Baixo volume de água no Rio Piranhas compromete abastecimento de Caicó

Desde a semana passada, a cidade de Caicó sofre com o racionamento de água, em virtude do baixo volume do Rio Piranhas, de onde vem o abastecimento através da Adutora Manoel Torres.

A oferta de água para Caicó, que era em torno de 520 mil litros de água por hora, foi reduzida para 420 mil litros por hora.

A Caern solicitou à Agência Nacional de Águas (ANA), através do Instituto de Gestão de Águas do Rio Grande do Norte (IGARN), o aumento da vazão no açude Curema, no município de Coremas, Estado da Paraíba, para liberar água a fim de aumentar o volume do rio Piranhas e voltar a distribuir aproximadamente 690 mil litros na captação.

Detalhe: É urgente a construção da nova adutora da cidade de Caicó, que segundo o Governo do Estado, teve recursos garantidos na ordem de R$ 44 milhões, pelo Ministério da Integração.