Volvo faz a maior atualização da linha de caminhões em sua história no Brasil

24 24Etc/GMT+3 outubro 24Etc/GMT+3 2014 por fernandosiqueira

Com um novo design, muito mais aerodinâmico, o FH tem uma nova cabine, um metro cúbico maior internamente, garantindo muito mais conforto e segurança tanto durante a jornada de trabalho como durante as horas de descanso do motorista. Sua dirigibilidade é um ponto alto, assim como a visibilidade, o que garante mais segurança.

 O FH tornou-se um caminhão ainda mais conectado, com as mais avançadas tecnologias de telemetria já criadas para o transporte. Agora, o FH sai de fábrica preparado para receber, por exemplo, o I-See, um espetacular sistema que reconhece as estradas por onde o caminhão já passou, tornando a troca de marchas mais eficiente e proporcionando melhor desempenho e menor consumo de combustível. “O novo FH mantém e consolida a posição de melhor caminhão do mercado”, destaca Bernardo Fedalto, diretor de caminhões.

Desenvolvido para o transporte pesado em condições severas, o FMX também recebeu grandes modificações. Agora, é oferecido com um potente motor de 540cv, além das potências de 370cv, 380cv, 420cv, 460cv e 500cv e pode sair de fábrica também com as novas configurações de tração integral 4×4 ou 6×6. O FMX tem agora uma nova opção de eixo para 150 toneladas de PBTC (Peso Bruto Total Combinado) e ainda uma caixa de câmbio eletrônica I-Shift configurada para operações off-road.“É um novo FMX, com vários atributos que o tornam ainda mais vocacionado para aplicações em construção, mineração e cana-de-açúcar”, afirma Alexander Boni, gerente de caminhões Volvo da linha F.

Além do novo design externo, o FM chega com o interior totalmente renovado, nova arquitetura eletrônica e mais novidades: agora, o FM pode sair da linha de produção também com um motor de 380cv de potência, e o já consagrado motor de 370cv, com configurações 4×2, 6×2 e 8×2 e um novo eixo traseiro que eleva sua capacidade de carga para 65 toneladas de PBTC, garantindo maior robustez.

“Agora o VM, que iniciou recentemente o processo de atualização dos caminhões da marca, vê seus irmãos maiores completarem a nova linha Volvo”, observa Fedalto. “A nova linha Volvo marca mais um salto histórico na história do transporte de cargas brasileiro”, finaliza Nilton Roeder, diretor de estratégia de caminhões do Grupo Volvo América Latina.

 

Deixe uma resposta