Sem categoria

Operação Sinal Fechado envolve RN, SP, RS e PR

A Operação Sinal Fechado, que prendeu logo no início da manhã desta quinta-feira (24), o ex-deputado federal e suplente de senador João Faustino, está atuando em quatro estados: Rio Grande do Norte, São Paulo, Rio Grande do Sul e Paraná.

O Ministério Público Estadual com apoio da Polícia Militar cumprem 14 de mandatos de prisão e 25 mandatos de busca e apreensão.

Sem categoria

Suplente de José Agripino, João Faustino está detido no quartel da Polícia Militar

Fred Carvalho e Marco CarvalhoEditor e Repórter da Tribuna do Norte

O suplente de senador João Faustino foi levado por volta das 7h50 desta quinta-feira (24) para o quartel do Comando Geral da Polícia Militar, onde vai ficar detido. O ex-deputado federal foi preso nas primeiras horas do dia na operação Sinal Fechado, do Ministério Público Estadual.

Faustino disse não saber o motivo de ter sido preso. “Não faço a menor ideia de ter sido preso, mas já estou trabalhando para entrar com um habeas corpus. Questão judicial não se discute”, falou, antes de ser encaminhado para o quartel.

Além de João Faustino, pelo menos outras nove pessoas já foram presas na operação Sinal Fechado.

Sem categoria

Operação Sinal Fechado prende o suplente de senador João Faustino

Fonte: Tribuna do Norte

O ex-deputado federal e atual suplente de senador João Faustino foi preso na manhã desta quinta-feira (24) em uma operação do Ministério Público Estadual com o apoio da Polícia Militar. Além de João Faustino, outras pessoas já foram presas, mas os nomes ainda não foram repassados.

Entre os outros presos estariam um ex-diretor do Detran e empresários com atuação no ramo de expedição de documentos relativos a veículos.

O comandante da Polícia Militar do Rio Grande do Norte, coronel Francisco Canindé de Araújo, confirmou a participação da corporação na operação. “Estamos com 59 equipes envolvidas na operação. Mas como é uma investigação do Ministério Público, não tenho detalhes a repassar”, falou o comandante.

A operação foi batizada Sinal Fechado, mas ainda não se explicou o porquê. Os promotores de Justiça envolvidos na operação deverão conceder uma entrevista coletiva ainda nesta quinta para detalhar a ação.

Sem categoria

Brasil gasta mais com segurança que países desenvolvidos

Fonte: O Globo

Mesmo com um gasto em segurança pública superior ao de alguns países desenvolvidos, o Brasil está na lista das nações com as piores taxas de homicídios. Só no ano passado foram assassinadas 40.974 pessoas. O crescimento econômico do país nos últimos anos não reduziu os índices de homicídios, que aumentaram em 13 estados entre 2009 e 2010, conforme dados do Anuário Brasileiro de Segurança Pública, divulgado nesta quarta-feira pelo Fórum Brasileiro de Segurança Pública.

“O Brasil gasta muito, mas gasta muito mal”

Os números podem ser mais dramáticos. Muitos governadores ainda têm resistência a repassar dados criminais completos para a Secretaria Nacional de Segurança Pública, base usada pelos pesquisadores do fórum. Boa parte dos estados possui sistema precário de registro de assassinatos, assaltos e estupros, entre outros crimes. Entre os estados com os aumentos mais expressivos da violência estão Alagoas (42,8%), Amazonas (32,2%), Rio Grande do Norte (23,9%), Sergipe (23%) e Minas Gerais (22,6%).

– O Brasil gasta muito, mas gasta muito mal. Não conseguimos reduzir as taxas de violência e nem garantir direitos. O Estado brasileiro não está dando conta do recado – afirma o secretário-geral do fórum, o sociólogo Renato Lima.

Pelo estudo do fórum, estados e governo federal gastaram 1,36% do PIB (Produto Interno Bruto) com segurança em 2009 e, ainda assim, o país registrou uma taxa de 21,9 assassinatos por grupo de 100 mil habitantes. Os dados mantém o Brasil entre os seis primeiros países do ranking mundial da violência. A situação é ainda mais desfavorável quando se compara o caso brasileiro com países como Alemanha e Espanha. Os dois países gastaram, respectivamente, 1,2% e 1,3% do PIB com segurança em 2009 e apresentaram taxas de, respectivamente, 0,8 e 0,7 por grupo de 100 mil habitantes.

