Política

UFRN confirma novas variantes do coronavírus no RN

O Instituto de Medicina Tropical (IMT) da Universidade Federal do Rio Grande do Norte (UFRN) participou do sequenciamento genético do coronavírus, observando que novas variantes do vírus estão circulando no RN. A diretora do IMT-UFRN, Selma Maria Bezerra Jerônimo, alertou ainda sobre o “aumento importante” na quantidade de testes positivos para covid-19 desde dezembro de 2020, chegando a 64% de exames positivos realizados pela unidade em fevereiro de 2021.

A pesquisa que confirmou a circulação de novas variantes do coronavírus foi realizada por meio do sequenciamento genético e está analisando 91 amostras do SARS-CoV-2, provenientes do Rio Grande do Norte e da Paraíba. Com materiais genéticos coletados nos meses de dezembro de 2020 e janeiro e fevereiro de 2021, foi possível identificar a linhagem P1 que foi inicialmente encontrada em Manaus (AM), além da linhagem P2 , descrita no Rio de Janeiro e que está se disseminando pelo Brasil.

Jerônimo ressalta que as amostras foram coletadas em dezembro de 2020 e as variantes vêm circulando no Nordeste desde esse período, o que mostra a importância da manutenção da vigilância. Além disso, como as novas mutações do vírus estão associadas a uma possível maior dispersão, ela também reforça a importância das medidas de prevenção, como distanciamento social, higiene das mãos e uso de máscaras.

A pesquisa foi financiada pelo Ministério da Ciência, Tecnologia e Inovações (MCTI) e pelo Ministério da Educação (MEC), com a colaboração de pesquisadores do Laboratório de Bioinformática do Laboratório Nacional de Computação Científica (LNCC-MCTI), Ana Tereza Vasconcelos; do IMT-UFRN, Selma Jerônimo e Francisco Freire; do Departamento de Biologia Celular e Genética (DBG-UFRN), Lucymara Fassarella Agnez Lima e Katia Castanho Scortecci; além do Laboratório de Biologia Molecular da Universidade Federal da Paraíba (UFPB).

A inciativa é ainda parte da Rede Corona-ômica-RJ da Fundação de Amparo à Pesquisa do Estado do Rio de Janeiro (FAPERJ) e da Corona-ômica-BR, que é financiada pelo MCTI, Financiadora de Estudos e Projetos (FINEP) e Conselho Nacional de Desenvolvimento Científico e Tecnológico (CNPq). Os resultados do estudo foram comunicados às Secretarias de Saúde do Município de Natal e do Estado do RN, para que tomassem conhecimento e efetuassem as medidas cabíveis.

Dra. Selma Jerônimo – Diretora do Instituto de Medicina Tropical

Diversos

Após lutar contra o câncer, Jornalista Gláucia Lima volta para o Rádio em Caicó

Após um período afastada das ondas do rádio, a jornalista Gláucia Lima retorna para a casa que começou.

E já tem dia e horário: 05 de março, seu aniversário.

O programa será das 11h até às 12h30, de segunda a sexta, na Rádio Seridó, um importante braço do Sistema Tropical de Comunicação no RN, que atualmente é gerenciada pelo radialista Suebster Neri.

Gláucia se afastou das ondas do rádio para se dedicar totalmente ao tratamento de uma câncer de mama.

Ao seu lado, no time da 100,7: Suebster Neri, Gilberto Fernandes, Dalvanira Lopes, Juca Bala, Luciélio Henrique, Ronaldo Adriano, Lucineide Medeiros e Ronysson Nery, que inclusive, está assinando a produção de vinhetas do programa, e, junto a ele, escolheu Paulo Carvalho, uma das vozes padrões da comunicação mundial.

“Pra vocês terem uma melhor noção, ele é a voz de canais como Discovery Chanel e Rede Globo. A agência Ícone está cuidando de toda a identidade visual e, nos próximos dias, divulgarei não só o nome, como também o logo do programa e quem estará comigo”, disse Gláucia.

