O Capitão Styvenson (REDE) tem afirmado, em entrevistas concedidas à imprensa, que fará uma campanha modesta e sem uso de dinheiro público. Sobre a busca por votos, que se inicia oficialmente na próxima semana, o candidato ao Senado Federal diz que optou por renunciar aos recursos dos fundos partidário e eleitoral, razão pela qual abordará o eleitorado de maneira simples e com base no convencimento.

“A sociedade não aceita que dinheiro público seja gasto financiando campanhas grandiosas, enquanto que áreas básicas estão sem o mínimo de estrutura, como a Segurança Pública e a Educação. Além disso, assinei um termo com a REDE na qual é respeitada a minha independência para tomar posicionamentos. Não posso ser independente tendo o partido como patrocinador”, explica ele.

Em respostas sobre como será custeada a campanha, o candidato afirmou que “os custos serão arcados por ele mesmo e por meio da doação de pessoas físicas que acreditam no projeto. Tudo conforme previsto na legislação eleitoral e com ampla transparência”, enfatiza o Capitão Styvenson.