arena Senac

O Fest Gourmet também apostou em uma experiência de discussão da gastronomia muito interessante com o I Seminário Técnico de Gastronomia. Os temas abordados estão em alta nos diversos ambientes gastronômicos da cidade, entre chefs, técnicos e pesquisadores. Vale investir no seminário, trazendo convidados de outros estados para dialogar com a cena local.

Chef Adriana Lucena expôs sua seleta curadoria de queijos artesanais. Foto Rogério Vital

Chef Adriana Lucena expôs sua seleta curadoria de queijos artesanais e mel de Jandaíra.

Para falar sobre gastronomia e identidade cultural foi convidada a pesquisadora de cozinha potiguar Adriana Lucena. A chef é proprietária do sítio Aroeira é uma ativista do movimento mundial Terra Madre, que luta por uma gastronomia que valorize toda a cadeia produtiva. O mestre cervejeiro Fábio DeSilva, criador da cerveja artesanal Perversa, falou sobre a sua experiência de cervejeiro “cigano” e aproveitou para conversar sobre o mercado cervejeiro local.

Palestra concorrida com o cervejeiro Fábio DeSilva, na primeira noite do Seminário

Palestra concorrida com o cervejeiro Fábio DeSilva, na primeira noite do Seminário

O laticinista Raoni Carbogim destacou as tendências dos queijos artesanais potiguares, e Deborah Sá falou sobre a comida vegana pelo viés da cozinha contemporânea. A chef e pesquisadora Gabriela Sales falou da importância da agricultura familiar para resgatar a diversidade alimentar do País, principalmente na revalorização PANCs — Plantas Alimentícias não convencionais.

Grupo Choro do Elefante embalou o público com choros, valsas e maxixes

Grupo Choro do Elefante embalou o público com choros, valsas e maxixes

Além de chef, Gabriela é servidora pública da Funcarte e está com um projeto de desenvolvimento de horta orgânica nas escolas, capacitando alunos e professores sobre o conhecimento e manipulação desses novos vegetais. Por fim, o engenheiro e pesquisador Sérgio Motta, proprietário da Koru Brasil, encerrou o Seminário do Natal Fest Gourmet abordando os usos, conservação e o preparo de temperos e azeites.

Oficina de pães especiais do Senai

Oficina de pães especiais do Senai foi destaque na quinta-feira

Ele é um especialista no setor. Em uma rápida conversa, o engenheiro destacou a iniciativa de promover os debates, mas acredita que é possível aproximar o seminário do resto da programação, já que o encontro aconteceu no primeiro andar do Terminal.  Quem sabe em 2019 o festival ocupe além do salão e do terraço, também a varanda!

Cozinha natalina será tema do Circuito Gastronômico de Natal

12 de dezembro de 2017
Peru natalino do Nick Buffet. Foto: Arquivo Tribuna do Norte

Peru natalino do Nick Buffet. Foto: Arquivo Tribuna do Norte

A ceia natalina é a ocasião na qual as pessoas colocam à prova as receitas mais tradicionais da família, anotadas em caderninhos antigos que atravessam gerações sem deixar o círculo íntimo. É no Natal que o alimento vai à mesa decorado com amor: do arroz enfeitado à rabanada ; ou do pernil de cordeiro assado ao peru recheado e colorido com fios de ovos, uvas, ameixas e castanhas de caju torradas. Sem falar no queijo do reino, o bacalhau ensopado, o salpicão colorido.

Na Cozinha Show, Adriana Lucena fará palestra sobre tradição natalina no Nordeste. Foto: Rogério vital

Na Cozinha Show, Adriana Lucena fará palestra sobre tradição natalina no Nordeste. Foto: Rogério vital

Costumes, influências e várias receitas disseminadas nas mesas de fim de ano do Seridó ao litoral potiguar, vão estar em evidência no Circuito Gastronômico de Natal, que acontecerá de 14 a 17 de dezembro na praça Pedro Velho (Praça Cívica), zona Leste da cidade. Aberto ao público, o evento contará com pavilhão de comidinhas e restaurantes, Cozinha Show com as oficinas, palestras e encontros de famílias, além de apresentações de música e teatro e bate-papos literários. O Circuito integra o calendário do Natal em Natal e conta com patrocínios da Prefeitura de Natal e Banco do Brasil por meio da Lei Djalma Maranhão.