“Obrigada pela torcida!
Obrigada pelas orações!
Obrigada pela força!”, disse a jornalista.

O blog deseja sucesso!

Economia

Fecomércio RN lamenta decreto do Governo do RN que recomenda fechar bares e restaurantes após 22h

NOTA OFICIAL

A Fecomércio RN vem a público lamentar e externar sua discordância com o decreto estadual 30.379, de 20 de fevereiro de 2021 que, entre outras disposições, recomenda aos municípios potiguares que limitem às 22h o horário diário de atendimento ao público nos bares e restaurantes em todo o RN.

Nos causa perplexidade e grande preocupação o fato de que este segmento produtivo, responsável pela geração de mais de 25 mil empregos diretos e pelo pagamento de algo em torno de R$ 29 milhões por mês em salários, seja injustamente e severamente punido, tendo como justificativa a piora de um quadro biossanitário.

Podemos garantir que a imensa maioria dos estabelecimentos desses setores cumpre rigorosamente as regras de biossegurança e de distanciamento social, ao tempo em que defendemos que, aqueles que não o façam, sejam punidos com todos os rigores da Lei.

O referido Decreto prejudica o setor no qual, um em cada três estabelecimentos fechados durante a fase aguda de restrições ao comércio, não mais reabriram suas portas e onde aqueles que conseguiram reabrir só conseguem, hoje, faturar em média 40% do que obtinham antes.

Voltar a limitar o seu funcionamento será potencialmente fatal a centenas de empreendimentos e dezenas de milhares de trabalhadores e suas famílias.

Nossas esperanças e expectativas são de que as Prefeituras das cidades potiguares não se somem a esta decisão, preservando o direito da luta pela sobrevivência dessas empresas.

Por fim, permanecemos, como sempre, à disposição para debater o assunto de maneira mais aprofundada, tentando, juntos, encontrar a melhor forma de controlar o avanço da pandemia, sem seguir matando, de maneira indiscriminada e injusta, as empresas que geram ocupação e renda para o nosso povo.

Economia

Abrasel emite carta sobre recomendação do Governo do RN para fechar bares e restaurantes após 22h

Carta Aberta da Abrasel

Considerações sobre o documento divulgado hoje pelo Comitê Científico de Combate a Pandemia de COVID 19 no estado do Rio Grande do Norte.

A Abrasel, Associação Brasileira de Bares e Restaurantes, que tem como missão representar e desenvolver o setor de Alimentação Fora do Lar no País, vem a público apresentar sua opinião após a divulgação de documento que sugere restrições ao setor.

Desde sempre demonstramos ampla colaboração e apoio ao combate à pandemia de Covid 19 e, como é público e notório, nosso setor esteve permanentemente junto aos movimentos que visaram reduzir riscos à saúde de nossa população.
Já no início da propagação da doença elaboramos os protocolos de funcionamento das empresas, garantindo segurança a colaboradores e clientes. Outrossim, atuamos fortemente na orientação e permanente cobrança não só a associados, mas publicamente a todos os Bares e Restaurantes, para que atuassem dentro das mais rígidas normas de segurança.

Daí ter causado grande estranheza o trecho do documento divulgado assinalando que _“considerando que interações em bares e restaurantes não conseguem cumprir com as medidas do protocolo de biossegurança e distanciamento social”_. *Por que imputar a nós o que não é realidade?Sabemos que há exceções, mas desde o inicio estivemos ao lado dos que cumprem as determinações, aplaudindo as ações fiscalizatórias e inibidoras contra os que se negavam a respeitar a regra.
Qual a base factual para fazer tal afirmação?
Apresentando inúmeras informações e dados técnicos sobre os fatores de risco, o documento abdica dessa essência ao se referir a Bares e Restaurantes.

Não nos confundam!
Há, em todas as cidades, situações inimagináveis de risco que não vemos ser alvo de ação alguma.
No Brasil inteiro não existe nenhum relato de surtos da doença dentro de estabelecimentos de Alimentação Fora do Lar, fato largamente difundido nos últimos meses e confirmado em pesquisa recente no nosso vizinho Ceará.

