Notícias

RIO-2016 – Weverton: “me encaixo bem nos três aspectos”

Weverton se apresentou nesta segunda-feira (1) à Seleção Olímpica Masculina e já foi logo escalado para coletiva de imprensa. E ele mostrou segurança e personalidade para assumir a camisa 1 da equipe, que antes era de Fernando Prass, desconvocado por conta de uma lesão no cotovelo.

Quando realizou a convocação inicial da Seleção Olímpica Masculina, Rogério Micale esclareceu aquilo que esperava de um goleiro para a Torneio Olímpico de Futebol: liderança, capacidade de defender pênaltis e qualidade para jogar com os pés. Weverton afirmou se encaixar nos três aspectos.

– Liderança é algo que exerço já há bastante tempo no meu clube, mas é algo natural. Com relação aos pênaltis, ano passado fui o goleiro que pegou mais cobranças no Brasileirão. Já o jogo com os pés, é uma exigência do futebol moderno. Todo goleiro precisa saber usar os pés, ter leitura tática.

Weverton em sua primeira entrevista coletiva pela Seleção, onde chegou para ocupar o lugar de Fernando Prass (Créditos: Lucas Figueiredo / MoWa Press)

Weverton em sua primeira entrevista coletiva pela Seleção, onde chegou para ocupar o lugar de Fernando Prass (Créditos: Lucas Figueiredo / MoWa Press)

A felicidade estampada no rosto era suficiente para explicar a sensação de ser convocado para disputar uma Olimpíada pelo Brasil. A ficha ainda está caindo, mas Weverton garante que está pronto.

– Venho jogando, participei das 17 rodadas do Brasileirão deste ano. Ritmo de jogo não será problema. Teremos muita conversa para pegar entrosamento o mais rápido possível, mas são jogadores de muita qualidade e sei que isso não será problema.

Nesta segunda-feira (1), Weverton já participa do treinamento com a equipe. O trabalho está marcado para as 15h30 no CECAF (Bombeiros).

Deixe um comentário