RN promove workshops em Belo Horizonte e Campinas (SP)

25 de agosto de 2016 por antonioroberto
Representantes do turismo potiguar em ação promocional em Belo Horizonte

Representantes do turismo potiguar em ação promocional em Belo Horizonte

O Rio Grande do Norte foi destaque em mais um evento promocional exclusivo. Desta vez o worhshop se realizou no Hotel Dayrell, em Belo Horizonte. na terça-feira passada (23). Hoje as atrações potiguares serão mostradas durante evento no mesmo formato em Campinas (SP).

Estiveram presentes no evento da capital mineira cerca de 90 agentes de viagem, além das operadoras CVC, Azul Viagens, Visual, Flytour, Latam Travel, FRT Operadora, Viagens Interpool, Viagens Master, MMT Viagens, Snow e Território Operadora de Viagens.

Os expositores são (tanto em Belo Horizonte como em Campinas) Aram Hotéis, Ocean Palace, Bello Mare Hotéis, Praiamar Natal, Pipa Lagoa, Antibes Residence, E-Suites Vila do Mar, Marsol, Serhs, Parque da Costeira, Natal Dunnas, Yak Beach, Majestic, Porto Suítes, Visual Praia, D Beach, Anauê Receptivo, Potiguar Turismo, Wheltour, Luck Receptivo e Marazul Receptivo.

Especialista em golfe passa temporada em Natal. Veja entrevista

25 de agosto de 2016 por antonioroberto

golfe

O português Jorge Santana da Silva (foto), arquiteto de campos de golfe da empresa Golf Design, passa uns dias em Natal. Ao mesmo tempo em que vislumbra negócios, com base no potencial turístico e técnico (do ponto de vista aquífero) da região, ele lembra que falta muito ao Brasil – e sobretudo ao Nordeste – para atrair grandes empreendimentos turísticos nos quais os campos de golfe passem a ser inseridos.

Se sobram condições, diz ele, faltam acessos, infraestrutura, licenças ambientais e técnicos para das continuidade aos projetos. Porém, após os Jogos Olímpicos, nos quais o golfe esteve inserido, Santana reacende a luz de otimismo e volta a olhar o Brasil como possível (porém difícil) negócio.

Veja abaixo a entrevista que ele concedeu a este jornalista. Na coluna de Turismo desta semana no jornal TRIBUNA DO NORTE ele responderá a temas mais específicos sobre a possibilidade de Natal ganhar um campo de golfe,

O Nordeste tem condições técnicas e mercadológicas de atrair campos de golfe?

Certamente tem excelentes condições técnicas para a construção de um campo de golfe. Os terrenos arenosos são ideais. Drenam muito bem. São a melhor estrutura de solo para os gramados. Além de terem uma característica paisagista natural de grande beleza, que se deve preservar, são fáceis de modelar nas zonas necessárias. O aquífero superior, em proximidade relativa do mar, permite fazer lagos unicamente escavando, sem maiores custos. Esta água serve para regar, sem necessidade de outros recursos hídricos.

O que o golfe agregaria turisticamente ao Brasil?

O golfe em muitos países é uma estrutura fundamental do turismo. Em Portugal, principalmente no Algarve, os campos de golfe têm grande afluência, especialmente durante as estações mais frias, em que os jogadores do Norte da Europa não podem jogar nos seus países. Nestas estações do ano os campos são altamente lucrativos, estão normalmente associados a hotéis e inseridos em resorts. No Brasil o turismo está vocacionado para outras e muitas atrações. A oferta de campos de golfe só elevaria o nível sócio-econômico médio do turista no Nordeste.

Quantos campos você já implantou? Em quais países?

Desde o inicio da minha carreira, com Robert Trent Jones Senior, com o qual me formei e fui integrado à sua equipe de projetistas de golfe, foram mais de duas centenas de projetos. São 35 anos nesta atividade que me apaixona. Ainda colaborei com outro grande arquiteto de campos de golfe, Cabell Robinson, e mais tarde fui convidado para trabalhar com dois grandes jogadores que iniciaram nesta atividade e contratam técnicos para produzir os projetos. Mas a vontade de trabalhar por minha conta foi mais forte. Tenho realizações em Portugal, Espanha, França, Itália, Alemanha, Inglaterra, Marrocos, Angola e Estados Unidos. No Brasil, minha maior possibilidade de implantação de um campo de golfe, atualmente, é no Vila Galé Cumbuco, no Ceará.

