Serra de São Bento é destaque na coluna de Turismo do jornal TRIBUNA DO NORTE

23 de junho de 2017 por antonioroberto

O secretário de Turismo de Serra de São Bento, Diel Figueiredo, é o entrevistado deste sábado na coluna de Turismo do jornal impresso TRIBUNA DO NORTE. Ele dá detalhes sobre o Festival de Inverno do município, que se realizará de 4 a 6 de agosto.

Abaixo, alguns motivos ilustrativos para uma visita a Serra de São Bento em qualquer época do ano

sao bento 5

sao bento 7

sao bento 6

sao bento 1

sao bento 2

sao bento 3

Paraíba terá divulgação gratuita no Aeroporto do Galeão (RJ)

22 de junho de 2017 por antonioroberto

sao joao 1

O litoral de João Pessoa, Conde e Cabedelo, além da tradição cultural do São João de Campina Grande (foto), na Paraíba, será divulgado no Aeroporto Internacional Tom Jobim, do Rio de Janeiro, em julho. Em 2015, mais de 16 milhões de passageiros circularam pelo Galeão, que possui ampla estrutura de divulgação de destinos turísticos.

Para produzir o material de divulgação, uma equipe do Projeto RIOGaleão desembarca no próximo sábado para uma estadia de três dias na Paraíba. Entre os integrantes, está a vlogueira Amanda Antunes (https://prefiroviajar.com.br/), que possui mais de 100 mil seguidores nas redes sociais e vai disponibilizar a sua visita em tempo real.

A presidente da Empresa Paraibana de Turismo (PBTur), Ruth Avelino, ressalta que a iniciativa tem o apoio da ABIH-PB e da Abrasel-PB. “Não haverá custo para o Governo. Estamos oferecendo apenas o apoio logístico”, comenta Ruth.

Fogueira gigante

Fogueira gigante

A Casa de Cumpade, no distrito de Galante, a 15 quilômetros de Campina Grande, será um dos destaques da produção. A presidente da PBTur explica que o local reúne as várias manifestações das festas juninas e da culinária típica nordestina. Chega-se até lá, nesta época do ano, através do Trem do Forró, outra atração que será mostrada no vídeo.

Ainda no roteiro, destaque para o Parque do Povo, o Sítio São João, o Salão do Artesanato e o Açude Velho, em Campina Grande. Entre as atrações litorâneas, estão previstas a piscina natural do Seixas, na Praia do Seixas, ponto extremo oriental das Américas; a praia pluvial do Jacaré, em Cabedelo, com entardecer no Rio Paraíba em meio à execução do Bolero de Ravel; e as praias de Barra de Gramame, Jacumã, Tambaba e Coquerinho, no litoral sul.

Tap deixará de voar para Natal de 11 de setembro a 29 de outubro

22 de junho de 2017 por antonioroberto

Vejam comunicado oficial da Tap

“A Tap informa que, em consequência das medidas de manutenção anunciadas pela empresa administradora do Aeroporto de Natal, no Brasil, a companhia suspenderá temporariamente os voos diretos envolvendo esse destino durante o período de obras, entre 11 de setembro e 29 de outubro de 2017.

Em relação aos clientes que já haviam feito suas reservas de voos ou possuam bilhetes emitidos para esse período, a companhia está preparando um reforço de sua operação em Recife para receber esses passageiros que fariam seu embarque ou desembarque em Natal no período acima indicado.

Como se trata de uma situação excepcional e com o objetivo de atender os seus clientes da melhor maneira possível, a empresa está a definir a forma como irá transportar os passageiros entre as cidades de Natal e Recife.

Todos os clientes afetados serão informados, logo que a Tap tenha esta definição. A Tap também permitirá que os clientes façam alterações de data sem penalizações para quem preferir mudar sua viagem, mantendo a mesma classe comprada, assim como possibilitará o reembolso do bilhete ao passageiro que preferir não realizar o voo.

A Tap reforça o seu compromisso com todos os seus usuários informando que, a partir do dia 29 de Outubro de 2017, data em que as obras de manutenção já deverão ter sido concluídas, prevê voltar a operar seus voos diretos a partir de Natal, aumentando, inclusive, o número de voos de três para quatro semanais.”