Nem de longe estamos entre locais inseguros. Nossos colaboradores e clientes demonstram exatamente o contrário.

Se há problemas pontuais, fomos e seguimos sendo os primeiros a cobrar e apoiar ações que os coibam.

Representamos, somente em Natal, mais de duas mil empresas. As denúncias de descumprimento, segundo os órgãos responsáveis, chegam tão somente a 2% deste total, com meros 0,8% de interdição.

Isso é mais um importante dado para demonstrar que a maioria do setor, apesar de toda a dificuldade, de todo o endividamento, estar cumprindo as regras que acompanham o enfrentamento à pandemia.

Não podemos ser responsabilizados por erros e desrespeito de uma insignificante minoria.

A Abrasel, repetimos, está e estará sempre à disposição para contribuir com a saúde de nossa sociedade.
Para isso, reiteramos que buscamos o diálogo antes de qualquer decisão que nos envolva.

É assim que funciona o estado democrático de direito, ouvindo a todos os envolvidos no problema.
Diálogo antes e ação coordenada depois.

Juntos certamente encontraremos o melhor caminho.

Política

Participação Política Feminina nas Câmaras é tema do Café com Mulheres do TRE-RN

A Comissão de Participação Feminina do Tribunal Regional Eleitoral do Rio Grande do Norte (TRE-RN) vai realizar a 2ª edição do Café com Mulheres, evento online cujo tema será “Participação Política Feminina nas Câmaras Municipais”. A Live será no próximo dia 2 de março, a partir das 17h, no canal oficial do TRE-RN no YouTube (https://www.youtube.com/user/justicaeleitoralrn) e terá como debatedoras a juíza eleitoral da Corte do TRE-RN, Adriana Magalhães, e a vereadora Divaneide Basílio, que foi a mulher eleita com o mais expressivo número de votos nas Eleições de 2020 no Estado. O debate será mediado pela Assessora de Comunicação do TRE-RN, Juliska Azevedo.

Acompanhar a participação política das mulheres potiguares vem merecendo horas de trabalho dedicado da juíza Adriana Magalhães já há alguns anos. Ela é a autora da pesquisa “As mulheres nos espaços de poder no Rio Grande do Norte”, que irá gerar um livro sobre o assunto. O trabalho já reúne mais de 400 páginas sobre todas as mulheres que ocuparam espaços no legislativo, no executivo e no judiciário estadual e municipal no RN.

Já a vereadora Divaneide Basílio irá analisar a presença feminina na política com a credencial de ter sido a candidata mais votada do estado no pleito do ano passado, quando foram eleitas 37 prefeitas, 39 vice-prefeitas e 351 vereadoras em todos os municípios do Estado.

Para a mediadora, Juliska Azevedo, que é também presidente da Comissão de Participação Feminina do TRE-RN, será uma rica oportunidade de se falar da importância da presença da mulher no universo político do Estado ao longo dos últimos anos, bem como dos desafios e oportunidades para a ampliação dessa participação ativa.

Política

Emendas parlamentares poderão ser destinadas para compra de vacinas

A Comissão Mista de Orçamento (CMO) anunciou nesta sexta-feira, 19, a permissão para que deputados e senadores destinem emendas parlamentares para o enfrentamento da pandemia de Covid-19, inclusive na compra de vacinas e insumos. A sugestão foi apresentada pelo deputado federal Rafael Motta (PSB/RN) à presidente da comissão, deputada Flávia Arruda, ao relator senador Márcio Bittar e ao Ministério da Economia.

De acordo com a decisão da CMO, os recursos para o enfrentamento da pandemia serão incluídos como Ação e Serviço Público de Saúde (ASPS), possibilitando que parlamentares apliquem até 50% do valor total das emendas individuais.

“Hoje, a prioridade do Brasil é a vacinação da população. Sabemos que é o único caminho para a normalidade. Trabalhamos muito para que todos os senadores e deputados pudessem contribuir para esse objetivo e venceremos juntos esse desafio enorme de imunizar todos os brasileiros o mais rapidamente possível”, comemorou o deputado Rafael Motta.

