Natal

Natal vacina adolescentes de 13 anos e mais a partir desta sexta-feira (24)

A partir desta sexta-feira (24), a Prefeitura do Natal vacinará os adolescentes com idade a partir de 13 anos, residentes na cidade. As pessoas dessa faixa etária podem procurar um dos pontos de vacinação para receber a primeira dose do imunizante contra Covid-19, mas devem ir acompanhadas dos pais ou representantes legais, sendo ainda necessário o cadastro prévio no RN+Vacina, através do registro de seus responsáveis na plataforma, e levar comprovante de residência de Natal, documento com foto e cartão de vacina.

A SMS Natal destaca que todos os grupos anteriormente divulgados e que ainda não foram se vacinar podem se dirigir a um dos drives de vacinação para serem atendidos. A lista com as Unidades Básicas e os pontos de drives, grupos em vacinação pode ser acessada através do https://vacina.natal.rn.gov.br/ .

SEGUNDA DOSE

CORONAVAC

As pessoas que completaram os 28 dias da primeira dose do imunizante Coronavac podem procurar as UBS do município ou qualquer drive-thru.

OXFORD

UBS do município e todos os drives estarão com aplicação da D2 da Oxford para quem se vacinou até o dia 17 de julho.

Grávidas que tomaram a D1 de Oxford

As gestantes que tomaram a primeira dose com o imunizante Oxford e que, por recomendação do Ministério da Saúde, não tomaram a segunda dose poderão completar seu esquema vacinal com o imunizante da Pfizer e em todas as UBS do município ou qualquer ponto de aplicação.

PFIZER

A segunda dose da Pfizer está disponível nas UBS do município ou nos drives Nélio Dias, Palácio dos Esportes, Via Direta e SESI para quem tomou a primeira dose até 06 de agosto.

TERCEIRA DOSE

Pessoas com 90 anos e mais que tenham completado o esquema vacinal, com duas doses, de qualquer imunizante (Coronavac, Oxford ou Pfizer) há pelo menos seis meses, estão aptas a receber a D3. Para isso, as pessoas devem levar o cartão de vacinação, documento com foto e comprovante de residência de Natal em qualquer ponto de aplicação da cidade.

Natal

Prefeitura promove Ciclo Natal Inclusivo

A edição de setembro do Ciclo Natal, promovido pela Prefeitura do Natal, acontecerá no próximo domingo, dia 26. A ação deste mês faz alusão ao Dia Nacional de Luta das Pessoas com Deficiência, comemorado no dia 21, e também marca o encerramento da Semana Nacional do Trânsito. 

A concentração do passeio ciclístico será a partir das 15h no quebra-mar da praia da Redinha. O trajeto de mais de 8 km percorrerá pontos da Zona Norte de Natal, como a Igreja de Nossa Senhora dos Navegantes, o Mercado Público da Redinha, a Av. João Medeiros Filho, o Caju da Redinha, entre outros locais. É necessário o uso de máscara durante a ação. 

O Ciclo Natal Inclusivo será realizado pela Prefeitura do Natal através das Secretarias Municipais de Esporte e Lazer (SEL) e de Mobilidade Urbana (STTU) e com o apoio do Detran-RN, Cetran-RN, CODERN, PRF, CPRE-RN, Acirn e Bike Aventura. Mais informações no telefone (84) 3663-6733. 

Temática

O Dia Nacional de Luta das Pessoas com Deficiência busca conscientizar a sociedade acerca dos desafios para se construir um país mais inclusivo e cidades mais acessíveis. A Semana Nacional do Trânsito é realizada também no mês de setembro e busca informar sobre os cuidados que os motoristas, pedestres e ciclistas devem ter no trânsito.

Natal

Revogada portaria que autorizava o estacionamento ao lado de praças, jardins e canteiros centrais

A Secretaria Municipal de Mobilidade Urbana revoga a portaria de número 020/2020 – STTU/GS, de 19 de março de 2020, que autorizava o estacionamento ao lado do canteiro central, praça e jardim público, como forma de facilitar o acesso às unidades de saúde durante a pandemia de Covid-19. A publicação saiu no Diário Oficial do Município desta quarta-feira (22).

De acordo com a STTU, a decisão levou em conta critérios como a atual cobertura vacinal Covid-19, a significativa redução no atendimento de pessoas acometidas pelo vírus nos hospitais e centros de testagem.