Chef François Schmmit fará oficina na sexta-feira. Foto: Rogério vital

Chef François Schmmit fará oficina na sexta-feira. Foto: Rogério vital

RECEITAS DE FAMÍLIAS

A Cozinha Show vai receber em sua bancada algumas famílias natalenses que valorizam a gastronomia em seu ambiente familiar, como tradição ou negócio. As famílias de Ignez Motta de Andrade, Mara Veras e convidados (numa homenagem a saudosa chef Gláucia Veras) e a família Galindo participarão preparando pratos tradicionais famosos em suas mesas de fim de ano. Também farão oficinas os chefs François Schmmit, Joelson Leite (Lótus Japonese), Rodrigo Santana (Senac-RN), Thiago Gomes e chef pesquisadora Adriana Lucena, que falará sobre a tradição do natal no Nordeste.

Convidada do festival, chef Irina Cordeiro estará na Cozinha Show no sábado. Foto: Arquivo

Convidada do festival, chef Irina Cordeiro estará na Cozinha Show no sábado. Foto: Arquivo

Outro nome confirmado para realizar oficina é a chef Irina Cordeiro, terceiro lugar no programa Masterchef Brasil Profissionais. Irina falará sobre sua cozinha Praiana Tropical. A data da oficina será no sábado, dia 16, na Cozinha Show.

Na praça gastronômica estarão os estabelecimentos Totoia Restaurante, Paçoca de Pilão, 294 Bar e Restaurante, Ombak de cozinha praiana, Delícias da Macaxeira, Mediterrâneo Buffet, Hamburgueria 84, Ed do Acarajé, Camarão Gourmet, entre outros.

Espetáculo Meu Seridó, peça de Felipe Miguez com Titina Medeiros, encerra o festival na praça Pedro Velho. Foto: Brunno Martins

Espetáculo Meu Seridó, peça de Felipe Miguez com Titina Medeiros, encerra o festival na praça Pedro Velho. Foto: Brunno Martins

ESPETÁCULO “MEU SERIDÓ”, ESPAÇO LITERÁRIO E BOA MÚSICA

A programação do Circuito Gastronômico vai além da culinária e abraça o movimento de ocupação das praças reunindo outros segmentos culturais, como a música, o teatro e atividades lúdicas para crianças.

Na quinta-feira (14) a programação cultural inicia com o Espaço Literário, onde autores vão conversar sobre literatura potiguar (18h). Em seguida se apresenta no coreto o Quarteto Instrumental Jazz e Blues (19h), fechando com show de Sueldo Soaress e banda (21h). O encerramento é 23h.

Na sexta-feira (15) a programação inicia com o Espaço Literário, logo após tem Bruno Alexandre e Leonardo Palhano no show “Especial Roberto Carlos”. Às 20h30 tem apresentação de Coco de Roda, logo depois Grupo de Samba Bom Malandro (21h). O encerramento é 23h30.

No sábado (16) o Espaço Literário recebe programação infantil com palhaço, oficina de Pintura Artística, escultura de balões e pernas de pau. Às 19h se apresenta o veterano cantor Liz Nôga. Às 21h tem show do grupo Al Hannah de dança do ventre e depois show da banda Revolver num especial Beatles e clássicos do rock.

O domingo (17) a programação começa às 17h no Espaço Literário, com apresentação de palhaço, oficina de Pintura Artística e escultura de balões e pernas de pau. Em seguida, o festival abre espaço para um dos mais elogiados espetáculos teatrais da temporada: “Meu Seridó”, peça idealizada pela ronamada atriz potiguar Titina Medeiros, com direção de César Ferrario, texto de Filipe Miguez (diretor da novela Cheia de Charme) e grande elenco.

O espetáculo é sobre o nascimento do sertão do Seridó, uma das regiões mais marcantes do nosso estado, com suas agruras e belezas. Com fortes questões norteadoras, o espetáculo reúne no elenco. Além de Titina Medeiros, Nara Kelly, Igor Fortunato, Caio Padilha – assinando também a trilha sonora – e Marcílio Amorim, ao lado da equipe uma árdua pesquisa histórica, conduzidos pela historiadora Leusa Araújo, através de imersões no próprio Seridó. Natural de Acari, Titina sonhou com esse espetáculo por anos, reunindo as suas vivências e coragem para retirar do próprio solo a história de vida de muitos sertanejos.