Cidades

Prefeito Paulinho pede apoio dos deputados e senadores para construção de uma nova ponte ligando Natal a São Gonçalo do Amarante

Durante reunião com a Bancada Parlamentar Federal do Rio Grande do Norte, que aconteceu nesta sexta-feira (19), no Centro de Convenções de Natal, o prefeito de São Gonçalo do Amarante/RN, Paulo Emídio, o Paulinho, solicitou emenda coletiva ao Orçamento Geral da União para construção de uma ponte sobre o Rio Jundiaí, ligando Natal, pelo Guarapes, a São Gonçalo do Amarante e toda Região Metropolitana.

Na ocasião, o gestor também apresentou o projeto de engenharia já com orçamentos elaborados. “A obra proporcionará uma ligação mais curta e mais rápida entre a capital do nosso Estado e o aeroporto internacional, tendo em vista que a partir do Monumento aos Mártires todos os trechos até o equipamento aeroportuário já são asfaltados, o que tornará o percurso bem mais rápido do que é hoje”, defendeu Paulinho.

Ainda de acordo com o prefeito, o projeto faz parte de um novo corredor viário expresso entre Natal e o Aeroporto Internacional Governador Aluízio Alves, que foi elaborado pela empresa ATP para o Governo do Estado e Projeto Governo Cidadão do Banco Mundial. “O projeto total está avaliado em torno de R$ 600 milhões, o que não é viável neste momento de crise. Mas a ponte tem valor bem menor e viável, de R$ 40 milhões, e vai desafogar o trânsito de toda Região da Grande Natal”, disse.

Para a viabilização, Paulinho solicitou união e apoio dos governos Federal, Estadual, municipais da Região Metropolitana, e todos os parlamentares. Estavam presentes a governadora Fátima Bezerra, prefeito de Natal, Álvaro Dias, e os deputados federais e senadores pelo Rio Grande do Norte.

Política

Por maioria, Câmara decide manter prisão do deputado Daniel Silveira

A Câmara dos Deputados decidiu manter a prisão em flagrante e sem fiança do deputado Daniel Silveira (PSL-RJ), detido desde terça-feira (16) no âmbito de inquérito do Supremo Tribunal Federal (STF) que investiga notícias falsas (fake news), calúnias, ameaças e infrações contra o tribunal e seus membros. A decisão foi transformada em resolução promulgada na própria sessão.

Foram 364 votos a favor do parecer da relatora pela Comissão de Constituição e Justiça, deputada Magda Mofatto (PL-GO), que recomendou a manutenção da prisão considerando “gravíssimas” as acusações imputadas ao parlamentar. Foram 130 votos contra e 3 abstenções.

Estado

Governo do RN recomenda que municípios determinem fechamento de bares e restaurante às 22h para conter Covid-19

O Governo do RN vai editar um novo decreto recomendando a ampliação de medidas restritivas para conter o avanço da pandemia do novo coronavírus e evitar o colapso na rede de saúde.

As medidas, sugeridas pelo Comitê Científico, foram discutidas na tarde desta sexta-feira (19) pela governadora Fátima Bezerra com prefeitos da Região Metropolitana de Natal e das cidades-polo regionais, com a presença de representantes dos ministérios públicos Estadual, Federal e do Trabalho e, logo depois, com representantes dos demais poderes.

O decreto recomenda aos municípios, pelo período de 14 dias, a contar da publicação no Diário Oficial a suspensão das seguintes atividades: I – funcionamento de bares, restaurantes e similares após as 22h para atendimento ao público e até as 23h apenas para fins de encerramento de suas atividades operacionais; II – realização de quaisquer festas ou eventos promovidos ou patrocinados por entes públicos ou iniciativa privada; III – comercialização de bebidas alcoólicas, bem como seu consumo, em ambientes públicos, após as 22 horas.

Além disso, recomenda o estabelecimento de barreiras sanitárias e a intensificação do monitoramento e rastreio da implementação das medidas sanitárias nos municípios sabidamente turísticos do Rio Grande do Norte.