Ainda de acordo com o órgão, os educadores e agentes de trânsito estarão nestes locais esclarecendo sobre a mudança no decreto. A partir do dia 3 de outubro, a STTU retoma a fiscalização normalmente, com a aplicação de multas, em caso de desobediência.

Natal

Natal amplia públicos em vacinação nesta quarta-feira (22); Idosos a partir de 90 anos podem receber reforço

A Prefeitura do Natal vai ampliar os públicos aptos a receber a segunda dose dos imunobiológicos de Oxford e Pfizer nesta quarta-feira (22). Aqueles que receberam a primeira dose do imunizante de Oxford até 17 de julho, além de quem recebeu a D1 de Pfizer até 06 de agosto, vão poder buscar qualquer ponto de vacinação da Secretaria Municipal de Saúde (SMS/Natal) para concluir o esquema vacinal com a segunda dose.

Os adolescentes sem comorbidades de 15 anos e mais vão poder iniciar o esquema vacinal, também nesta quarta (22), em qualquer ponto de imunização, acompanhados dos pais ou representantes legais. Esse público deve realizar o cadastro prévio no RN+Vacina através do cadastro de seus responsáveis na plataforma.

“Lembramos que os demais públicos já contemplados anteriormente, a exemplo de pessoas com comorbidades ou deficientes com 12 anos e mais, também podem buscar um ponto vacinal para receber a primeira dose dos imunizantes com a documentação exigida”, enfatiza o secretário de Saúde de Natal, George Antunes.

Todas as informações oficiais com públicos em vacinação, documentação, dúvidas frequentes e locais de vacinação podem ser conferidas em vacina.natal.rn.gov.br

A vacina dos idosos com a D3 também vai ser ampliada a partir desta quarta (22). Poderão buscar qualquer ponto de aplicação o público idoso com 90 anos e mais, estando com o esquema vacinal completo (duas doses ou dose única) de qualquer imunobiológico, há pelo menos seis meses.

Natal

Natal tem melhor nota de gestão de contratos com o Governo Federal

O município de Natal é o primeiro colocado, entre as capitais do Brasil, no Índice de Desempenho da Gestão das Transferências Voluntárias da União. Este ranking é produzido pelo Ministério da Economia por meio da plataforma digital “Painéis Gerenciais+Brasil”. Isso significa que a cidade é referência em todo o País no desempenho quanto à qualidade das suas propostas e no processo de gestão dos instrumentos firmados com a União.

Para o cálculo do índice são considerados os seguintes indicadores: qualidade das propostas; capacidade de atendimento das condições da cláusula suspensiva; celeridade na execução do objeto; aderência ao planejamento; conformidade da prestação de contas; entrega da política pública; desempenho financeiro e desempenho do cronograma físico.

O prefeito Álvaro Dias disse que recebeu com muita satisfação o resultado e destacou a importância da equipe de servidores municipais no acompanhamento dos convênios. “Temos que ter atenção aos convênios que são importantes fontes de recursos para Natal. Por isso, a gestão gerencia com muito critério tudo, seja serviço ou obra a ser entregue à população natalense”, comentou o prefeito.

Joanna Guerra, secretária de Planejamento de Natal, afirmou que o indicador reflete uma política da atual administração de obter recursos disponíveis na esfera federal e produzir um gerenciamento eficaz durante a vigência dos convênios. “O prefeito Álvaro Dias conseguiu, com muita competência, implementar essa articulação entre as secretarias e cabe à Sempla acompanhar os projetos, reunir documentos e abastecer o sistema com os dados, ou seja, fazer a gestão desses contratos por meio desse sistema”, explica a secretária.

Segundo Joanna Guerra, Natal liderar esse índice, entre as capitais,  mostra para todos que a cidade se esmera na gestão dos recursos que recebe do Governo Federal e isso também garante à população a transparência, bem como atesta a capacidade de produzir e gerir projetos, além da implementação de políticas públicas.

Os números que colocam Natal em posição de destaque no País são referentes aos dados do mês de setembro de 2021. A ‘nota’ da cidade foi de 77,62. Esse indicador começou a ser divulgado em dezembro de 2018 e a qualidade das propostas apresentadas por cada município tem um peso alto na composição da nota final. Foram analisados 40 contratos da capital potiguar.