O golfe está em expansão?

Neste momento a prática do golfe aumenta muito em toda a América do Sul. Estão sendo construídos campos que enriquecem o esporte e ao mesmo tempo empreendimentos associados, com grande visão dos investidores e a maior colaboração das entidades locais e nacionais. É isto que tem de ser feito no Brasil, no Nordeste. E vai acontecer, porque os investidores estão voltando. E também porque os responsáveis brasileiros entenderão que é necessário oferecer todos os incentivos ao seu alcance. Refiro-me concretamente ao licenciamento de projetos, adaptação de taxas e impostos, apoio na execução de acessos e infraestruturas, e mesmo na formação de técnicos que possam trabalhar nesta atividade. Tudo isto vai repercutir na economia local e nacional.

Congresso da Abav terá palestra de Ricardo Amorim

24 de agosto de 2016 por antonioroberto

r

Palestrante reconhecido internacionalmente, Ricardo Amorim (foto) levará sua visão sobre as grandes transformações na economia mundial e brasileira ao Congresso Abav de Turismo, integrado à 44ª Abav – Expo Internacional de Turismo e ao 46º Encontro Comercial Braztoa. O tema “Por que e como a economia deve melhorar e surpreender positivamente a partir de 2016?” será apresentado no dia 29 de setembro, das 18h30 às 19h30, no espaço unificado de todas as arenas da Vila do Saber.

A larga vivência internacional, em cenários diversos, fez de Ricardo Amorim referência na abordagem dos grandes temas da economia contemporânea. Sua linguagem clara e objetiva, aliada ao repertório multidisciplinar apropriado a diferentes públicos, resultará em boa oportunidade para os profissionais do turismo presentes no evento. Outro ponto que marca as apresentações de Ricardo Amorim é a aplicabilidade da mensagem às diferentes áreas de atuação.

Afirmações e indagações instigantes, sustentadas por clareza analítica e capacidade de síntese, vão permear esse encontro com os players da indústria turística. Alguns temas que estarão em evidência: Como prosperar na crise? Por que e como a economia deve melhorar e surpreender positivamente a partir de 2017? Por que e como o desenvolvimento acelerado do consumo e do varejo no Brasil serão retomados? Oportunidades que a crise traz para pequenas e médias empresas? E onde é possível inovar na indústria, em serviços e nas micro e pequenas empresas?

A 44ª ABAV – Expo Internacional e Turismo e o 46º Encontro Comercial Braztoa acontecem entre 28 e 30 de setembro (quarta a sexta-feira – das 12h às 20h) no Expo Center Norte (SP), com a participação de expositores nacionais e internacionais. O credenciamento está aberto e deve ser feito diretamente no portal da feira: www.abavexpo.com.br, que também pode ser acessado para mais detalhes sobre a programação da Vila do Saber, incluindo o perfil dos palestrantes.

Hotéis Imirá e Visual participam de evento em Córdoba, na Argentina. Veja foto

24 de agosto de 2016 por antonioroberto

Dois representantes da hotelaria de Natal (Imirá Plaza e Visual Praia) participaram ontem (23), em Córdoba, na Argentina, da 8ª Jornada de Capacitação dos Agentes de Viagem de Córdoba.

IMG-20160823-WA0014 (2)

O evento foi promovido pela operadora Princípios. A segunda maior cidade argentina tem um bom fluxo de turistas para Natal. Córdoba, inclusiva, poderá ter voos charteres para a capital potiguar na próxima alta estação.

Na foto, durante o evento, Marcelo Naliatto (Imirá Plaza), Maria Pezoa (operadora Princípios, da Argentina) e Marcelo Godeiro (Visual Praia)

Dicas de atrações gratuitas no Rio de Janeiro pós-Olimpíada. Confira

22 de agosto de 2016 por antonioroberto

Pretende visitar a Cidade Maravilhosa e aproveitar bons programas de graça? Aproveite, porque a momondo, buscador de passagens aéreas e reservas de hotéis, selecionou seis passeios imperdíveis para quem quer conhecer o melhor do Rio de Janeiro “na faixa”. As sugestões pós-Olimpíada são a “cara” do Rio, sobretudo para quem não tem muito dinheiro a gastar. Vai nessa:

Bonde de Santa Teresa

rio1

Um verdadeiro resgate da história da cidade, o percurso oferece uma boa vista da variada arquitetura do centro comercial do Rio. Saindo do Largo Carioca, o bondinho passa pelos Arcos da Lapa, chega até as pitorescas ruas de pedra de Santa Teresa, que conta com uma infinidade de restaurantes, galerias de arte e lojas das mais simpáticas, e para no Largo dos Guimarães. O transporte, confortável e seguro, proporciona um passeio simples, mas que rende ótimas lembranças.