O domingo também contará com show instrumental de Sax – Joedson Silva, a chegada do Papai Noel às 19h30, após o espetáculo. O encerramento será com o show de Dani Cruz, a partir das 20h30.

Grave uma receita no celular e concorra a cursos de gastronomia: inscrições até dia 24 de outubro

20 de outubro de 2017
Só pra ilustrar: Cena do filme Julie e Julia

Só pra ilustrar: Cena do filme Julie e Julia

Com o objetivo de incentivar aspirantes a cozinheiros, o Senac RN abriu inscrições para o Concurso Popular de Gastronomia: Cozinhando no Senac. A ação integra a programação do Natal Fest Gourmet, evento que abrirá as comemorações do Natal em Natal em novembro.  Até o dia 24 de outubro, as inscrições podem ser realizadas via Internet, através do e-mail cozinhandonosenac@rn.senac.br. Os interessados devem enviar ficha de inscrição; link para acesso a um vídeo de até cinco minutos, onde apresente um prato principal de sua autoria, e explique o motivo pelo qual quer ser um cozinheiro; bem como encaminhar ficha técnica ou receita do prato desenvolvido.

Após triagem de uma comissão técnica, serão selecionados 10 candidatos, com idade mínima de 18 anos. Não é necessário ter experiência profissional na área. O Regulamento com todos os detalhes e Ficha de Inscrição estão disponíveis no site www.rn.senac.br. O concurso será dividido em quatro etapas: Avaliação do Vídeo de Inscrição e Apresentação de Prato, no Senac; e Apresentação de Risoto de Camarão e Caixa Surpresa, no Natal Fest Gourmet.

O primeiro e o segundo colocados serão premiados com bolsa integral para os cursos de Cozinheiro e Técnicas de Confeitaria, respectivamente. Já o terceiro e quarto lugares, serão premiados com um kit de livros da Editora Senac.

Concurso gastronômico do Natal Fest Gourmet/Senac será com receita gravada em celular

10 de outubro de 2017

Prepare sua receita preferida e faça um filme dela. Essa é a ideia do I Concurso Popular de Gastronomia promovido pelo Natal Fest Gourmet, em parceria com o Senac-RN. O festival acontece de 2 a 4 de novembro, na praça Augusto Severo, Ribeira, no entorno do Museu de Cultura Popular Djalma Maranhão. Nesse local terá vários restaurantes, praça, shows e uma cozinha ao vivo.

Cozinha do Senac vai receber os semifinalistas

Cozinha do Senac vai receber os semifinalistas

O concurso tem início antes, com o envio das receitas. O objetivo do festival é incentivar a criatividade culinária e integrar a população aos projetos voltados para valorização da cozinha potiguar. Para o Senac-RN, é também a possibilidade de revelar novos talentos interessados em se profissionalizar. O mais legal dessa seletiva é ser democrática e não exigir currículo anterior de ninguém.

Qualquer pessoa pode participar com receitas variadas – desde algo muito tradicional que ninguém mais sabe fazer, até pratos mais elaborados. O regulamento e o endereço de envio das receitas serão divulgados na mídia e nas redes sociais do Senac (Acompanhe no Link) e do Natal Fest Gourmet (AQUI).

Basta gravar o passo a passo da sua receita no celular, em um vídeo de no máximo 5 minutos. O vídeo será enviado para a equipe de curadores do SENAC-RN .

Segundo me adiantou um dos consultores do projeto, a seletiva vai escolher até 30 melhores receitas para a segunda etapa. O desafio presencial com os autores das melhores receitas ocorrerá na Cozinha Experimental do Senac, localizada na unidade da Cidade Alta.

Dessa seletiva sairão os 4 finalistas que deverão cozinhar ao vivo, simultaneamente, durante o festival na cozinha da Arena Senac de Gastronomia. A premiação será revertida em cursos de formação na Escola Senac, para aperfeiçoamento profissional.

Legal né? Pois smartphone em mãos, vamos cozinhar !