Saneamento básico chega a São Miguel do Gostoso, terceiro destino turístico do RN

21 de junho de 2017 por antonioroberto
Com saneamento, será mais Gostoso

Com saneamento, será mais Gostoso

O Governo do RN assina amanhã (quinta-feira, 22), às 16h, em frente à Câmara Municipal de São Miguel do Gostoso, a ordem de serviço do saneamento básico do município de São Miguel do Gostoso.

A obra será viabilizada pela Secretaria de Estado do Turismo do RN com recursos do Governo Cidadão, via acordo de empréstimo com o Banco Mundial. Deverá ser a maior obra estruturante de Gostoso nos últimos anos.

Vagner Araújo, secretário de Gestão e Projetos, lembra que há dados estatísticos importantes com relação à saúde. “A cada R$ 1,00 investido em saneamento, R$ 4,00 é economizado com saúde pública. Esse é um dado estatístico importante, porque as grandes vítimas são as crianças”, comenta.

A obra tem estimativa de execução em 18 meses e deixará o município 100% saneado. O projeto executivo foi elaborado pela Caern e está orçado em R$ 25,3 mil.

O governador Robinson Faria também assinará as ordens de serviço dos Subprojetos de Acesso à Água e Inclusão Produtiva dos municípios de Rio do Fogo, Touros, Caiçara do Norte e Maxaranguape.

Exemplos que vêm do Turismo da Alemanha. É conferir e praticar

21 de junho de 2017 por antonioroberto
Delegação potiguar vivencia experiências exitosas na Alemanha

Delegação potiguar vivencia experiências exitosas na Alemanha

A gestão do destino turístico e os novos conceitos que permeiam o turismo mundial estiveram entre os pontos centrais da visita que a comitiva do turismo potiguar – que cumpre agenda no estado alemão da Renânia-Palatinado ao longo de toda esta semana – realizou às cidades de Bernkastel-Kues e Traben-Trarbach, na região do Rio Mosel. O grupo participou de um workshop com Rembert Gügel, especialista em gestão de destinos. Ele integra a equipe de profissionais da Câmara da Indústria e Comércio de Trier (IHK).

“Há 30 anos todos os problemas do turismo, assim como suas soluções, já eram conhecidos. E eles estão ligados à necessidade de se entender que gerir um destino é torná-lo sustentável econômica, ecológica, social e culturalmente. O turismo precisa servir à população local. E não o contrário. A percepção que um turista terá do destino não se limita a uma única experiência que ele tenha. Ela passa por todas as experiências vividas naquele lugar e, principalmente, se aquele destino atende às expectativas que ele tem”, afirmou o dirigente alemão.

E é esse conceito integrado que parte da região do Rio Mosel, mais precisamente estas duas cidades visitadas pelos potiguares, procura trabalhar. Para ilustrar o conceito, o representante da IHK dá um exemplo. “Esta é uma região grande produtora de vinhos e a atenção dada à atividade pelos operadores do turismo é total. Entendemos a produção do vinho como uma atividade empresarial, mas ela também é um atrativo turístico. Por isso não a perdemos de vista e buscamos integrá-la à atividade turística”, ressaltou Gügel.

Ele diz ainda que há uma mudança de conceito turístico bastante forte hoje e que a Alemanha tem procurado explorar bem. “Hoje os turistas estão desacelerando, estão valorizando o slow travel. Eles querem mais tranquilidade, fazer as coisas devagar, sentindo cada lugar. Um dos grandes ícones desta mudança de expectativas é o crescimento do modelo de hospedagem no qual o turista quer alugar uma residência e viver como um habitante local, se integrando ao dia a dia daquele lugar. Esta tendência precisa ser levada em conta na hora de se trabalhar um destino e, sobretudo, quando queremos encantar o visitante. O destino inteiro precisa ser atrativo, de várias formas, para que possamos atrair e manter o turista”, pontuou.

