Em assembleia realizada na manhã desta segunda-feira (11), os servidores do Departamento Estadual de Trânsito do RN (Detran) e da Fundação José Augusto (FJA) decidiram acabar a greve e retornaram imediatamente ao trabalho.

O fim das greves se deu em função da proposta enviada para o Sinai, pelo secretário chefe do Gabinete Civil, Paulo de Tarso, na última sexta-feira (8), após mais uma audiência de negociação entre Governo e Sinai.

Pela proposta, o Governo do Estado irá regularizar, já neste mês, a situação dos servidores que ainda não foram beneficiados com a implantação da primeira parcela dos diversos Planos de Cargos e Salários.

Mas com um detalhe: será tomada providencias para implantar os diversos planos em parcelas iguais, a partir de setembro até dezembro, respeitando os limites da Lei de Responsabilidade Fiscal.

Na FJA, a paralisação durou 42 dias. Já no DETRAN, a greve durou 50 dias.