Cachoeira dos Primatas

rio 2

A cascata é uma das melhores fugas do agito metropolitano em dias muito quentes. A trilha até o local é de fácil acesso, mas é necessário caminhar por cerca de 30 minutos até a recompensa final: uma relaxante queda d’água com vista completa da icônica Lagoa Rodrigo de Freitas. É recomendável utilizar roupas e calçados confortáveis por causa do percurso. O melhor horário para a visita é entre 8h e 17h, durante a temporada de chuvas, quando a piscina fica grande o suficiente para nadar.

Real Gabinete Português de Leitura

rio3

Não é preciso ser um pesquisador para apreciar essa joia do Rio de Janeiro, eleita como uma das bibliotecas mais bonitas do mundo. O espaço foi inaugurado pela Princesa Isabel em 1887 e abriga uma extraordinária coleção de literatura portuguesa, além de primeiras edições que datam do século 16, incluindo os imortais “Os Lusíadas”, de Luís Vaz de Camões, e “Amor de Perdição”, de Camilo Castelo Branco. O edifício de arquitetura surpreendente impressiona pelo interior de madeira escura e perfeita organização. Tudo isso para admirar de graça, mas só de segunda a sexta, já que o local fecha aos finais de semana.

Morro dos Prazeres

rio4

O percurso até o topo do Morro dos Prazeres conta com ampla variedade de arte de rua, eternizada nas paredes e muros do local por meio das hábeis mãos de mais de 45 artistas de diferentes partes do Brasil e do mundo. Lá em cima, é possível admirar o Pão de Açúcar, a Baía de Guanabara, o Aterro do Flamengo e a Torre da Central do Brasil. A vista é de tirar o fôlego. Além de apreciar os belíssimos graffitis que acompanham a caminhada no Morro, a dica é observar o estilo arquitetônico das casas da favela na região.

Samba da Ouvidor

rio5

Na esquina da Rua do Ouvidor com a Rua do Mercado, um dos cantos mais bonitos e charmosos do centro do Rio, uma galera muito animada e talentosa se reúne contribuindo para que o samba continue eterno. Lá, os cariocas mostram o verdadeiro espírito do Carnaval e suas canções favoritas, das novas até as mais clássicas. Promovida pelo grupo Samba da Ouvidor, a cantoria costuma reunir muita gente, sendo impossível ficar parado. Imperdível também visitar os bares e lojas bacanas que rodeiam a região.

Pôr do sol na Pedra do Arpoador

rio6

Um verdadeiro show da natureza que acontece todos os dias e totalmente de graça. Não é raro presenciar os frequentadores da Praia de Ipanema aplaudindo o sol se pondo no fim de tarde em um espetáculo diário dos mais belos. Para participar do ritual, a melhor pedida é se sentar na Pedra do Arpoador – localizada no final da praia – e assistir o astro-rei se despedir lentamente. E não precisa ir embora quando a noite chegar. Nos finais de semana costumam acontecer shows e festas gratuitas na areia ou no parque próximo do local.

Veja quando e onde serão as próximas reuniões dos cinco polos turísticos do RN

22 de agosto de 2016 por antonioroberto

A Secretaria de Turismo do RN mantém sua pontualidade na reunião com os cinco polos turísticos do Estado e já tem o cronograma pronto dos próximos encontros, que começam na próxima quinta-feira (25), em Natal.

Em todas as ocasiões, será apresentado o Diagnóstico do Turismo do RN e o Plano Estratégico e de Marketing para o Turismo, assim como a Elaboração das Estratégias de Desenvolvimento.

