A Netflix anunciou nesta terça-feira (10) um aumento no preço das mensalidades. A mudança entra em vigor a partir de julho e será aplicada nos valores pagos por assinantes antigos (Quem assinou o serviço antes de junho de 2015). Com o reajuste, eles terão que desembolsar pelo menos R$ 19,90 para ter acesso ao catálogo, assim como os clientes mais recentes.

The Netflix Inc. website and logo are displayed on laptop computers arranged for a photograph in Washington, D.C., U.S., on Tuesday, Jan. 21, 2014. Netflix Inc., the largest subscription streaming service, is expected to release earnings data on Jan. 22. Photographer: Andrew Harrer/Bloomberg via Getty Images

Atualmente, os usuários que assinaram a Netflix antes de junho de 2015 pagam R$ 17,90 para o plano simples, devido ao “apadrinhamento” anunciado no ano passado. O reajuste será informado por e-mail nesta quarta-feira (11).

A Netflix oferece três planos no Brasil. O mais simples custa R$ 19,90 (R$ 17,90, para os clientes antigos). Para ter acesso em duas telas + HD, a mensalidade é R$ 22,90 (antes, R$ 19,90). A versão mais completa, com quatro telas + HD, é comercializada por R$ 29,90 (antes, R$ 26,90).

Presente em mais de 130 países, o canal de streaming tem mais de 81 milhões de assinantes em todo o mundo. Deles, 46 milhões estão nos Estados Unidos.

Os usuários da Netflix que assinaram o serviço antes de junho de 2015 e desfrutam do “programa de apadrinhamento” podem dizer adeus ao preço reduzido. A empresa anunciou hoje que os valores serão igualados aos clientes que contrataram as transmissões recentemente, conforme já havia prometido mês passado.

Reajuste – Esses reajustes acontecerão no mundo inteiro, e o objetivo é acumular capital para a produção de conteúdo próprio, e não depender de terceiros para expandir seu catálogo. Além disso, a empresa precisa se renovar caso queira se manter na liderança, uma vez que o Spotify entrou na concorrência anunciando 12 séries de TV.

O foco da Netflix agora serão os filmes, e cerca de 5% do orçamento de produção de conteúdo será alocado para essas produções. Caso os planos tragam os resultados esperados, o investimento poderá aumentar.

Deixe um comentário