Confira os vencedores do Concurso Gastronômico da Pipa

3 de outubro de 2017

Depois de duas semanas de festival gastronômico pelas ruas e mesas da Pipa e Tibau do Sul, chegou a vez de conhecer os pratos que o público mais apreciou nos restaurantes que participaram do tradicional Concurso Gastronômico.

Criação de O Tal do Escondidinho, o Ballotine de Leitoa foi o vencedor na categoria Prato Principal

Criação de O Tal do Escondidinho, o Ballotine de Leitoa foi o vencedor na categoria Prato Principal

Os espaços concorreram nas categorias Prato principal, Drink, Entrada, Sobremesa e Serviço. A votação inovou este ano com a utilização do aplicativo QRCode, que proporcionou mais transparência ao concurso.

Na categoria Prato Principal venceu o restaurante O Tal do Escondidinho com o prato “Ballotine de leitoa com purê de Cabotiá defumado”. Em 2º lugar, o escolhido foi o bistrô do Pipa Privilege com “Tranche de Cioba grelhada ao coco fresco e purê de abóbora, castanha de caju e chips de macaxeira”. Em 3º lugar, o Chez Marília, com “Filet mignon tropical”.

Charque à Caboclo do MP Restaurante: Melhor Entrada. Foto J. Schwantz

Charque à Caboclo do MP Restaurante: Melhor Entrada. Foto J. Schwantz

Na categoria entrada, o MP Restaurante recebeu o 1º lugar com o prato “Charque à Caboclo”. O 2º lugar ficou para o restaurante Beija-Flor Resort & Spa, com o “Carpaccio de polvo”. E em 3ª colocação o indicado foi o prato “Dadinho Amostrado”, do Quintal Restaurante e Tapiocaria.

Maria Bonita e Lampião, menu de sobremesa

Maria Bonita e Lampião, menu de sobremesa

Na categoria bebida, os três melhores drinks foram Le Petit Café & Cia (“Lady Coffee” – 1º) Restaurante Caxangá (“Caxangariando” – 2º lugar) e Golfinho Restaurante (“Baía dos Golfinhos”- 3º lugar).

Lady Coffee, do Le Petit Café, foi a melhor bebida segundo os clientes que votaram este ano.

Lady Coffee, do Le Petit Café, foi a melhor bebida segundo os clientes que votaram este ano.

No item sobremesa, o 1º lugar foi do Quintal Restaurante (“Maria Bonita e Lampião – compota de goiaba com sorvete de tapioca e redução de vinho e goiabada”); em 2º lugar o Tal do Escondidinho (“Mousse de queijo de coalho tostado com calda de abacaxi e crocante de castanhas”) e em 3º lugar a sorveteria Real de 14 (“Waffle real vegano”). O Hotel Ponta do Madeiro foi escolhido o Melhor Serviço.

Para conhecer os outros pratos do concurso acesse aqui

Chefs convidados Edu Rejala, Felipe Caran e Priscila Gois comandam dois Festins no 13º Festival da Pipa

24 de agosto de 2017

A região entre Tibau do Sul e Pipa, no litoral sul, está entre as melhores praças gastronômicas do Rio Grande do Norte. A fama dos chefs vai além dos restaurantes, bistrôs e comidinhas, e ocupa também as cozinhas de hotéis, pousadas de charme e resorts do badalado balneário. Realizado entre os dias 22 e 30 de setembro, o Festival Cultural e Gastronômico da Pipa também fará parceria com estabelecimentos distantes da arena gastronômica em duas noites especiais, os chamados Festins.

Nesta 13ª edição serão dois jantares realizados às sextas-feiras durante o festival: Dia 22 de setembro na Pousada Toca da Coruja, comandado pelos chefs convidados Felipe Caran e Priscila Gois; e 29 de setembro, no Hotel Ponta do Madeiro, quando o menu será elaborado pelo chef Edu Rejala. As reservas podem ser feitas por email, nos respectivos hotéis (ver abaixo endereços virtuais). Todos os jantares serão harmonizados com vinhos e cervejas artesanais e presença de sommelier.