Natal

Vacinação dos idosos de 90 e mais residentes de Natal inicia segunda-feira (23)

Após encerramento da vacinação dos profissionais de saúde do município, a Secretaria Municipal de Saúde de Natal inicia na próxima segunda-feira, dia 22, mais uma etapa de vacinação, dessa vez os idosos de 90 anos ou mais residentes na capital serão o público alvo. Para se vacinar o idoso deve apresentar cartão de vacina, comprovante de residência e documento original com foto.

A Prefeitura do Natal vai disponibilizar três drives-thrus de vacinação no Palácio dos Esportes, Via Direta e Nélio Dias, os dois últimos contam ainda com sala de vacinação para pedestre funcionando das 8h às 16h, de segunda a quinta e na sexta até 13h.

Além dos drives, cinco salas de vacinação irão funcionar nas Unidades Básicas de Saúde UBS São João, UBS Nazaré, UBS Pajuçara, UBS Candelária e USF Nova Natal com funcionamento das 8h às 12h30 e das 13h30 às 16h.

“Vamos iniciar essa fase conforme durar o estoque vacinal do município, até o recebimento de um novo lote. Pedimos que as pessoas levem documento com foto, comprovante de residência e cartão de vacinação para agilizar a triagem. É importante destacar que todos serão vacinados de acordo com a chegada de novas doses”, comenta George Antunes, Secretário Municipal de Saúde de Natal.

O prefeito Álvaro Dias ressalta a organização feita pela Prefeitura para atender aos grupos prioritários de forma segura e confortável. “Vamos ter mais vacinas esta semana para ampliar as pessoas que fazem parte dos grupos prioritários”.

O município de Natal já aplicou desde do início da Campanha de Vacinação, em 20 de janeiro, 37 mil doses da vacina contra a Covid-19. Para a Coronavac, o intervalo de recebimento da segunda dose da vacina é de duas a quatro semanas após a aplicação da primeira dose. Para a vacina desenvolvida pela Universidade de Oxford, o intervalo para a vacinação é de 12 semanas a partir da primeira aplicação. O calendário adotado pela SMS Natal segue dentro do Plano Nacional de Imunização do Ministério da Saúde, com definição dos grupos prioritários de cada categoria conforme chegada dos novos lotes na capital.

Vacinação contra a Covid-19
Segunda a quinta-feira das 08h às 16h e sexta-feira das 08h às 12h

DRIVES
Shopping Via Direta, Av. Sen. Salgado Filho, 2233 – Lagoa Nova
Ginásio Nélio Dias, Av. Guararapes, s/n – Lagoa Azul
Palácio dos Esporte, Rua Trairí, 516 – Petrópolis

UNIDADES BÁSICAS DE SAÚDE
UBS São João, Rua Romualdo Galvão, Nº 891, Tirol.
USF Nazaré, Rua Rubens Mariz, N° 447, Nsa. Sra. de Nazaré
UBS Candelária, Rua Nossa Senhora da Candelária, N° 3402, Candelária
UBS Pajuçara, Rua Maracai, S/N, Conjunto PajuçaraUSF Nova Natal, Rua do Pastoril, S/N, Nova Natal
USF Vale Dourado, Rua Irmã Vitória, Nº 2, Igapó.

Política

Agripino vai à Brasília para reunião da cúpula nacional do DEM

Presidente Estadual do DEM no RN, José Agripino Maia viaja à Brasília na terça-feira (23).

No dia seguinte vai participar de reunião da cúpula nacional do DEM: ACM Neto, ex-ministros Mandetta e Mendonça Filho, além deputado federal Pauderney Avelino (AM) e de Carlos Melles.

Discussões, diretrizes e decisões partidárias nacionais a serem tomadas.

Natal

Prefeito de Natal solicita da bancada federal do RN emenda para construção do Hospital Municipal; Veja foto do projeto

O prefeito de Natal, Álvaro Dias, apresentou nesta sexta-feira (19) à bancada federal do Rio Grande do Norte o pedido para que os recursos de uma das emendas coletivas impositivas às quais os nossos deputados federais e senadores têm direito sejam destinados para a construção do novo Hospital Municipal.