Hotel-escola alemão aponta caminhos para o turismo do RN

Hotel-escola alemão aponta caminhos para o turismo do RN

Já na cidade de Traben-Trarbach, a delegação potiguar fez uma visita guiada ao Hotel-Escola Moselschlösschen, às margens do Rio Mosel. O equipamento chama a atenção pela beleza e o charme de suas formas. Funciona desde 1901 em uma antiga estação ferroviária. Trata-se de uma estrutura extremamente moderna e confortável, totalmente equipada para o que eles chamam de “aulas-show”, que acontecem em duas situações.

A primeira é quando um grupo resolve contratar um chef de cozinha e reunir amigos em torno de um jantar com uma aula básica de gastronomia e enologia. A segunda é quando uma universidade ou escola técnica da região resolve realizar nos espaços do Moselschlösschen aulas extras para seus alunos, com foco, por exemplo, na harmonização de pratos com os vinhos produzidos na região.

A comitiva potiguar que visita o estado alemão da Renânia-Palatinado teve, ainda, a oportunidade de conhecer a estrutura da Agência Estadual para o Desenvolvimento Turístico da Renânia-Palatinado (Rheinland-Pfalz Tourism Gmbh, a RPT), além de discutir possíveis formas de cooperação nesta área entre os alemães e o Rio Grande do Norte.

A agência alemã tem 70% do seu trabalho custeado pelo Secretaria de Estado da Economia e Turismo da Renânia. Os outros 30% vêm de entidades privadas – entre elas a IHK (Câmara do Comércio e da Indústria) e a Dehoga (equivalente à ABIH no Brasil) – e de prefeituras das cidades da região, ou mesmo de prefeituras das cidades que tenham interesses pontuais na atuação da agência.

Um dos pontos principais da atuação da RPT é uma ampla e diversificada plataforma de comunicação, com site responsivo (www.rlp.tourismusnetzwerk.info), aplicativos e reuniões por videoconferência. Outra estratégia que vem sendo utilizada com excelente retorno no que os alemães chamam de qualificação do atendimento e, consequentemente, do retorno ao cliente, é a chamada “Costumer Journey”.

A equipe da agência realizou pesquisas e traçou perfis que definiram cinco “personas”, que são clientes que se enquadram nos padrões do público-alvo de cada destino. A definição do perfil destes clientes foi feita com base em pesquisas qualitativas que deixavam claras as preferências de atrações e o tipo de hospedagem pretendidos, a distância da residência, o tempo de permanência pretendido, entre outras coisas.

De posse dos perfis do público-alvo de cada destino, a agência, em parceria com as entidades que a mantém, passou a monitorar clientes que se encaixassem neles e a ouvi-los de forma mais detalhada para saber, por exemplo, quando iam procurar comprar efetivamente o pacote e que motivos poderiam fazê-lo desistir da viagem.

O material direcionado às “personas” leva em conta as características de cada um. Por exemplo: uma folheteria em letras maiores para o público da terceira idade ou uma base de comunicação mais personalizada para esportistas.

O monitoramento vem dando certo, segundo dirigentes alemães, e garantindo o “encantamento” dos turistas nos destinos. Na maioria das cidades em que a agência atua, o percentual de turistas oriundos do trabalho baseado nas “personas” já chega a 50%.

(*) material extraído de informações oficiais da Fecomércio-RN, através do jornalista Luciano Kleiber, assessor de imprensa da entidade, que acompanha a delegação potiguar na Alemanha

A partir de novembro, Recife-Frankfurt pela Condor será às quartas-feiras

20 de junho de 2017 por antonioroberto

condor

A companhia aérea alemã Condor, que possui dois voos semanais saindo do Nordeste (Fortaleza e Recife) direto para Frankfurt, anuncia mudanças.

Os voos que saem de Recife continuam operando às terças-feiras até 31 de outubro, porém a partir de 1 de novembro deste ano e até 25 de abril de 2018 passarão a se realizar às quartas-feiras. Já as frequências de Fortaleza continuarão operando aos domingos.

A Condor foi considerada, pelo terceiro ano consecutivo, em 2017, a companhia aérea mais popular da Alemanha. Registra aproximadamente sete milhões de passageiros por ano, que voam para cerca de 75 destinos na Europa, Ásia, África e América.

Saiba como será o Festival de Inverno de Serra de São Bento

20 de junho de 2017 por antonioroberto

download

O município de Serra de São Bento (foto), na micro região da Borborema Potiguar, a 115 km de Natal, realizará seu Festival de Inverno de 4 a 6 de agosto.