Edu Rejala é mestre na cozinha Nikkei. foto: cedida

Edu Rejala é mestre na cozinha Nikkei. foto: cedida

SOBRE OS CHEFS DOS FESTINS
Edu Rejala abrirá o festim da Toca da Coruja. O chef nascido em Goiás é considerado um dos grandes nomes da cozinha peruana e nikkey — que mescla o oriental com o peruano. Recentemente Edu teve o trabalho reconhecido e tornou-se “embaixador da gastronomia peruana no Brasil”, recebendo o prêmio “Miradas”. Atualmente,  assina o menu do restaurante Nazca Ceviche Bar, em Campo Grande-MS.

Felipe Caran é formado no Hotel Escola SENAC de Águas de São Pedro – SP, com experiência internacional, estudando e trabalhando na Europa durante 7 anos, retornou em 2010 ao Brasil e assumiu a posição de diretor executivo do restaurante Casa do João em Bonito MS, o qual implantou diferentes processos de gestão e reestruturação do estabelecimento. O restaurante e espaço cultural recebe o Prêmio Prazeres da Mesa como melhor restaurante do centro-oeste brasileiro.

Felipe Caran comanda a Casa do João, na região de Bonito - Mato Grosso do Sul

Felipe Caran comanda a Casa do João, na região de Bonito – Mato Grosso do Sul

Priscilla Gois é gastróloga e trabalha profissionalmente como cozinheira há dez anos. Como empresária, comandou o restaurante Horta e Trichefs. Atualmente trabalha no Espaço Casa Gastronomia, com eventos, jantares harmonizados e temáticos e com consultoria no restaurante Porto Madero, em João Pessoa, PB. Ela será responsável pelas sobremesas do festim.

SOBRE O FESTIVAL
Uma Arena Gastronômica será montada na av. Baía dos Golfinhos, ao lado do estacionamento dos ônibus na avenida principal da praia da Pipa. O Festival será dividido em vilas: A “Vila dos Chefs” será o espaço onde chefs convidados irão preparar pratos que serão vendidos ao público a preços acessíveis. O espaço “Vila da Pipa” aproxima o público visitante da arte culinária típica da região, com criativa gastronomia caseira da praia, entre as quais as moquecas, ostras orgânicas, pasteis de camarão, balas de coco, cocada, entre outros. No mesmo local haverá uma mostra com alguns restaurantes que participam do concurso oficial.

“Vila de Negócios” será a área de exposição de produtos, serviços e degustações; e o espaço “Arena Gastronômica” abrigará as duplas de chefs na competição dos “Novos Talentos” e “Melhor Feijão da Pipa”, além das oficinas com chefs especialistas convidados pela curadoria e pelo Senac-RN. Na área da Cidade Gastronômica também terá tenda de drinques e vinhos, praça de alimentação, bares, a “Vila Cultural” e um espaço kids. A entrada é gratuita para todos os espaços da Arena.

O Festival da Pipa contará com investimentos privados e também recursos oriundos da Lei de Incentivo à Cultura Câmara Cascudo, bem como as parcerias e apoios culturais. A edição conta com patrocínio da São Braz, Sebrae-RN, Hotel Pipa Atlântico, Fecomércio /Senac e Gourmet Expert. A realização é do Festival da Pipa e da Educapipa e co-realização do Governo Cidadão, via Banco Mundial, através da Setur – Secretaria Estadual de Turismo e Governo do Estado do RN. O festival também contará com a promoção da Prefeitura de Tibau do Sul e apoio cultural do sistema Fecomércio / Sesc RN .

FESTIM – Toca da Coruja
Data: 22 de Setembro de 2017
Chefs.: Felipe Caran e Priscila Gois
Endereço: Av. Baía dos Golfinhos, 464, Tibau do Sul – RN, 59178-000
Contato email: reservas@tocadacoruja.com.br
Contato Telefone: (84) 3246-2226

FESTIM – Hotel Ponta do Madeiro
Data: 29 de Setembro de 2017
Chef.: Edu Rejala
Endereço: Av. Antônio Florêncio 2695 – Estrada para Pipa, Tibau do Sul – RN, 59178-000
Contato email: reservas@pontadomadeiro.com.br
Contato Telefone: (84) 3246-4220; (84) 3246-4221; (84) 3246-4222

Fonte: Release

Festival Cultural e Gastronômico da Pipa confirma datas; veja detalhes

17 de agosto de 2017

Com o tema “Descoberta de Sabores”, o Festival Cultural e Gastronômico da Pipa realiza no próximo mês, durante os dias de 22 a 30 de setembro, a 13ª edição do maior evento já realizado no litoral, voltado para a cultura gastronômica da região. O local será o terreno ao lado do estacionamento dos ônibus, na av principal Baía dos Golfinhos. De acordo com a produção, a estrutura será ainda maior e um projetista foi contratado para criar a Cidade Gastronômica.

