369420_909411_courrA_ges_2_web_

POR AUGUSTO BEZERRIL

@augustobezerril

augustobezerril@tribunadonorte.com.br 

Quando se fala em futurismo, na moda, impossível não lembrar Courréges. Pois bem, o futuro francês passa pelo sustentável do Brasil, a a partir da colaboração do designer brailseiro Oskar Metsavaht (leia-se Osklen).   No desfile da Coleção Primavera/Verão 2020 Courréges, realizado ontem (25.09) na capital francesa, a marca apresentou diversas peças confeccionadas com o couro de peixe de pirarucu., proporcionando textura para itens icônicos da marca como a tradicional jaqueta Courrèges e também sobretudos, calças e shorts, além de dar um ar futurista aos modelos apresentados. A pele do pirarucu é uma alternativa eco-eficiente que beneficia comunidades locais, protege o bioma da Amazônia, além de exportar a cultura brasileira para o mundo.

Para Oskar Metsavaht, trata-se do início de uma parceria muito promissora porque “ estamos projetando, mais uma vez, a nível internacional os conceitos e as práticas que tenho implementado na Osklen por meio de projetos desenvolvidos com o InstitutoE – cujo trabalho é conhecido no Brasil, via Osklen.

Foto Divulgação

Comentários do Facebook

Deixe um comentário