O deputado estadual Carlos Augusto Maia (PSD) deu um grito de independência nesta quinta-feira (11), ao votar contrário à convocação extraordinária do Governo do Estado para a votação do ajuste fiscal.

Além de Carlos Augusto, os deputados Mineiro (PT), Márcia Maia (PSDB) e Larissa Rosado (PSB) também foram contrários à convocação.

A aprovação se deu com 13 votos favoráveis.