O cronograma das cinco reuniões é o seguinte:

25/08 – REUNIÃO POLO COSTA DAS DUNAS – 9h no Sebrae

29/08 – REUNIÃO POLO COSTA BRANCA – 8h no hotel Costa Atlântico, em Areia Branca

30/08 – REUNIÃO POLO SERRANO – 8h na Pousada Sagrada Família em Patu

31/08 – REUNIÃO POLO SERIDÓ – 8h no CDL, em Caicó

01/09 – REUNIÃO POLO AGRESTE-TRAIRI – 8h no Titanic, na Serra de São Bento

Setor aéreo brasileiro ganha “medalha” na Olimpíada

22 de agosto de 2016 por antonioroberto

A poucos dias do início dos jogos olímpicos, o setor aéreo brasileiro parecia abalado pela grandiosidade do evento: com a expectativa de receber milhares de passageiros, medidas precisaram ser implementadas às vésperas dos jogos para aumentar a segurança dos turistas desembarcando no Rio e em diversas cidades do pais.

A princípio, tamanha mobilização causou certo desconforto: filas intermináveis e atrasos significativos causaram preocupação a respeito do impacto desse fluxo superior nos terminais brasileiros. Mesmo sob dúvidas, as operações especiais foram capazes não somente de contornar o problemas, mas até mesmo melhorar o índice de pontualidade nos aeroportos.

Passados sete dias do início oficial das Olimpíadas, o índice de pontualidade dos voos nos terminais do país registrou o melhor desempenho em grandes eventos conquistando uma média melhor que a da Copa do Mundo de 2014. Não é à toa que, durante os jogos do Rio, os aeroportos brasileiros receberem um número impressionante de turistas.

Um dos pontos mais relevantes para os viajantes estrangeiros culminou na ampliação de regras antes adotadas apenas em voos internacionais: medidas de segurança especiais foram estendidas também para os voos domésticos como precaução de incidentes. Com um vistoria mais rigorosa, incluindo a inspeção de bagagens de mão, a intenção foi minimizar riscos e evitar falhas na fiscalização.

As medidas implementadas apenas 20 dias antes do início dos jogos causaram certa desorganização na área de check-in dos aeroportos, gerando atrasos e insatisfações dos passageiros que tiveram que enfrentar longas filas. Devido a essas complicações, diversos voos foram cancelados, causando preocupação a turistas e passageiros devido a aproximação dos jogos olímpicos.

Diante disso, foi necessária a adoção de uma força tarefa especial para organizar essas questões. Através da padronização operacional nos 40 aeroportos envolvidos no regime especial Rio 2016, foi possível planejar o fluxo, gerenciar o tráfego e a acessibilidade dos terminais. Essa ação, além de melhorar o desempenho das operações foi capaz de aumentar a pontualidade nos terminais.

Contudo, ainda que essas medidas tenham sido monitoradas e simuladas em eventos teste desde 2015, o sucesso das operações também pode ser atribuído à colaboração de concessionários e passageiros, que rapidamente se adaptaram às mudanças.

Segundo números da Secretaria de Aviação, mais de 3 milhões de pessoas passaram pelos aeroportos do país para aproveitar os jogos, só na primeira semana. O levantamento aponta que, somente em São Paulo, o aeroporto de Guarulhos, um dos principais do país, movimentou 24% dos passageiros, enquanto o Rio, sede dos jogos, foi responsável por 20%.

Mesmo com esse marco, os atrasos configuraram apenas 4,4% dos voos, porcentagem muito abaixo do limite máximo de 15%. Estima-se que a última semana da competição foi responsável por um dos picos de fluxo, onde grande parte dos espectadores e dos atletas toma seu caminho de retorno.

Para manter o padrão de pontualidade no decorrer da competição, medidas especiais de controle de fluxo foram adotadas pelas autoridades aeroportuárias: ao fim da competição as delegações fizeram o check-in na própria Vila dos Atletas.

A redução dos atrasos nos aeroportos diminuiu as filas e influenciou na opinião do passageiro: a média de satisfação na primeira semana olímpica foi de 4,19 em uma escala de 5, segundo o Ministério dos Transportes, Portos e Aviação Civil.

O legado olímpico proporcionará tanto para o Rio de Janeiro, que já é um dos principais cartões postais brasileiros, quanto para o país, ainda mais visibilidade turística. Dados do Ministro do Turismo preveem um aumento de 6% do turismo nacional, expectativa que tem como base o histórico de outras cidades que sediaram o evento e obtiveram um bom crescimento.

Casa Valduga (Bento Gonçalves) inova e hóspedes terão espumante personalizado

22 de agosto de 2016 por antonioroberto
Turismo sempre requer novidade, como esta da Casa Valduga

Turismo sempre requer novidade, como esta da Casa Valduga

A Casa Valduga (vinícola e hotel em Bento Gonçalves) preparou um pacote exclusivo para os apreciadores de espumantes. A partir de setembro, os hóspedes vivenciarão a experiência única do “My Exclusive Champenoise”, na qual poderão elaborar seu próprio espumante, criando um rótulo personalizado.