Segundo o secretário de Turismo de Serra de São Bento, Diel Figueiredo, a expectativa é receber 20 mil visitantes durante o festival.

Entre as atrações, ele destaca o festival de cachaça, festival de cervejas artesanais, feira de artesanato, agrovila e moto show, além de apresentações artísticas e culturais.

Diel Figueiredo será o entrevistado de nossa coluna de Turismo no jornal TRIBUNA DO NORTE na próxima sexta-feira.

Jornalista potiguar passa a atuar, também, em Aparecida (SP)

20 de junho de 2017 por antonioroberto

A jornalista Cristina Lira, com atuação no Turismo do Rio Grande do Norte, está incorporando a cidade de Aparecida (SP), no Vale do Paraíba, como novo negócio. Ela assessora dois novos hotéis na região.

O hotel Sabor e Fé tem capacidade para 155 hóspedes, divididos em 56 quartos nas modalidades single, double e triplo e quádruplo, além de um apartamento para cadeirante.

Todos os quartos são equipados com tvs LED 24″, split, frigobar, toalhas Budmeyer e lençóis de 200 fios. São quatro andares com elevador no centro de Aparecida, a 50 metros da rodoviária.

aparecida

Já o hotel Caminho do Rosário (foto acima) tem capacidade para 252 hóspedes, São 82 quartos, que também acomodam de uma a quatro pessoas.

Possui ar condicionado e ventilador de teto, interfone, frigobar e vista para a Serra da Mantiqueira. Com quatro andares e elevador, fica a 500 metros do portão lateral acima da Basílica de N. S. Aparecida.

Confira aspectos de Trier, na Alemanha, que encanta a delegação do turismo potiguar

19 de junho de 2017 por antonioroberto

Liderada pelo presidente do Sistema Fecomércio RN, Marcelo Queiroz, a comitiva de representantes do Estado, de municípios turísticos e de entidades empresariais do Rio Grande do Norte, que está cumprindo agenda no estado alemão da Renânia-Palatinado ao longo desta semana, foi recebida nesta segunda-feira (19) pelo gerente executivo da Câmara de Indústrias e Comércio (IHK) da cidade de Trier, no estado alemão da Renânia-Palatinado, Jan Glockauer.

O diretor regional do Senac-RN, Fernando Virgilio, aproveitou a ocasião para fazer uma apresentação sucinta de algumas das parcerias já firmadas com o estado alemão. Ele destacou o fato de que, desde 2015, o portfólio de cursos do Senac no eixo de Turismo vem sendo incrementado, sobretudo na área de Gastronomia, graças ao intercâmbio com a Renânia-Palatinado.

Comitiva do RN passou o dia em Trier

Comitiva do RN passou o dia em Trier

Um dos pilares do segmento na cidade de Trier é o setor de eventos. Para o turista de lazer, há visitas guiadas temáticas, aproveitando o perfil histórico da região, que tem cinco monumentos declarados pela Unesco como Patrimônio Histórico da Humanidade, além de ligação ancestral com os tempos áureos do Império Romano.

A região dos rios Mosel e Reno, que inclui as cidades de Trier, Koblenz, Oberwessel, Binger, recebe por ano cerca de 2,3 milhões de turistas, que movimentam mais de 1,2 bilhão de euros (cerca de R$ 4 bilhões). Somente a cidade de Trier recebe 430 mil turistas por ano. São quase 800 mil pernoites, com ocupação média anual na casa dos 73%.

A cidade de Trier fica no Vale do Rio Mosel e foi fundada pelo imperador romano Augusto, em 16 A.C, com o nome de Augusta Treverorum. A área, porém, foi ocupada pelos celtas muitos séculos antes de os romanos chegarem. Trier se tornou a residência preferida de vários imperadores romanos, inclusive Constantino, o Grande, o primeiro imperador cristão. Quando o poder dos romanos acabou, os francos tomaram a cidade, em 459 D.C.

trier 2

No século 12, Trier virou centro importante para bispos e arcebispos. Na Idade Média, o Arcebispo de Trier foi um príncipe eclesiástico importante, controlando as terras da fronteira francesa até o Rio Reno. Ele também foi um dos sete eleitores do Sacro Império Romano.