Taxa é inaceitável para a ONU

Outros países que tiveram gastos ligeiramente superiores, entre eles Estados Unidos, Reino Unido, Itália e Portugal, estão com taxas inferiores a 7 por grupo de 100 mil. Os investimentos em segurança nos Estados Unidos representaram 2,3% do PIB do país em 2009. A taxa de homicídios em território americano foi de 5,3% neste período. A Organização das Nações Unidas considera inaceitáveis taxas acima de 10 homicídios por grupo de 100 mil habitantes.

– O Congresso Nacional deveria abrir, com urgência, a discussão sobre um novo modelo de segurança pública no país – afirma o secretário-geral do fórum.

No Brasil os custos da segurança pública são mais elevados em estados da região Norte. Rondônia gastou R$ 405,91 per capita em segurança ano passado. O Acre, o segundo do ranking, consumiu R$ 380,86 per capita. Gastos desta natureza foram de R$ 244,81 no Rio de Janeiro e de R$ 177,48 em São Paulo no mesmo período. Para completar o quadro, mesmo com gastos de países desenvolvidos, os estados pagam baixos salários aos policiais civis e militares.

O anuário foi produzido pelo Fórum Brasileiro de Segurança Pública com base em dados repassados pelos estados à Secretaria Nacional de Segurança. Pelo estudo, ano passado foram registrados 40.974 assassinatos, 2,1% a menos que os 42.023 computados em 2009. No Rio de Janeiro, o número de homicídios teria tido uma redução de 16,8%. Mas nenhum dos dois números são considerados absolutamente confiáveis. Minas Gerais, Espírito Santo, Amapá e Santa Catarina enviaram dados incompletos ao governo federal.

O governo de Minas Gerais só repassou 74% dos dados criminais disponíveis. O caso de Santa Catarina foi ainda pior. As informações repassadas representaram apenas 31% das ocorrências registradas pelas unidades policiais do estado.

Ou seja, o número de homicídios nestes estados pode ser bem maior que os dados apresentados à Secretaria Nacional de Segurança Pública. Pelo entendimento de integrantes do fórum, o mais provável é que a taxa nacional de homicídios tenha se estabilizado. Não aumentou, mas também não diminui. Governadores resistem em repassar dados à secretaria com medo de críticas de adversários, principalmente em ano eleitoral. Segurança pública está sempre entre as cinco maiores preocupações dos eleitores.

O caso do Rio de Janeiro é mais específico. O Instituto Médico Legal teria deixado de informar, desde 2007, a causa das mortes à Secretaria Estadual de Saúde. Sem esta informação, os pesquisadores não teriam como avalizar os dados apresentados pela Secretaria de Segurança.

– Pela tendência dos últimos anos, acreditamos que a violência no Rio esteja caindo, mas não nos níveis informados pelo governo – disse Lima.

Pesquisa divulgada pelo fórum informa ainda que 65% dos entrevistados consideram a polícia “nada ou pouco confiável”. A desconfiança se estende também aos magistrados. O estudo mostra que 51% dos entrevistados declaram que o Judiciário brasileiro é “nada ou pouco confiável”. A sondagem foi feita em São Paulo, Rio de Janeiro, Minas Gerais, Rio Grande do Sul, Bahia e Pernambuco.

Sem categoria

Aniversariante do dia, Ricardo Motta vai ganhar festa no gabinete

O aniversariante desta quinta-feira (24) é o presidente da Assembleia Legislativa do Rio Grande do Norte, deputado Ricardo Motta (PMN).

Como de costume, Motta ganha festa em seu gabinete. Tudo organizado pelas irmãs Ariana e Cristiana.

Saúde, Paz, Sucesso e vida longa ao chefe do nosso Poder Legislativo.

Que ano que vem vai trabalhar com unhas e dentes para ganhar uma representação na Câmara Municipal de Natal, através do filho Rafael Motta, atual subsecretário da Juventude do Estado, que está desempenhando um trabalho merecedor de elogios.

Motta ao lado da família

Sem categoria

Cuidado com o uso do Facebook

Com informações do MSN Tecnologia

É bom conversar com as pessoas. Também é ótimo compartilhar coisas pela internet. Fotos e atualizações de status são ótimos para manter a amizade com algumas pessoas pelo Facebook. O único problema é que alguns usuários não sabem os limites deste tipo de interação.

O Facebook possui, atualmente, mais de 500 milhões de usuários, e essas pessoas gastam mais de 700 bilhões de minutos por mês no site.