“Esse resultado mostra o esforço do Município em aperfeiçoar o seu sistema de planejamento e gestão. Implementamos, ano passado, o escritório de projetos do Município e fizemos uma gestão integrada com outras secretarias. Além disso, implementamos, no Portal da Transparência, a funcionalidade de registrar as emendas parlamentares recebidas e assim podemos acompanhar a aplicação dos recursos, garantindo, mais uma vez, transparência”, reforça Joanna Guerra.

O Índice de Desempenho da Gestão das Transferências Voluntárias da União (IDTRV), é um indicador de acompanhamento contínuo. O cálculo do IDTRV é baseado em um conjunto de fórmulas utilizadas para gerar a nota de cada Município. Notas melhores são importantes para que a Prefeitura tenha capacidade de investimento em infraestrutura e setores de base, como assistência social, educação e saúde.

Os indicadores usados pelo governo federal para fazer a classificação foram:

1- Qualidade das propostas
2 – Capacidade de atendimento das condições da cláusula suspensiva
3 – Celeridade na execução do objeto
4 – Aderência ao Planejamento
5 – Conformidade da prestação de contas
6 – Entrega da política pública
7 – Desempenho Financeiro
8 – Desempenho do Cronograma Físico

Gestão transparente em Natal – Foto: Alex Régis

Natal

Natal dobra o número de salas de vacinação contra Covid-19

 A partir desta terça-feira (21), a Prefeitura do Natal vai disponibilizar todas as 68 salas de vacina das Unidades Básicas de Saúde para a campanha contra Covid-19.  Os três tipos de imunizantes serão ofertados nas salas de vacinação das UBS, no horário das 8h às 15h.

Desde que começou a vacinação contra a Covid-19, a Secretaria Municipal de Saúde (SMS Natal) destinou 35 salas de vacina para esta finalidade. Agora, o número praticamente dobra e quem ganha é a população, que passa a ter mais oferta de atendimento.

Veja os grupos em vacinação nos drives ou UBS:

PRIMEIRA DOSE

15 anos e mais com comorbidade ou com deficiência permanente.

16 anos e mais sem comorbidades.

SEGUNDA DOSE

CORONAVAC

As pessoas que completaram os 28 dias da primeira dose do imunizante Coronavac podem procurar as 68 UBS ou qualquer drive-thru.

OXFORD

Para quem se vacinou até o dia 15 de julho a vacina está disponível.

Grávidas que tomaram a D1 de Oxford

As gestantes que tomaram a primeira dose com o imunizante Oxford e que, por recomendação do Ministério da Saúde, não tomaram a segunda dose poderão completar seu esquema vacinal com o imunizante da Pfizer nas 68 UBS ou qualquer drive de vacinação.

PFIZER

A vacina está liberada para quem tomou a primeira dose até 29 de julho.

TERCEIRA DOSE

Idosos com 95 anos e mais. Essa dose de reforço será aplicada nessa faixa etária independentemente do imunizante da D1, sendo necessário somente ter finalizado o esquema há seis meses. Para receber a D3, as pessoas devem levar o cartão de vacinação, documento com foto e comprovante de residência de Natal.

Natal

Refis Municipal mantém condições vantajosas para os contribuintes de Natal

O Programa Municipal de Renegociação Fiscal (Refis), da Prefeitura de Natal, segue em vigência com opções bem vantajosas para o contribuinte regularizar sua situação fiscal junto ao Tesouro Municipal. Na atual fase que entrou em vigor agora em setembro e vai até 29 de outubro, quem possui algum débito referente aos tributos municipais pode fracioná-lo em até 50 parcelas, com valor da primeira parcela não inferior a 10% do montante parcelado. Todo o processo de renegociação de dívidas pode ser efetivado pelos meios virtuais através do endereço www.natal.rn.gov.br/semut.

“Seguimos com condições muito atrativas para quem deseja ficar em dia com suas obrigações tributárias municipais. Toda a sociedade, seja o cidadão comum ou os representantes das classes produtivas, sofreu impactos com a pandemia do novo coronavírus. Ouvimos essas solicitações, entendendo esse momento difícil, e após uma longa análise lançamos o Refis. Entramos agora na segunda fase do programa e esperamos que mais pessoas possam aderir à iniciativa”, aponta o prefeito de Natal, Álvaro Dias.

