Curta potiguar “Sêo Inácio (ou O Cinema do Imaginário)” é selecionado no Festival de Gramado 2015

16 de junho de 2015 por Cinthia Lopes

1911967_1439762839592120_462837859_o

O ano de 2015 começou bem para o audiovisual potiguar. Depois de ganhar os prêmios de melhor curta pelo júri oficial e júri popular no festival Goiamum, no início de junho em Natal, o documentário “Sêo Inácio (ou O Cinema do Imaginário)”, do jovem diretor potiguar Helio Ronyvon, parte agora para o Rio Grande do Sul, onde foi selecionado para a competição de curtas brasileiros no prestigiado Festival de Cinema de Gramado, que acontece de 7 a 15 de agosto. É a primeira vez que um curta do Rio Grande do Norte participa de uma mostra competitiva neste festival, um dos mais importantes e antigos do País.

Histórias como a de Sêo Inácio sempre encantaram o cinema. Neste curta, conta um pouco da vida de um cinéfilo que já assistiu a mais de 20 mil filmes  e possui uma relação de amor com a sétima arte

Histórias como a de Sêo Inácio sempre encantaram o cinema. Neste curta, conta um pouco da vida de um cinéfilo que já assistiu a mais de 20 mil filmes e possui uma relação de amor com a sétima arte

“Sêo Inácio” conta um pouco da vida de um cinéfilo que já assistiu a mais de 20 mil filmes e alia sua sabedoria a uma vivacidade intensa. O filme acompanha o dia-a-dia do protagonista, ao mesmo tempo em que o convida a reconstruir suas memórias através da produção de um curta-metragem ficcional intitulado “O menino que queria ser santo”.

Confira a lista completa dos selecionados para a competição de curtas brasileiros no 43º Festival de Cinema de Gramado:

– “Bá”, de Leandro Tadashi (SP)
– “Como São Cruéis os Pássaros da Alvorada”, de João Toledo (SP)
– “Dá Licença de Contar”, de Pedro Serrano (SP)
– “Enquanto o Sangue Coloria a Noite, Eu Olhava as Estrelas”, de Felipe Arrojo Poroger (SP)
– “Haram”, de Max Gaggino (BA)
– “Heroi”, de Pedro Figueiredo (SP)
– “Macapá”, de Marcos Ponts (MA)
– “Miss & Grubs”, de Camila Kamimura e Jonas Brandão (SP)
– “Muro”, de Eliane Scardovelli (SP)
– “O Corpo”, de Lucas Cassales (RS)
– “O Teto Sobre Nós”, de Bruno Carboni (RS)
– “Quando Parei de Me Preocupar Com Canalhas”, de Tiago Vieira (SP)
– “S2”, de Bruno Bini (MT)
– “Sêo Inácio (ou O Cinema Imaginário)”, de Helio Ronyvon (RN)
– “Virgindade”, de Chico Lacerda (PE)

 

Confira curta da mostra competitiva de Gramado

Os comentários estão desativados.