Prato do festival em 2016: Pescada do Chapadão. Foto: Rogério Vital

Prato do festival em 2016: Pescada do Chapadão. Foto: Rogério Vital

O Festival será dividido em vilas: A “Vila dos Chefs” será o espaço onde chefs convidados irão preparar pratos exclusivos para comercialização a preços acessíveis; “Vila da Pipa” aproxima o público visitante da arte culinária caseira da praia. Donos de restaurantes que participam do Concurso Oficial poderão expor seu prato em uma das tendas montadas no local. A “Arena Gastronômica” abrigará as duplas de chefs na competição dos “Novos Talentos” e “Melhor Feijão da Pipa”, além das oficinas com chefs especialistas convidados pela curadoria e pelo Senac-RN. Na área da Cidade Gastronômica também terá tenda de drinques e vinhos, praça de alimentação, bares, a “Vila Cultural” e um espaço kids. E uma “Vila de Negócios”, a área de exposição de produtos dos patrocinadores e serviços e degustações.

O Festival da Pipa contará este ano com investimentos privados e também recursos oriundos da Lei de Incentivo à Cultura Câmara Cascudo, bem como as parcerias e apoios culturais. A edição conta com patrocínio da São Braz, Sebrae-RN, Hotel Pipa Atlântico, Fecomércio /Senac e Gourmet Expert; realização Festival da Pipa e da Educapipa e co-realização do Governo Cidadão via empréstimo do Banco Mundial, através da Setur – Secretaria Estadual de Turismo e Governo do Estado. O festival também contará com a promoção da Prefeitura de Tibau do Sul e apoio cultural do sistema Fecomércio / Sesc RN. O Festival da Pipa também tem certificado de aprovação da Lei Djalma Maranhão.

Entre as presenças confirmadas está o chef Felipe Caran, que comandará um dos festins. Também foram convidados os chefs Paulo Machado e CarlaCorreia, consultora e ex-finalista do MasterChef Brasil. Nesta edição serão dois festins às sextas feiras: Dia 22 de setembro na Toca da Coruja e 29 de setembro no Hotel Ponta do Madeiro. Todos serão harmonizados com vinhos e cervejas artesanais, presença de sommelier. Para interessados nos festins, as reservas estão abertas. O valor é R$ 235,00 (inclusos as bebidas da harmonização, água mineral e café São Braz). As inscrições para o concurso estão abertas até dia 30, no endereço www.festivaldapipa.com.br O tema será Tapioca.

 

Release do Festival

Festivais nas serras capricham na programação musical. Confira:

25 de julho de 2017

Reforçando aos viajandões: a programação do próximo final de semana será de festa nas serras. Três festivais estão programados para a mesma data. Serra de São Bento, Cerro Corá e Martins serão realizados de 4 a 6 de agosto. No quesito hospedagem a alternativa para quem vai se decidir de última hora é alugar uma casa ou um quarto pois os hotéis estão lotados. Há opções de hospedagens nas cidades vizinhas. Por exemplo, Passa e Fica, Araruna e Monte das Gameleiras são alternativas para quem vai a São Bento.