O Refis Municipal teve início no último mês de julho e concluiu a sua primeira fase em agosto, alcançando números considerados satisfatórios pelo Município. De acordo com o balanço divulgado pela Secretaria Municipal de Tributação (Semut) nesta segunda-feira (20), pouco mais de R$ 103 milhões foram contabilizados no valor líquido efetivamente parcelado.  Ao todo, 6.969 acordos de parcelamento foram efetuados. Os cofres públicos municipais receberam R$ 5,9 milhões com o pagamento da entrada efetuado pelos contribuintes que formalizaram a adesão ao programa.

A Semut informou ainda que o valor total da dívida bruta negociável relativa a impostos como IPTU, ISS e taxa de lixo na primeira etapa foi de R$ 160,4 milhões. Com as condições oferecidas pelo Refis, a Prefeitura renunciou a uma receita de R$ 57 milhões. Na primeira fase, que vigorou até o dia 30 de agosto, os contribuintes que aderiram ao programa parcelaram em até 60 vezes os débitos existentes, pagando uma entrada de 5%.

Os números obtidos nessa primeira fase do programa de renegociação de dívidas foram recebidos de forma positiva pelo prefeito Álvaro Dias. “Isso é fruto de muito trabalho e empenho. A sociedade atendeu ao nosso chamamento e, com as condições facilitadas já oferecidas, os contribuintes natalenses buscaram solucionar suas pendências com o Município. O resultado mostrou que nossa proposta foi muito bem recebida pela população”, avalia Álvaro.

A fase atual valerá até o próximo dia 29 de outubro. Já na terceira e última fase, que terá início em novembro, o contribuinte que optar pelas 40 parcelas, com valor da primeira parcela não inferior a 15% do montante parcelado, terá que concretizar o acordo até o dia 31 de dezembro deste ano.

O secretário municipal de Tributação, Ludenilson Lopes, chama a atenção para o fato da população continuar dispondo de condições vantajosas para ficar em dia com as obrigações fiscais. “Todos devemos buscar a nossa regularização fiscal, pois isso é fundamental para o bom funcionamento da máquina pública, com o dinheiro pago sendo revertido na oferta de serviços públicos de qualidade”, lembra o titular da Semut.

Como aderir ao Refis

De acordo com o decreto, o pagamento da primeira parcela caracteriza a efetivação do parcelamento, bem como o reconhecimento irretratável dos créditos dele integrantes e a desistência de eventuais litígios, administrativos ou judiciais. Na hipótese de transações que importem em terminação de litígio judicial, o parcelamento pode ser realizado em até 100 meses, conforme previsto no artigo 17-B da Lei 3.882/1989 (Código Tributário Municipal), observada a parcela mínima de R$ 5 mil.

Para solicitar o parcelamento (acesso – requerimento de acesso) ou pagamento à vista (emissão de DAM), o contribuinte precisa acessar o endereço eletrônico www.natal.rn.gov.br/semut e a plataforma do Directa, da Secretaria Municipal de Tributação.  O secretário Ludenilson Lopes ressalta ainda que apesar do decreto condicionar a adesão ao Refis ao atendimento pelos canais virtuais da Semut, as pessoas que não conseguirem acessar os meios remotos podem se dirigir até a sede física da Secretaria (Rua Açu, 394 – Tirol) para serem atendidas das 08h às 14h, respeitando todos os protocolos sanitários vigentes.

Foto: Joana Lima

Natal

Vacinação dos adolescentes a partir de 16 anos sem comorbidades inicia em Natal nesta segunda-feira (20)

Natal vai iniciar nesta segunda-feira (20) a vacinação para adolescentes com idade a partir de 16 anos de idade e sem comorbidades. A Secretaria Municipal de Saúde havia decidido suspender a vacinação desse público por medida de segurança seguindo recomendação do Ministério da Saúde, mas diante de análises técnicas da Sociedade Brasileira de Imunizações (SBIm) e da Sociedade Brasileira de Pediatria (SBP) resolveu iniciar a imunização dos adolescentes com a aplicação da vacina Pfizer como já está autorizado pela Anvisa.

O novo público alcançado pela campanha vacinal contra a Covid-19 pode procurar a partir de segunda-feira um dos quatro drives (Palácio dos Esportes, Via Direta, Sesi ou Nélio Dias), das 8h às 16h, ou uma das 35 UBS, das 8h às 15h, levando comprovante de residência de Natal, documento com foto e cartão de vacina. Todos os endereços dos locais de vacinação estão disponíveis no site vacina.natal.rn.gov.br.

Para receber o imunizante, o adolescente terá que estar acompanhado de um responsável. Outro ponto importante é que os adolescentes façam o cadastro prévio no plataforma RN Mais Vacinas, sendo necessário entrar com o CPF do responsável e se cadastrar como dependente.

