unnamed - 2021-09-22T180824.949

POR AUGUSTO BEZERRIL

@augustobezerril

augustobezerril@tribunadonorte.com.br 

Depois de Londres e Nova York, vamos de Milão Fashion Week. O desfile (ou apresentação!) de Brunello Cucinelli muito interessa. O estilista faz uma moda atemporal com boas sacadas sobre os sinais da tendência. Se vimos cores vibrantes, metalizados, fazeres artesanais e esporte nos desfiles da temporada, Cucinelli traduz tudo para uma linguagem real, classuda e elegante. A cartela já explica:  vermelhos vibrantes, amarelos minerais e verdes emanam vibração, harmonizando-se facilmente a uma gama de tons neutros (um clássico Brunello), com beges claros, azuis serenos e cinzas metropolitanos.

unnamed - 2021-09-22T180815.292

RENOVE

O couro perfurado, popelines leves, malhas femininas bordadas em estilo tricô combinadas com materiais nobres e rústicos, espalham a sensação de liberdade, leveza e facilidade em looks e acessórios. O apelo espontâneo do jeans permeia toda a coleção, com novas variações de azul ou cinza e um detalhe icônico que remete ao estilo dos bolsos western. As linhas geométricas de Argyle, vindas do universo do esporte e dos clubes masculinos, são reinterpretadas em crochês superfemininos. O jacquard com efeitos tridimensionais ganham aparência delicada, com uma combinação de fios rústicos, macios e napa. Na malha, Fios rústicos, fibras naturais nobres e materiais modernos são maximizados por pontos largos e detalhes brilhantes. Da trama orgânica ao brilho, a vibração é slow. Tranquila como parece pedir os tempos de renovação. O que deve fazer o estilo da consumidora que, no Brasil, compra na loja do Brunello Cucinelli no Shoping Cidade Jardins. Seja na loja física, seja via concierge do e-commerce. A coleção chega em março de 2022.

Fotos Divulgação

 

Comentários do Facebook

Deixe um comentário