26-02-201652JFS

Martins terá Khrystal, Boca de Sino, Macaxeira Jazz e restaurantes de Natal

Martins é cidade com tradição em festivais: de 04 a 06 de agosto vai realizar a 11ª edição de seu Festival Gastronômico e Cultural. O evento terá sabor de reencontro, já que a última edição aconteceu em 2013. O festival reúne suas atrações em toda uma estrutura montada no centro da cidade. É montada sob tendas que abrigam os restaurantes, bares e lojas de artesanato, galeria de artes, e atrações musicais. Para esta edição já estão confirmados as participações de Khrystal, Isaque Galvão, Rodolfo Amaral, Bete Nascimento, Boca de Sino, Brazuca Jazz, Samba Nobre, Danilo Nikson, Edson Moura, Frequência 2, Macaxeira Jazz e Everaldo Miguel. A movimentação gastronômica trará restaurantes da região e Natal, como Mirante da Carranca, Mirante do Canto, Mirante Recanto Alto da Serra, Ombak, Restaurante e Pizzaria Água na Boca, Point Vip e Paçoca de Pilão, oferecendo um vasto cardápio elaborado por vários chefs, além de petiscarias, cachaçarias, vinícola e chocolataria. O evento ainda terá a participação da confraria dos chefes, sendo escolhido, no final, o melhor prato do festival. A hospedagem conta com várias opções, como o badalado Hotel Serrano, Chalé Lagoa dos Ingás, Pousada Martinense, entre outras. Outra opção para os hotéis cheios é o aluguel de casas. Já estão a todo vapor. A 380km de Natal, com 15 graus nos meses mais frios, Martins se destaca no turismo de aventura. Entre seus atrativos naturais estão a Casa de Pedra (a segunda maior caverna de mármore do país), a cachoeira de Umarizeira, e os vários mirantes.

26-02-201651JFS

São Bento de muitos shows e aventuras: Destaque para Zé Lezin na praça, Alcimar Monteiro e Isaque Galvão

A 7ª edição do Festival de Inverno de Serra de São Bento promete ser uma de suas maiores já feitas na região. De 04 a 06 de agosto a cidade será movimentada com shows regionais e nacionais, festivais de gastronomia, artesanato, cachaças e cervejas artesanais, além dos encantos naturais da região, que fica a 115 km de Natal. A programação está das mais sortidas. No primeiro dia, 04/08, destaques para o humorista Zé Lezin, e sons de Perfume de Gardênia, Avine e Vinny, Briola e banda, feira de artesanato local, e o festival gastronômico com o tema “A Nova Cozinha Potiguar”. No dia 05 terá Carlinhos Zens e banda, Isaque Galvão, Forró Puxado, e o veterano Alcimar Monteiro. No domingo, o festival será encerrado com um Moto Show. Cidades mais próximas como Passa-e-Fica, Monte das Gameleiras e Araruna, funcionam como alternativa de hospedagem quando falta espaço em Serra de São Bento.

Cerro corá. Foto João Maria alves

Cerro corá. Foto João Maria alves

Cerro Corá aposta na cultura: Confraria do Fole, Sesi Big Band, Calcinha Preta e Uskaravelho

A serra de Santana vai se agitar com o 15º Festival de Inverno de Cerro Corá, de 04 a 06 de agosto. A festa terá um tema, “Heranças do novo povo, tradição de nossa gente”, uma expressão de seu potencial turístico. Para hospedagem, a cidade conta com 94 leitos, entre quatro pousadas e 40 unidades habitacionais, as casas para aluguel. A cidade fica a 190km de Natal.  A programação vai ocorrer entre a praça Tomaz Pereira de Araújo e a Av. São João, no centro da cidade, com apresentação do Madrigal da UFRN na sexta (04), violeiros, mamulengos, bois de reis, saltimbancos e capoeira. Shows do saxofonista Carlos Guedes, Cleiton Pinheiro, banda Feras, Relabucho. No sábado (05), terá a Big Band do Sesi, Uskaravelho, Confraria do Fole, Calcinha Preta e Rodrigo Potiguar, e no domingo (05) banda Almanará, Robson Semog, Raynel Guedes e Rodolfo Lopes.

O Festival de Inverno foi criado em 2003 e atualmente faz parte dos seis atrativos turísticos  considerados no inventário, começando pelo clima frio, que  em agosto chega a 18º em alguns dias, as nascentes do rio Potengi, o maior do RN e que banha Natal, além da casa de pedra, pinturas rupestres e conventos, assim denominados um conjunto de pedras de granito que são parecidos com casas.