“Além dos adolescentes com 16 anos ou mais, estaremos vacinando todo o público anteriormente contemplado e aplicando ainda a segunda dose de acordo com o cronograma de datas divulgados”, reforça o secretário de Saúde de Natal, George Antunes.

D3 para idosos de 95 anos e mais

Outro público que pode ser vacinado é o de idosos com 95 anos e mais. Essa dose de reforço será aplicada nessa faixa etária independentemente do imunizante da D1, sendo necessário somente ter finalizado o esquema nós últimos seis meses. Para receber a D3, as pessoas devem levar o cartão de vacinação, documento com foto e comprovante de residência de Natal.

Também na segunda-feira, a SMS Natal começa a vacinar, com a dose de reforço, os idosos institucionalizados.

Segunda dose

A segunda dose dos imunizantes está disponível nos quatro drives ou nas 35 salas de vacinação.

CORONAVAC

As pessoas que completaram os 28 dias da primeira dose do imunizante Coronavac podem procurar as 35 UBS ou qualquer drive-thru.

OXFORD

Para quem se vacinou até o dia 15 de julho a vacina está disponível.

Grávidas que tomaram a D1 de Oxford

As gestantes que tomaram a primeira dose com o imunizante Oxford e que, por recomendação do Ministério da Saúde, não tomaram a segunda dose poderão completar seu esquema vacinal com o imunizante da Pfizer nas 35 UBS ou qualquer drive de vacinação.

PFIZER

A vacina está liberada para quem tomou a primeira dose até 29 de julho.

Natal

Vacina contra a Covid-19: Natal amplia 2ª dose de Oxford e Pfizer e inicia 3ª dose para idosos de 95 anos e mais

Natal amplia neste sábado as datas para as pessoas que se vacinaram com a primeira dose de Oxford até 15 de julho e para quem tomou a primeira dose de Pfizer até 29 de julho. Essas pessoas devem procurar um dos pontos de drive para completar seu esquema vacinal.

Outro público que pode ser vacinado é o de idosos com 95 anos e mais. Essa dose de reforço será aplicada nessa faixa etária independe do imunizante da D1, sendo necessário somente ter finalizado o esquema nós últimos seis meses.

Na segunda-feira, a SMS Natal começa a vacinar, com a dose de reforço, os idosos institucionalizados.

Para receber a D2 e D3 as pessoas devem levar o cartão de vacinação, documento com foto e comprovante de residência de Natal. Todas as informações sobre a vacinação de Natal estão disponibilizadas no https://vacina.natal.rn.gov.br/.

Aos domingos os drives não funcionam, na segunda além dos quatro drives, o público em vacinação pode procurar uma das 35 UBS

Natal

Plano Nacional de Expansão da Testagem para Covid-19 é lançado pelo Ministro da Saúde em Natal

Natal foi uma das cidades escolhidas para sediar o lançamento do Plano Nacional de Expansão da Testagem para Covid-19. Na manhã desta sexta-feira (17), na Praça Gentil Ferreira, no Alecrim, na solenidade que marcou a abertura do programa, mais de 100 testes de antígeno foram realizados e nenhum caso positivo foi registrado.

O evento contou com a presença do prefeito de Natal, Álvaro Dias, do ministro da Saúde, Marcelo Queiroga, do secretário municipal de Saúde, George Antunes e dos deputados federais Benes Leocádio e Carla Dickson.

De acordo com o Governo Federal, mais de 60 milhões de testes serão distribuídos para todos os Estados e o Distrito Federal.

Segundo recomendações do plano, os testes devem ser aplicados para diagnosticar pessoas com sintomas da Covid-19 e podem ser usados em locais de grande circulação e nas unidades referenciadas.

Cada Município vai organizar a sua operação de testagem. Segundo os informes do Ministério da Saúde, uma estratégia válida seria a criação de pontos de triagem, onde as pessoas em um trabalho de busca ativa serão convidadas a fazer o teste rápido de forma voluntária.

Assim, será possível identificar os casos mais rapidamente, promover o isolamento, rastreamento e testagem de contato,e também fazer a quarentena.

Álvaro Dias saudou a presença do ministro Marcelo Queiroga e agradeceu todo o apoio e os investimentos recebidos pelo Governo Federal ao longo da pandemia, destacando que essa parceria foi fundamental para a implementação das ações exitosas da gestão municipal no enfrentamento à Covid-19.