Muitas vezes, por sua localização estratégica, Trier foi pega de surpresa por guerras entre a França e a Alemanha. Como resultados das Guerras Napoleônicas, Trier virou francesa em 1794. Mas com a derrota final dos franceses, em 1815, voltou a ser alemã.

Trier também é conhecida como a “Roma do Norte”. Como muitas cidades alemãs, sofreu vários estragos durante a Segunda Guerra Mundial, mas se reergueu e resguardou atrações arqueológicas e arquitetônicas.

Vale ressaltar foi em Trier que nasceu o lendário Karl Marx (filósofo, sociólogo, jornalista e revolucionário socialista, autor da Obra Prima “O Capital”, na qual traçou as bases das relações de trabalho do modelo capitalista), em 1818. A casa onde ele nasceu é hoje é museu e centro de estudos.

Portugal chora. Que tristeza! Mas vamos lembrar alguns ângulos turísticos de Lisboa e arredores

19 de junho de 2017 por antonioroberto

Portugal sofre com as chamas de um incêndio florestal que atinge uma região entre Leiria (onde fica o Santuário de N. S. de Fátima) e Coimbra. Mas vamos falar de Turismo, do esplendor que é visitar a capital portuguesa e seus arredores.

Sintra, Cascais, Oeiras, Ericeira, Mafra e Arrábida são boas dicas de passeio. A poucos quilômetros de Lisboa, lá se misturam história, romantismo, natureza e mar.

Sintra é reconhecida como a região mais romântica de Lisboa. Cascais traduz da melhor forma a apresentação da região de Lisboa ao mar. Oeiras oferece cultura e locais aprazíveis para esportes e lazer. Já Ericeira é considerada reserva mundial de surfe e ideal para férias na praia.

Vista aérea de Ericeira

Vista aérea de Ericeira

Em Mafra encontra-se o Palácio Nacional de Mafra, o mais importante fruto do barroco português, que em 2017 celebra seu terceiro centenário. Arrábida alia o azul do mar ao verde da serra e é um dos locais mais belos de Portugal.

Mas voltemos rapidamente a Lisboa. A vida noturna na capital é conhecida como uma das mais longas e vibrantes da Europa. Locais badalados como o Bairro Alto, Alfama, Bica, Príncipe Real, Cais do Sodré e a Avenida 24 de Julho garantem boa diversão e excelente gastronomia.

Já as rua Nova do Carvalho e Cor de Rosa oferecem muitos bares e casas noturnas. Há inúmeros terraços, tais como o Rooftop Bar, o Sky Bar (espaço lounge que fica no alto do Hotel Tivoli) e o O Terrace, no Bairro Alto Hotel, famoso por sua bela vista.

Tradição: Praça do Comércio

Tradição: Praça do Comércio

Lisboa oferece uma diversidade grande para as compras. Saindo do circuito Liberdade/Chiado/Amoreiras, o que há de mais novo é o Príncipe Real, com galerias multimarcas. O Bairro In de Lisboa, com seus antiquários e lojas de designers da moda portuguesa, também compensa a visita.

Além do bacalhau, a gastronomia lisboeta oferece peixes variados, que podem ser desfrutados em suculentas caldeiradas, sopas ou simplesmente grelhados. No item doceria, os pastéis de Belém e as queijadas e travesseiros de Sintra são os mais famosos.

Pense num programa imperdível em Lisboa... Passear no bonde (elétrico) 28

Pense num programa imperdível em Lisboa… Passear no bonde (elétrico) 28

Nos roteiros culturais estão, entre tantas opções, o MAAT – Museu de Arte, Arquitetura e Tecnologia; e o News Museum, projeto interativo que conta a história da mídia e caminha lado a lado com a tecnologia de ponta.

O Parque das Nações, à beira do rio Tejo, é praticamente uma nova Lisboa. Tem teleférico, oceanário, teatro e amplo espaço para feiras e exposições. O local, porém, tem um perfil mais empresarial. Oferece bons hotéis, a preços bastante competotivos.