Por proposição da deputada estadual Márcia Maia (PSB), a Assembleia Legislativa promoveu na manhã desta quinta-feira (31), um debate sobre os riscos do aumento da exploração sexual de crianças e adolescentes durante a realização da Copa do Mundo no Rio Grande do Norte.

A audiência contou com a participação de deputados, diversos órgãos governamentais, Ongs, e sociedade civil organizada.

Márcia lembrou que na Copa da África do Sul, as autoridades não se prepararam e ficaram com um triste legado da exploração infanto-juvenil. “Este é um primeiro momento, o debate não se encerra aqui. Temos três anos para nos prepararmos sobre esta questão. As políticas públicas precisam se integrar, para conseguirmos resultados mais satisfatórios”, defendeu a deputada.