Marcelo Queiroga ficou contente com o reconhecimento, atestou e elogiou o trabalho desempenhado pela Prefeitura de Natal.

Hospital Público Municipal

Sobre a construção do Hospital Público Municipal, o ministro Marcelo Queiroga anunciou que o Governo Federal tem todo o interesse em garantir a totalidade dos recursos para viabilizar a obra, atendendo ao pleito do prefeito Álvaro Dias: “Essa é uma demanda justa e espero anunciar logo em breve que a capital potiguar terá o seu Hospital Público. O prefeito Álvaro Dias tem sido incansável nessa luta e vamos seguir, dialogando com a equipe econômica do Ministério e do Governo Federal para obtermos os recursos necessários”, finalizou.

Atualmente, R$ 26 milhões em recursos de uma emenda coletiva dos deputados federais e senadores do Rio Grande do Norte estão garantidos. O projeto para a construção do Hospital elaborado pela Prefeitura está orçado em R$ 100 milhões e esses recursos provenientes da emenda coletiva da bancada do RN serão utilizados para iniciar o projeto. Álvaro Dias informou que vai buscar o complemento dos investimentos para executar a obra no Ministério da Saúde, bem como vai indicar recursos próprios do Município.

Natal

Prefeitura de Natal retoma calendário esportivo nos bairros

Com a melhoria nas condições sanitárias relacionadas à pandemia do novo coronavírus, a Prefeitura de Natal retomou a organização dos eventos esportivos. O calendário até o final deste ano terá disputas em diversas modalidades. Uma delas, a Copa Natal de Futebol, que conta com a organização e coordenação da Secretaria Municipal de Esporte e Lazer (SEL), iniciou no final do mês de agosto e já está movimentando os campos dos centros desportivos de todas as regiões da cidade. O campeonato reúne 22 equipes e conta com a participação quase 500 atletas.

A última rodada de classificação acontece neste final de semana. A final da Copa Natal está marcada para o mês de outubro. O campeão e o vice receberão troféu, medalhas e conjuntos de ternos esportivos. Já o terceiro colocado ganhará troféu e medalha.Disputam o torneio os seguintes times que estão divididos em sete grupos: Niterói FC; Nova Natal FC; Beira Rio FC; RB Bragantino, Cidade do Sol; Juventus FC; Travessa FC; PQD FC; CD Pajuçara 1; Assoc. Esp. Milan; Timeco FC; Palmeiras FC; Praça Deodoro; ABC Planalto FC; Sel. Cidade da Esperança; Trindade FC; CDFC; Novo Horizonte FC; Bairro Nordeste FC; ADU;  APG FC e Gold Star EC.

“É uma grande satisfação para a Prefeitura poder retomar o nosso calendário de eventos esportivos que estava paralisado em virtude das medidas de restrição para evitar a proliferação do coronavírus. A Copa Natal já é uma competição tradicional e a comunidade esportiva já estava ansiosa pelo retorno dos jogos. É fundamental a promoção de uma política pública efetiva de incentivo ao esporte que gera qualidade de vida, disciplina, promove inclusão e ensina valores. Vamos intensificar os investimentos no esporte, pois sabemos dos benefícios que isso gera para toda a sociedade”, ressalta o prefeito Álvaro Dias.

Na mesma linha de retomada, as escolinhas de futebol também tiveram inicio. A ação está inserida no Programa de Esporte e Lazer na Cidade (PELC) da SEL. As atividades foram reiniciadas com os alunos nos bairros de Gramoré, Nova Natal, Dix-Sept Rosado, Nova Descoberta, Cidade da Esperança e Rocas. O projeto funciona com escolinhas de futsal e futebol de campo nas quatro regiões da cidade. São cerca de 50 alunos de 9 a 15 anos de idade em cada núcleo e as inscrições podem ser feitas nas escolinhas no horário das aulas.

A Secretaria Municipal de Esporte e Lazer planeja ainda abrir mais núcleos neste segundo semestre, na Cidade Satélite, Soledade II e Panatis. O PELC é realizado em parceria com os Centros Desportivos da cidade e colaboradores dos projetos sociais das comunidades. As aulas das escolinhas de novas modalidades como Futsal, Basquete, Judô e Ginástica Rítmica, com a inclusão de modalidades paraolímpicas, devem começar em outubro e serão realizadas na Estação Cidadania Esporte Jorge Moura localizada no conjunto Nova Natal, Zona Norte da capital.