O pleito da gestão municipal gira em torno de R$ 25 milhões.

O projeto para a construção do Hospital elaborado pela Prefeitura está orçado em R$ 100 milhões e esses recursos provenientes da emenda coletiva da bancada do RN serão utilizados para iniciar o projeto. Álvaro Dias informou que vai buscar o complemento dos investimentos para executar a obra no Ministério da Saúde, bem como vai indicar recursos próprios do Município.

O Hospital Municipal de Natal deverá ser construído em um terreno próprio, com 17.976,92 m2, situado em quadra definida pela Av. Omar O’Grady, Av. dos Xavantes e Rua Lago da Pedra, bairro Pitimbu.

Política

Reunião discute prioridades das emendas para o RN

A bancada federal do RN se reuniu na manhã desta sexta-feira (19), com a governadora Fátima Bezerra, prefeitos e entidades para discutir as emendas do Orçamento Geral da União para o RN.

Os parlamentares ouviram as reivindicações e nos próximos dias vão se reunir para discutirem as prioridades.

Cidades

Idoso de 112 anos é vacinado em São Gonçalo e diz: “vacina é um bem da vida”

Morador de Barreiros, em São Gonçalo do Amarante/RN, Francisco Xavier do Nascimento, de 112 anos de idade, recebeu a primeira dose da vacina contra a covid-19 na quarta-feira (17). O município deu início à imunização em idosos com 90 anos ou mais, e a aplicação está acontecendo na casa do usuário por equipes da Secretaria Municipal de Saúde.

Falante e feliz, seu Francisco disse que nunca deixou de tomar uma vacina. “Vacina é natural, é uma coisa importante. Pra mim é um bem da vida. Uma coisa boa que não tenho preconceito”, disse deixando um recado: “Quando o doutor vier, se vacine. É uma coisa importante. Não faz medo, não é uma coisa do outro mundo”, pontuou.

Foto: Júnior Santos

Diversos

Morre de complicações da Covid-19 o empresário Durval da Maré Mansa

Faleceu na manhã desta sexta-feira (19), no Hospital São Lucas, em Natal, o empresário Durval José Dantas, que em 1971 fundou as lojas Maré Mansa.

De vendedor ambulante a fundador de uma das maiores redes de varejo do Rio Grande do Norte, Durval nasceu em Carnaúba dos Dantas-RN, no seio de uma família humilde de agricultores.

Venceu na vida e seu grupo empresarial atua fortemente no segmento de móveis, eletros, colchões, moda e sapataria em suas 40 filiais espalhadas por todo estado.

Foi um gerador de emprego e renda do nosso Estado.

Estado

Ocupação de leitos de UTI no RN chega a 81,7%; Reunião está agendada entre Governadora, prefeitos da Região Metropolitana e Ministério Público

Os números mais recentes no Rio Grande do Norte, mostram uma taxa de ocupação de UTI Geral de 81,7%. O recomendável é que essa taxa de ocupação seja de, no máximo, 80% para o manejo adequado desses leitos.

A situação mais grave é na Região Metropolitana, com 87,5% de ocupação dos leitos críticos. Dez unidades no estado, entre elas o Hospital de Campanha de Natal, o Giselda Trigueiro e o Onofre Lopes, não têm mais vagas. No Hospital João Machado, a taxa de ocupação é de 96%. São 29 leitos, mas apenas 1 estava vago até a noite dessa quinta-feira (18).

Na região do Oeste potiguar, a taxa de ocupação está em 71,6% e no Seridó chega a 82,9%.

Em virtude desses números, uma reunião vai ocorrer na tarde desta sexta-feira (19), entre a governadora Fátima Bezerra, prefeitos da Região Metropolitana, Ministério Público Federal e Ministério Público Estadual. O objetivo e discutir e reforçar as ações do Pacto pela Vida, devido ao aumento de casos da Covid-19 e a sobrecarga nos hospitais da capital e das cidades circunvizinhas.