Infelizmente, é meio perturbador pensar que todas essas pessoas estão atentas, observando tudo que se passa em sua vida ‘virtual’, ainda mais se suas opções de privacidade estão desligadas.

Com isso em mente, aqui estão algumas dicas de uso da famosa Rede Social.

– Não divulgue seu destino, nem onde está.

– Evite piadas e pegadinhas.

– Não fale sobre problemas de ordem pessoal.

– Evite provocações.

Sem categoria

Ministro da Saúde garante a Rosalba ações imediatas no RN

O ministro da Saúde, Alexandre Padilha, reforçou o apoio para a contratação de 120 leitos do SUS em hospitais privados, sendo 20 em UTIs, para Natal. O compromisso firmado com a governadora Rosalba Ciarlini durante audiência na noite desta quarta-feira (23), em Brasília, quando esteve acompanhada pelo deputado federal Henrique Alves, ratificou o anúncio feito pelo Secretário Nacional de Atenção à Saúde, Helvécio Magalhães, que visitou a capital potiguar há uma semana.

A partir de janeiro de 2012, o Hospital Monsenhor Walfredo Gurgel estará na lista das unidades hospitalares que farão parte do programa SOS Emergência, do Governo Federal. O programa vai priorizar nessas unidades hospitalares condições efetivas para a abertura de leitos de retaguarda, além de uma melhor estrutura física e tecnológica.

Além dos leitos de retaguarda, Rosalba também conseguiu benefícios para a região oeste do Rio Grande do Norte. A viabilização do Hospital Materno-Infantil também foi garantida pelo ministro Alexandre Padilha.

Sem categoria

Em discurso na Câmara, Fábio Faria homenageia o vereador Chagas Catarino

Nesta quarta-feira (23), durante sessão na Câmara Federal, o deputado federal Fábio Faria (PSD/RN) discursou em homenagem ao vereador Chagas Catarino (PP/RN), que sofreu um grave acidente automobilístico em outubro e, após 43 dias afastado, retomou ontem suas atividades na Câmara Municipal de Natal.

“Gostaria de registrar aqui a minha alegria pela recuperação da saúde desse importante líder político, um amigo, que apoiou a nossa eleição em 2010, e que tanto representa para as comunidades de Natal, pelo trabalho que desenvolve, pela preocupação com a população”, ressaltou Fábio Faria.

No dia 9 de outubro, durante o retorno de um jogo de futebol beneficente organizado por Chagas Catarino entre comunidades da região Agreste, o carro em que estava capotou na RN-316. O vereador sofreu escalpelamento e fraturou sete costelas. Passou por cirurgia para reparar o ferimento na cabeça e, durante vários dias, seu estado foi considerado grave pelos médicos.

Durante sua fala, Fábio Faria destacou a força do vereador durante o processo de recuperação. “Chagas surpreendeu positivamente a todos e mostrou sua força e determinação pela vida”.

Sem categoria

Rosalba não cumpre o prometido a Rogério Marinho

Logo ao início do seu Governo, quando o deputado federal Betinho Rosado (DEM), se licenciou do mandato e assumiu a Secretaria Estadual de Agricultura, a governadora Rosalba Ciarlini (DEM) comunicou ao suplente Rogério Marinho que as emendas parlamentares seriam definidas por ele.

Afinal…Rogério teve 103 mil votos.

O prometido não foi cumprido.

Além de não mandar em seu gabinete de Brasília, já que a maioria dos cargos são indicados por Betinho, Rogério também não teve o direito de definir as emendas.

Quanta humilhação…a quem foi tão importante na campanha Rosa de 2010.

Sem categoria

Vivas de Parabéns

O blog parabeniza nosso leitor Renan Pontes, editor do Senadinho Macaíba.

A Renam, nossos votos de saúde, paz, sucesso…e um 2012 de sonhos realizados.

Parabéns.

Sem categoria

Embaixador Britânico no Brasil visita secretário-chefe do Gabinete Civil‏

Depois de participar da abertura da Oficina Pegada de Carbono, que acontece até esta quarta-feira (23), no auditório do Sebrae/RN, o embaixador do Reino Unido no Brasil, Alan Charlton, fez uma visita de cortesia ao secretário-chefe do Gabinete Civil, Anselmo Carvalho.

“É muito importante esse contato com o embaixador britânico para estreitar nossos laços de amizade, para trocar experiências e aproveitar a oportunidade para mostrar nossas potencialidades, pensando no desenvolvimento do nosso Estado”, disse o secretário Anselmo Carvalho.