Saindo dos campos de futebol, o incentivo à prática esportiva alcança as comunidades através do projeto de Caminhadas Orientadas, que acontecem na Av. Afonso Pena, Escadaria de Mãe Luíza e estacionamento do Ginásio Nélio Dias. Os praticantes de corrida e caminhada que utilizam os espaços destinados para a realização dos exercícios recebem orientação de profissionais de educação física da própria SEL.

“As nossas crianças e adolescentes estavam ávidas pelo retorno das escolinhas. Essas são atividades muito importantes onde aliamos esporte e educação. Foi bonito de ver no rosto de cada um a alegria com o retorno aos campos. Vamos fortalecer e ampliar esse trabalho a partir de outubro com novas modalidades, incluindo também o esporte paraolímpico”, afirma a secretária Jódia Melo, titular da SEL.

 

Natal

Natal imuniza 50% da sua população adulta

Mais de 50% da população adulta de Natal (a partir de 18 anos) apta a se vacinar já completou o esquema de imunização contra a Covid-19. A marca foi alcançada nesta quarta-feira (15). De acordo com dados da Secretaria Municipal de Saúde (SMS) e do portal RN+Vacina, até o momento, 347.095 pessoas receberam as duas doses ou a dose única dos imunizantes. Essa média alcançada pelo Município é superior à do Estado do Rio Grande do Norte, que é de 45% da população completamente imunizada, e do Brasil, que está em 35,8%.

“Atingimos hoje essa marca tão significativa e que comprova a eficiência da campanha de vacinação coordenada pela Prefeitura. Não estamos medindo esforços para proteger a nossa população, pois sabemos que só sairemos dessa crise sanitária com boa parte da população imunizada. Seguiremos assim nesse processo célere, ágil e eficiente para alcançar a meta estabelecida pelo Ministério da Saúde”, destaca o prefeito de Natal, Álvaro Dias. Nessa fase, o público-alvo da campanha é de 690.627 cidadãos, sendo que 596.973 pessoas desse universo iniciaram o esquema vacinal, totalizando 86% do total.

Até esta quarta-feira, Natal recebeu 1.091.209 de doses e aplicou 931.535 delas, englobando dose 1, dose 2 e dose única. Entre as faixas etárias, 93% da população acima de 80 anos completou o esquema vacinal. Já entre quem tem 70 e 79 anos, esse número é de 94%. Mesma porcentagem do grupo populacional que tem entre 60 e 69 anos.

Nas faixas etárias entre 59 e 50 anos e 49 e 40 anos, o público com esquema vacinal completo é o mesmo nas duas, 74%. Entre quem tem 39 e 30 anos, esse número é de 39% e na última faixa populacional da população adulta, entre 29 e 18 anos, 27% está completamente imunizada.

A Secretaria Municipal de Saúde alerta que é importante todos buscarem a imunização. Desde que iniciou a imunização contra a Covid-19, a Prefeitura de Natal mantém 35 unidades básicas da rede municipal de saúde atuando com pelo menos uma sala permanente de vacinação. Além disso, cinco pontos no sistema drive-thru estão funcionando (Nélio Dias, Via Direta, Arena das Dunas, Palácio dos Esportes e Sesi).

Toda a população adulta de Natal a partir de 18 anos está apta a se vacinar. Além desse público, a Prefeitura já iniciou a imunização de adolescentes com deficiência permanente sem comorbidades e sem BPC a partir dos 12 anos; Grávidas e puérperas a partir dos 12 anos e Lactantes a partir dos 12 anos com crianças de até 12 meses.

Todas as informações podem ser conferidas no portal: www.vacina.natal.rn.gov.br. Na página virtual, atualizada em tempo real, estão disponíveis os endereços e horários de cada uma das unidades. Também pode-se saber o tempo de espera na fila, no caso dos drivers, e todas as informações da vacinação da capital.

“Estamos em um bom ritmo, mas voltamos a solicitar que quem ainda não iniciou ou buscou completar seu esquema vacinal que o faça o quanto antes. Já temos a transmissão doméstica da variante Delta e as demais variantes seguem circulando. A diminuição do número de óbitos, novos casos e ocupação de leitos mostram a eficácia e a eficiência dos imunizantes disponíveis”, observa o titular da SMS, George Antunes.

