Câmara de Natal aprova projeto dos bombeiros e reajuste dos servidores da saúde‏

Dois dos mais aguardados projetos de lei dos últimos tempos foram votados, nessa quarta-feira (04), no Palácio Padre Miguelinho. Após um longo tempo de espera, a proposição do vereador Marcos Antônio (PSOL) que ‘dispõe sobre a regulamentação da atividade de bombeiros civis e guarda-vidas e fixa as exigências mínimas de segurança para estabelecimentos ou eventos de grande concentração pública no município do Natal’ foi aprovada por unanimidade no plenário da Câmara Municipal. Além dele, outro projeto de grande repercussão aprovado na mesma sessão ordinária – por um placar de 23 a 02, sem abstenções – foi o de número 06/2014, de autoria do executivo, que fixava o reajuste dos servidores da saúde municipal, paralisados há 42 dias, em 5,68%.

Sobre a proposição do parlamentar do PSOL, o teor das declarações foi de alívio, por ter sido finalizada uma pauta que aguardava há meses por resolução. Segundo o idealizador do projeto, “essa vitória é da categoria e dessa cidade, que poderão contar com uma atividade de extrema importância na realização de quaisquer eventos públicos, o que garante a segurança irrestrita da população potiguar”, sinalizou Marcos Antônio.

Os vereadores Jacó Jácome (PMN) e Rafael Motta (PROS) alinharam o discurso com o colega, exaltando os ganhos do processo democrático através do debate construtivo. “Discutimos ideias, proposições, tudo sem ataques pessoais. Sai ganhando a democracia”, ponderou Jácome, ao que completou Motta: “É muito gratificante observar uma categoria vencer uma luta tão difícil, depois de todo esse esforço. Parabenizo os bombeiros civis pela conquista”.

z