Volvo Cars volta a produzir automóveis na Suécia

19 19Etc/GMT+3 abril 19Etc/GMT+3 2020 por fernandosiqueira

 

A Volvo Cars reinicia a produção em sua fábrica de Torslanda, na Suécia, na segunda-feira, 20 de abril, após um curto período de inatividade relacionado ao Coronavírus

 

fábrica-da-volvo-automóveis-suécia

Fábrica da Volvo Cars na Suécia. FOTO: divulgação

A Volvo Cars decidiu reabrir sua fábrica na Suécia, após diálogos com sindicatos locais e, além disso, também dará as boas-vindas aos funcionários administrativos em seus escritórios naquele País amanhã, dia 20 de abril. A fábrica e os escritórios foram preparados nas últimas semanas para serem os mais seguros possíveis para as pessoas retornarem de uma maneira segura, a fim de não serem atingidas pelo Coronavírus.

Um diálogo constante e estreito com todos os parceiros e fornecedores visa garantir a produção, porém reduzidas da cadeia de suprimentos. Os volumes de produção em Torslanda serão ajustados para atender à demanda dos mercados, bem como aos pedidos existentes.

“Temos uma responsabilidade em relação a nossos funcionários e fornecedores para reiniciar as operações agora que a situação permite”, disse Håkan Samuelsson, CEO da Volvo Cars. “A melhor coisa que podemos fazer para ajudar a sociedade é encontrar maneiras de reiniciar a companhia de maneira segura, salvaguardando a saúde das pessoas e seus empregos”.

Antes do retorno da equipe amanhã, todas as instalações foram cuidadosamente higienizadas. A partir do retorno, as rotinas de limpeza serão intensificadas e testes de temperatura e oxigenação do sangue serão oferecidos a todos os colaboradores.

Nas últimas semanas, os funcionários revisaram todas as estações de trabalho na fábrica de Torslanda sob uma perspectiva de saúde e segurança. Onde o distanciamento social não for possível, outras medidas de proteção foram adotadas.

Nos prédios de escritórios suecos, o layout em todas as salas de reuniões, escritórios e restaurantes será ajustado sempre que necessário para permitir o distanciamento social, por exemplo, garantindo que as mesas sejam colocadas adequadamente e limitando o número de pessoas permitidas nos locais.

Quanto aos outros locais da rede global de fabricação da Volvo Cars que ainda estão fechados, a fábrica de Ghent, na Bélgica, também será reaberta segunda-feira, 20 de abril, com produção reduzida. Atualmente, a empresa planeja reabrir sua fábrica na Carolina do Sul (Estados Unidos) no dia 11 de maio.

A fábrica de motores em Skövde, na Suécia, e a fábrica de componentes da carroceria em Olofström, na Suécia, continuarão a planejar sua produção semanalmente e a se adaptarem às necessidades das outras unidades fabris.

Os colaboradores de outros países continuarão a seguir as diretrizes locais, mas os funcionários de saúde e segurança da Volvo Cars esperam que os aprendizados das instalações suecas também possam ser implementados em outros lugares.

A Volvo Cars continuará a se apoiar no pacote de suporte introduzido pelo governo sueco no início deste ano, o que significa uma redução contínua do tempo de trabalho para a maioria dos funcionários. O apoio bem-vindo do governo permite à Volvo Cars proteger seus negócios fundamentalmente saudáveis até que os mercados se estabilizem.

Os comentários estão desativados.