104475662_267563627861317_1027447190950623191_n

POR AUGUSTO BEZERRIL

@augustobezerril

augustobezerril@tribunadonorte.com.br

A La Roche-Posay realizou, na tarde de hoje, 24 de junho,  Microbioma Day – primeiro evento nacional sobre Microbioma, exclusivo para imprensa e criadores de conteúdo, replicando o Summit Mundial que foi realizado na França, em 2019. ABZ Tribuna do Norte foi veículo convidado a participar do evento da marca  recomendada por 90.000 dermatologistas em todo o mundo e pioneira e líder na ciência do microbioma desde 2011, com mais de 30 artigos e estudos clínicos publicados. Durante o evento, a médica Gabriela Munhoz, a dermatologista Tatiane  Curi, Beatriz Sant’Anna, Diretora de Expertise Científica e Profissional da L’Oréal Cosmética Ativa e Maíra da Mata, Diretor da  La Roche-Posay no Brasil, explicaram os avanços no estudo do microbioma da pele, cujo desequilíbrio causa dermatites especialmente em crianças. Segundo especialistas,  o microbioma é nosso outro DNA. E, se levarmos, em conta cada pessoa – do ponto de vista de bactérias – seria, segundo Richard Martin, um planeta.

105300710_1001400243641416_3305668823894791168_n

ENTENDA …

Em parceria com dermatologistas, a La Roche-Posay -conhecida pelas propriedades da água termal –  colocou a ciência do microbioma no centro de sua pesquisa por quase 10 anos, dando à marca o conhecimento para ser pioneira em novos tipos de cuidados com a pele para reequilibrar o microbioma da pele e mantê-lo forte contra agressores. A marca publicou 13 publicações e conduziu 19 estudos clínicos em mais de 1200 pacientes. Com base nessa pesquisa avançada, La Roche-Posay demonstrou que, quando seu microbioma está desequilibrado, isto pode causar reações na pele, como coceira, vermelhidão e levar a crises de acne, eczema e psoríase. Assim como a biodiversidade é crucial para a natureza, um microbioma equilibrado e diversificado é crucial para manter uma pele saudável. “La Roche-Posay acredita firmemente na dermatologia que muda a vida”, disse Maíra da Mata, Diretora da marca no Brasil. “A pele é mais do que apenas um envelope, é um órgão vital que desempenha um papel importante na vida e no bem-estar das pessoas. Hoje, a ciência do microbioma é crucial para entender melhor os problemas da pele e criar soluções dermatológicas mais eficientes, a fim de melhorar a qualidade de vida das pessoas”, completa.

105492097_273528000629643_4645067471504522655_n

FUTURO

Os estudos em torno do microbioma, divulgados por revistas e entidades respeitadas no mundo científico –  são considerados revolucionários para saúde humana. E tem provocado novos paradigmas. “Em menos de 10 anos, passamos de uma abordagem higienista para uma biológica”, explica Beatriz Sant’Anna, Diretora de Expertise Científica e Profissional da L’Oréal Cosmética Ativa. “Antes, muitos consideravam que as bactérias eram ruins e precisavam ser eliminadas. Agora sabemos que a diversidade e o equilíbrio de micróbios na pele são essenciais para a saúde da pele”.  As profissionais refletiram também como o uso de álcool gel e os procedimentos de higienização tidos como hábitos fundamentais para o controle da Covid-19 pode alterar o mircrobioma da pele. Anote o glossário, que a gente volta ao tema falando sobre o  Lipikar Baume AP +  M.

GLOSSÁRIO 

MICROBIOMA DA PELE

 o ecossistema invisível de microrganismos que vivem dentro e sobre a sua pele.

DISBIOSE

Desequilíbrio de microrganismos no microbioma da pele. Quanto mais diversificado o microbioma, mais saudável ele é. – PROBIÓTICOS: microrganismos vivos que podem regular o microbioma da pele.

PREBIÓTICOS

Ingrediente que pode estimular o crescimento e/ou a atividade das bactérias da pele.

POSBIÓTICOS

Extrato de bactérias não-vivas que podem estimular o crescimento e/ou a atividade das bactérias da pele.

Foto Reprodução

Havaianas lança Tradi Zori e refaz a história da mais brasileira “sandália japonesa”

Lives, produção de moda, comida de milho criam ritual de festejos juninos #emcasa

Comentários do Facebook

Deixe um comentário