Técnico Francisco Diá disse que atletas estão cientes da importância da partida (Foto: Canindé Pereira)

Técnico Francisco Diá disse que atletas estão cientes da importância da partida (Foto: Canindé Pereira)

O América fará um confronto de extrema importância neste domingo (10) diante do Confiança, no estádio Baptistão (SE). O momento do clube na série C é delicado e o treinador Francisco Diá ressalta que para tentar dar a volta por cima, o clube precisa do apoio da torcida, principalmente nos jogos em casa. Prestes a fazer sua segunda partida no comando da equipe alvirrubra, o treinador ressaltou a importância do estímulo dos torcedores americanos junto à equipe.

“Digo que é para ela (torcida) confiar e acreditar na nossa equipe. Que sejam, de fato, o nosso 12º jogador, principalmente nos jogos em casa”, frisou a frase que já se transformou em chavão no futebol, mas que para o Alvirrubro atualmente é uma realidade.

A ideia para conquistar a credibilidade junto aos seus torcedores, é trazer uma vitória diante do Confiança. Os três pontos neste confronto são preponderantes para as duas equipes que após a partida vão ter um quadro mais definitivo sobre pelo que vão brigar dentro do grupo A: classificação ou contra o rebaixamento para série D.

O técnico destaca que o grupo está ciente da responsabilidade e está focado em fazer um resultado positivo no estádio Baptistão, no confronto previsto para ter início as 19h. Potiguares e sergipanos buscam uma arrancada na competição.

“Esperamos fazer um grande resultado, garantir os três pontos e estimular a torcida para o jogo contra o Remo que vai ser em casa. O grupo fez um bom jogo diante do Cuiabá e a tendência é que o desempenho melhore a cada partida”, salientou.

 

Diá já antecipou que não deve fazer grandes mudanças no time devendo repetir boa parte do grupo que entrou como titular no empate por 2 a 2 diante do Cuiabá, na Arena Pantanal.

 

 “A tendência é que a equipe deles saia bastante no começo da partida, então vamos fazer uma marcação forte, explorando o contra-ataque, principalmente com os três da frente (Reis, Thiago Potiguar e Raul)”, disse.

 

 

Para este importante compromisso, o comandante rubro relacionou 18 jogadores e as novidades ficam por conta das presenças do zagueiro Lucas Bahia e do volante Diego Silva, convocados pela primeira vez.

 

 

Confira:

 

 

 

GOLEIROS: Daniel e Camilo;

LATERAIS: Everton e Gleidson;

ZAGUEIROS: Cléber, Richardson, Lucas Bahia e Maracás;

VOLANTES: Felipe Macena, Memo, e Diego Silva;

MEIAS: Elias e Ítalo Melo;

ATACANTES: Reis, Luiz Eduardo, Thiago Potiguar, Raul e Romão

 

 

 

Deixe um comentário