Além de falar sobre a importância dos debates que estão acontecendo na Oficina Pegada de Carbono, que trata da questão da sustentabilidade, a conversa entre o representante britânico e o secretário girou em torno de diversos outros assuntos.

“O Brasil é um país promissor, principalmente na área do turismo. É grande o interesse dos britânicos em conhecer o país. O esporte é outro setor que provoca a união entre os povos e com certeza muitos virão conhecer o Brasil na Copa do Mundo de 2014”, falou o embaixador.

Sem categoria

Agnelo sofre reação do tratamento contra o câncer

Antes de deixar São Paulo, o deputado estadual Agnelo Alves (PDT) sofreu uma pequena reação do tratamento quimioterápico que faz contra o câncer de esôfago descoberto há poucos dias.

Mesmo com a reação, o médico da equipe do Dr. Roberto Kalil Filho lhe liberou para dias de descanso em solo potiguar.

Sem categoria

Água de Cheiro monta área vip para receber celebridades no Camarote Skol 2014

O camarote oficial do Carnatal será também o espaço das celebridades. A perfumaria Água de Cheiro está montando uma área vip para celebridades e convidados, onde atores, modelos e famosos vão participar da micareta de Natal que completa 21 anos de sucesso. A cobertura da mídia nacional está assegurada pelas revistas Caras e Contigo. O site EGO, da Globo.com, também já confirmou presença.

Localização privilegiada, espaço amplo e seguro, atrações musicais que garantem festa em tempo integral e o único que terá duas passagens de trios. Estes são alguns dos diferenciais do Camarote Skol 2014. As vendas estão sendo realizadas na Central do Carnatal, no segundo piso do Natal Shopping.

Sem categoria

Rogério Marinho sugere que Micarla entregue as obras de mobilidade a Rosalba

O deputado federal Rogério Marinho (PSDB) lamentou a dificuldade da Prefeitura de Natal para conseguir a liberação dos recursos e iniciar as obras de mobilidade urbana necessárias a capital potiguar com a realização da Copa do Mundo de 2014.

Para o parlamentar, a Prefeitura de Natal não tem competência para executar as obras de mobilidade. Por isso, Rogério acredita que seria melhor se a atual gestão passasse a responsabilidade do serviço para o Governo do Estado.

“É evidente que falta a esta Prefeitura a humildade de admitir que não tem competência técnica, condição financeira e viabilidade adequada para tocar as obras. A grande contribuição que seria dada pela Prefeitura a nossa cidade é entregar a condução pela execução destas obras ao Governo do Estado”, disse Rogério Marinho durante o programa “Pensar Natal” exibido ontem (22) na rádio 96 FM.

Ainda de acordo com Rogério, a atual administração não consegue, sequer, elaborar um projeto de forma adequada. O parlamentar se refere as seguidas devoluções por parte da Caixa Econômica Federal das propostas feitas pelo Executivo para dar início a contratação das empresas que concluirão as obras.

Sem categoria

Fórum Nacional Eólico discutiu investimentos no setor

O 3º Fórum Nacional Eólico, que reuniu as principais autoridades do setor em Natal, foi encerrado ontem (22), no Hotel Pirâmide. O evento discutiu as estratégias de longo prazo para geração de energia eólica, quem vem conquistando espaço cada vez maior entre as fontes geradoras de energia elétrica.

Realizado em parceria com o Centro de Estratégias em Recursos Naturais e Energia (Cerne), o Fórum discutiu questões relacionadas com a infraestrutura, tecnologia, licenciamento ambiental e comercialização de energia.

Segundo a ex-governadora Wilma de Faria, atualmente existem mais de 25 parques eólicos em construção no Rio Grande do Norte e mais de 3 ml Megawatts de energia contratados. “Esses 3 mil MW representam cinco vezes a demanda atual de consumo de energia do nosso Estado. Esses investimentos representam mais geração de emprego e impostos para os municípios. Tudo isso graças ao esforço do nosso governo”, destacou.

O Rio Grande do Norte despontou no setor eólico na gestão da ex-governadora Wilma de Faria quando foi criada uma política de investimentos e de apoio aos empreendimentos. “Com isso, o Estado deixou de ser apenas consumidores para tornar-se grande produtor de energia elétrica”, afirma o diretor-geral do Cerne, Jean-Paul Prates.

Wilma e Jean-Paul Prates