Natal

Para conter Covid-19, Prefeitura de Natal ampliará atendimento à população e rigor na fiscalização, sem fechar escolas e comércio

O prefeito Álvaro Dias se reuniu na noite desta quinta-feira (18) com o Comitê Científico de Enfrentamento à Covid-19 do Município para discutir a adoção de medidas relacionadas à doença, após o aumento dos casos constatados nos últimos dias na capital potiguar. Dentre as ações estabelecidas, estão a instalação de 10 novos leitos de UTI no Hospital de Campanha e a ampliação dos atendimentos à população na rede básica de Saúde.

O prefeito também determinou a abertura dos Centros de Atendimento contra a Covid-19 nos finais de semana, além da retomada do horário estendido de funcionamento em mais cinco Unidades Básicas de Saúde, do reforço na quimioprofilaxia com atualização dos protocolos médicos. Com os 10 novos leitos que entrarão em operação nesta sexta-feira, o Hospital de Campanha vai passar a dispor de 30 vagas de alta complexidade para atender aos pacientes mais graves.

Ainda na reunião do Comitê Científico do Município, ficou definido que haverá mais rigor nas fiscalizações em bares, restaurantes e estabelecimentos do gênero. No momento, a Prefeitura não cogita adotar outras medidas restritivas, como fechamento de escolas e instituições de ensino ou de unidades comerciais.

“Vamos ser intransigentes contra quem não estiver cumprindo os protocolos exigidos e estabelecidos pelos decretos municipais. A população precisa entender o momento e respeitar as normas sanitárias”, destacou o prefeito de Natal, Álvaro Dias.

A Prefeitura vai executar ainda uma campanha educativa nos meios de comunicação e mídias sociais para alertar sobre a necessidade da população contribuir com os protocolos sanitários existentes, seguir fazendo o uso de máscara e álcool, bem como evitar aglomerações e só sair de casa em caso de extrema necessidade ou para compromissos essenciais.

Outro ponto fundamental destacado pelos membros do comitê está relacionado à reabertura de leitos de UTI por parte do Governo do Estado. Após a primeira onda da doença, o Poder Executivo Estadual fechou 80 leitos de alta complexidade e está demorando para reativá-los, sobretudo os que existiam na região metropolitana.

Essa desarticulação da estrutura nos outros municípios está causando uma sobrecarga na rede pública de saúde da capital potiguar. De acordo com informações da Secretaria Municipal de Saúde, mais de 4.000 pacientes que não são de Natal foram atendidos nas unidades da Prefeitura.

Poder

OAB/RN entregará Medalha Amaro Cavalcanti a José Aranha Sobrinho

O Conselho Seccional do Rio Grande do Norte da Ordem dos Advogados do Brasil aprovou, em sessão ordinária realizada nessa quinta-feira (18), a outorga da Medalha Amaro Cavalcanti, a maior honraria da advocacia potiguar, ao professor, advogado e juiz aposentado José Aranha Sobrinho.

A medalha somente é entregue para um único homenageado a cada 03 anos, sempre no último ano de cada gestão.

Autor da proposta, o Conselheiro Estadual Síldilon Maia Thomaz do Nascimento ressaltou a importância do homenageado para a advocacia potiguar: “o professor José Aranha Sobrinho foi o grande responsável pela criação e consolidação do curso de Direito da UFRN de Caicó, fazendo esforços heróicos para garantir a sua instalação e consolidação. Manteve-se firme mesmo quando contávamos com um quadro de apenas 3 professores efetivos, lutando também para a implantação da prática jurídica e pela biblioteca, tendo o curso chegado a ocupar a segunda colocação nacional dentre os cursos que mais aprovaram no Exame de Ordem”.

O presidente da OAB/RN, Aldo Medeiros, destacou a alegria pela indicação do professor José Aranha, ressaltando que o conhece há cerca de duas décadas e que sempre testemunhou a sua luta pela coletividade e pelo bem da advocacia.