Texto reproduzido do caderno FDS

Veja os 5 festivais gastronômicos e culturais para 2017

26 de junho de 2017

Viajar no mês de julho/agosto para curtir as serras potiguares faz parte do calendário do turista regional desde que o município de Martins abriu caminho, em 2008,  para o circuito de festivais gastronômicos e culturais. De lá pra cá muita água correu serra abaixo e o calendário tornou-se intermitente, ao sabor da vontade política dos prefeitos e gestores, e isso fez descontinuar as boas ações já consolidadas, principalmente em Martins, Portalegre e Monte das Gameleiras…

Mas eis que 2017 promete bons eventos entre as serras e o litoral. Soube que Martins terá festival este ano com recursos da prefeitura local. Como a edição será promovida pela própria prefeitura, ainda está em fase de publicação de editais. Mas há outros cinco festivais estão programados para este ano no RN e que você não deveria perder. Dois deles são nas serras potiguares. E pela primeira vez o Festival Gastronômico da Pipa fará uma prévia em Natal. Sem falar no retorno do Festival Gastronômico de Natal, na praça Pedro Velho. Confira os primeiros detalhes:

Festival de Inverno de Serra de São Bento

Serra de São Bento

Serra de São Bento

De 4 a 6 de agosto de 2017. O festival acontece deste 2006 na cidade de Serra de São Bento, localizada na serra da Borborema potiguar, a 115 km de Natal. Mesmo que o foco não seja só gastronômico, o clima agradável e a beleza da região já são desculpa de sobra para subir a serra. A programação lembra uma festa de interior com eventos culturais, esportivos, shows musicais e espaço gastronômico. Entre as atrações para este ano estão confirmados um festival de cachaça e outro de cervejas artesanais; a tradicional feira de artesanato e moda (a região possui fábricas de confecções) exposições, agrovila da Serra, “Projeto Piloto para o Turismo Rural” (secretaria de Agricultura do RN/ Emparn/Emater). Tem o Moto show, cavalgada, apresentações artísticas e culturais locais e regionais. A Pousada Villas da Serra, que integra o Roteiros de Charme, costuma realizar ações paralelas na área de gastronomia e turismo. Outro local que pega carona na festividade para promover a gastronomia é a charmosa pousada Pedra Grande.
Entre os shows adiantados pela assessoria de imprensa estão Isaque Galvão, Solteirões do Forró , Orquestra Sinfônica, apresentação de grupos folclóricos , banda Perfume de Gardênia, Alcimar Monteiro.

1º Festival Gastronômico e Cultural da Pipa em Natal

foto rogerio vital rest lampiao

 

 

 

 

 

 

Pela primeira vez a produção do Festival da Pipa realizará uma etapa em Natal. Será de 1º a 3 de setembro, no Espacial Mall, av Engenheiro Roberto Freire, Ponta Negra. A programação ainda não está fechada, mas haverá feira gastronômica e chefs convidados.

13º Festival Gastronômico e Cultural na Pipa

A edição do festival realizado na praia mais charmosa do litoral sul, já tem data fechada. Será entre 22 e 29 de setembro, na área do estacionamento dava Baía dos Golfinhos, na avenida principal. De acordo com o realizador André Rockert, o local será dividido em espaço Vila dos Chefs (com tendas de profissionais convidados) e a Vila da Pipa (espaço para restaurantes). Também haverá concursos, o guia dos restaurantes, os Festins e o Tacho solidário.

XV Festival de Inverno de Cerro Corá

cero cora foto tn

A  edição está confirmada para os dias 4,5 a 6 de agosto, no município serrano da microrregião de Serra de Santana. A programação ainda está em construção, mas na página do festival no facebook tem contatos para quem deseja alugar casas ou apostar no cama, café e rede. Estão confirmados Uskaravelho, Banda Calcinha Preta e outros ainda não confirmados. Para quem não sabe, Cerro Corá tem vários atrativos naturais e é o lugar onde nasce o Rio Potengi.

2 FESTIVAL GASTRONOMICO DO CAMARÃO/ CADERNO FIM DE SEMANA/ FOTOS:MARCELO BARROSO/RELEASE

 Festival Gastronômico e Cultural de Natal

Será em dezembro em Natal, no bairro de Petrópolis, mas a data ainda não está confirmada. Com realização do empresário Walde Faraj, criador do Circuito de Festivais do RN, o tema será Natal em Natal, com foco na gastronomia potiguar do período natalino, suas tradições, criações e heranças. A praça Pedro Velho e o Palácio dos Esportes deverão ser ocupados com oficinas, palestras, a Cozinha-Show original e muitos restaurantes.