Produção de motocicletas cai 4,8% em julho no Brasil

10 10Etc/GMT+3 agosto 10Etc/GMT+3 2019 por fernandosiqueira

[DUAS RODAS] Foram produzidas no Brasil, em julho, 91.713 unidades. Em relação ao mês anterior, junho, houve aumento de 34,6%.

 

fabricademotos

Fábrica de motocicletas instalada em Manaus (BR). FOTO: divulgação

Segundo a Abraciclo, associação dos fabricantes de motocicletas do Brasil, a produção do segmento “duas rodas” no País, em julho, foi de 91.713 unidades. O volume aponta uma queda de 4,8% em relação ao mesmo mês do ano passado, quando 96.338 unidades foram montadas.

Se compararmos com junho deste ano, constatamos que houve alta de 34,6% sobre as 68.121 unidades produzidas no mês passado. Nos primeiros SETE meses do ano, foram produzidas 628.818 unidades, volume 6,3% superior ao registrado no mesmo período de 2018, que atingiu o montante de 591.753 unidades.

De acordo com a Abraciclo, o setor ainda está em recuperação e segue impulsionado, entre outras coisas, pela renovação da frota brasileira.

“Isso impacta diretamente a cadeia produtiva. Hoje, aproximadamente 70% das vendas de motocicletas é financiada via CDC (Crédito Direto ao Consumidor) e pelo Consórcio”, afirmou Marcos Fermanian, presidente da Abraciclo.

Vendas

O setor de motocicletas comercializou 90.048 motocicletas em julho, representando um aumento de 18,1% na comparação com o mesmo mês de 2018 (76.226 unidades) e de 12,5% em relação a junho (80.023 motocicletas).

Entre os meses de janeiro a julho deste ano, foram vendidas 620.082 motocicletas em nosso País, volume 16,3% superior às 532.955 unidades faturadas no mesmo período do ano de 2018.

Exportações

No mês de julho foram exportadas 2.788 unidades. No acumulado do ano, as exportações somaram 23.180 unidades, o que representa queda de 49,9% em relação ao mesmo período do ano pretérito (46.258 motocicletas).

Os comentários estão desativados.