Além de visitar a região do Vale dos Vinhedos, em Bento Gonçalves, os hóspedes que optarem por esse pacote também terão direito a degustação às cegas de rótulos da Casa Valduga, com almoço e jantar harmonizados nos restaurantes dos complexo enoturístico.

Durante a programação de três dias, os participantes do My Exclusive Champenoise terão a oportunidade de acompanhar todo o processo de produção dos espumantes, realizando cortes para a escolha do espumante e ainda uma rotulagem simbólica.

O My Exclusive Champanoise será realizado de 15 a 18 de setembro e cada casal receberá sua garrafa personalizada no endereço indicado. O pacote de três diárias na Casa Valduga dá direito ainda a almoço e jantar harmonizado.

Azul anuncia Recife-Orlando a partir de dezembro

18 de agosto de 2016 por antonioroberto

Orlando (EUA) será o primeiro destino internacional operado pela Azul a partir do Recife. A estreia está prevista para 7 de dezembro.

A operação será às quartas-feiras e aos domingos e terá como diferencial a conectividade com várias cidades do Nordeste. Natal, por exemplo, tem tr6es voos diários para Recife.

A opção por Orlando, segundo a diretoria da Azul, ocorre devido à rápida expansão econômica do destino, a excelência de seu aeroporto e a facilidade de conexões para outras cidades dos Estados Unidos.

As passagens começarão a ser vendidas após a autorização por parte dos órgãos reguladores.

A Azul já opera voos internacionais de longo curso (operados com o A330) com saída de São Paulo (Campinas) para Fort Lauderdale, Orlando e Lisboa.

A empresa também oferece ligações de curta distância para Caiena (Guiana Francesa), Montevidéu (Uruguai) e Punta del Este (operação sazonal no Uruguai durante o verão).

Plano Estratégico do Turismo do RN terá novo impulso na próxima semana

18 de agosto de 2016 por antonioroberto

Mais um passo será dado na próxima semana para a elaboração do Plano Estratégico de Desenvolvimento do Turismo e Marketing para o Rio Grande do Norte. A ação, promovida pelo Governo do Estado, por meio da Secretaria de Turismo, pretende fornecer diretrizes para o fomento do setor através de uma farta base de dados e estudos levantados em cada um dos municípios pertencentes ao novo Mapa do Turismo, atualizado conforme a Portaria do Ministério do Turismo.

“O Plano está na fase de complementação e discussão do diagnóstico preliminar já elaborado. Esta fase pressupõe a obtenção de dados que garantam uma avaliação precisa e abrangente sobre aspectos que direta ou indiretamente influenciam e determinam o desempenho do Turismo. Então contamos com a participação fundamental dos agentes do turismo para fornecer esses dados, principalmente os representantes das instâncias de governança, uma vez que todo o processo é participativo”, recomenda a subsecretária de Turismo, Solange Portela.

Diversas entidades públicas e privadas farão o agendamento de reuniões a partir da próxima terça-feira (23), na Setur RN (Centro de Convenções de Natal). Inicialmente os encontros captarão informações fornecidas por associações, instituições e empresas relacionadas ao turismo. Em seguida, a partir de quinta-feira (25), terão início as reuniões in loco nos cinco pólos turísticos do Estado, também para reforçar a pesquisa e debater outros assuntos.

“Precisamos conhecer melhor os dados econômicos e sociais, a dinâmica estadual intra pólos, as finanças públicas, os projetos e planos atuais dos governos, a infraestrutura, os serviços e equipamentos disponíveis, os serviços sociais e outros relacionados mais especificamente à atividade do turismo para podermos direcionar ações e políticas públicas para o setor, bem como trabalhar as ações de marketing de maneira planejada”, observa o secretário de Turismo do RN, Ruy Gaspar.

Desde fevereiro, a empresa Solimar International, vencedora do processo licitatório, com recursos do Projeto RN Sustentável, tem trabalhado na elaboração do Plano. Neste período, foram realizadas oficinas de trabalho em cada um dos Polos Turísticos do Estado com o objetivo de conhecer e priorizar as atrações mais competitivas de cada Polo e identificar, discutir e atualizar os desafios e oportunidades mais importantes do Polo.