Foto: Joana Lima

Natal

Natal inicia vacinação de adolescentes de 12 anos com deficiência permanente ou comorbidade

A Prefeitura de Natal avança nas etapas de imunização do Plano Nacional de Imunização e nesta quarta-feira (15) inicia a vacinação de adolescentes na faixa etária dos 12 anos e mais com comorbidade ou deficiência permanente. Este público poderá se dirigir a qualquer ponto de aplicação de vacina contra a Covid-19 da capital, acompanhados dos pais ou representantes legais, sendo necessário comprovar que pertencem ao grupo prioritário.

Documentação

Os adolescentes que possuem deficiência permanente devem apresentar laudo médico ou uma cópia do documento oficial de identidade com indicação de deficiência ou qualquer outro documento que indique tal condição, além do cartão de vacinação e comprovante de residência de Natal.

Para os adolescentes com comorbidade, é necessário apresentar cópia de um dos documentos como laudos com descritivo ou CID da doença ou condição de saúde; ou declarações com descritivo ou CID da doença ou condição de saúde; ou prescrições médicas (Somente as que tiverem carimbo ou cupom grampeado da farmácia da UBS ou PROSUS ou Unicat ou Hiperdia); ou relatórios médicos com descritivo ou CID da doença ou condição de saúde ou ainda cadastro no HIPERDIA, PROSUS ou Unicat.

A lista das comorbidades descritas no Plano Nacional de Operacionalização pode ser acessada no https://vacina.natal.rn.gov.br.

No site, também constam a relação com os endereços das UBS, tempo de espera na fila nos drives e todas as informações da vacinação da capital. Para agilizar o processo de imunização, é ideal que seja efetuado o cadastro no RN Mais Vacinas.

Segunda dose

A segunda dose dos imunizantes está disponível nos quatro drives ou nas 35 salas de vacinação.

CORONAVAC
As pessoas que completaram os 28 dias da primeira dose do imunizante Coronavac podem procurar as 35 UBS ou qualquer drive-thru.

OXFORD

Para quem se vacinou até o dia 08 de julho a vacina está disponível.

Grávidas que tomaram a D1 de Oxford

As gestantes que tomaram a primeira dose com o imunizante Oxford e que, por recomendação do Ministério da Saúde, não tomaram a segunda dose poderão completar seu esquema vacinal com o imunizante da Pfizer nas 35 UBS ou qualquer drive de vacinação.

PFIZER

A vacina está liberada para quem tomou a primeira dose até 08 de julho.

Natal

Natal vacina adolescentes de 15 anos com deficiência permanente ou comorbidade

A Prefeitura do Natal amplia nesta terça-feira (14) a vacinação de adolescentes na faixa etária dos 15 anos e mais com comorbidade ou deficiência permanente. Este público poderá se dirigir a qualquer ponto de aplicação de vacina contra a Covid-19 da capital, acompanhados dos pais ou representantes legais, sendo necessário comprovar que pertencem ao grupo prioritário.

Os adolescentes que possuem deficiência permanente devem apresentar laudo médico ou uma cópia do documento oficial de identidade com indicação de deficiência ou qualquer outro documento que indique tal condição, além do cartão de vacinação e comprovante de residência de Natal.

Para os adolescentes com comorbidade, é necessário apresentar cópia de um dos documentos como laudos com descritivo ou CID da doença ou condição de saúde; ou declarações com descritivo ou CID da doença ou condição de saúde; ou prescrições médicas (Somente as que tiverem carimbo ou cupom grampeado da farmácia da UBS ou PROSUS ou Unicat ou Hiperdia); ou relatórios médicos com descritivo ou CID da doença ou condição de saúde ou ainda cadastro no HIPERDIA, PROSUS ou Unicat.

“À medida que o Ministério da Saúde enviar mais doses, vamos ampliando a faixa etária dos adolescentes. Portanto, é importante que as famílias providenciem a documentação”, afirma o secretário municipal de Saúde, George Antunes.

A lista das comorbidades descritas no Plano Nacional de Operacionalização pode ser acessada no https://vacina.natal.rn.gov.br. No site, também consta a relação com os endereços das UBS, tempo de espera na fila nos drives e todas as informações da vacinação da capital. Para agilizar o processo de imunização, é ideal que seja efetuado o cadastro no RN Mais Vacinas.

SEGUNDA DOSE

A segunda dose dos imunizantes está disponível nos quatro drives ou nas 35 salas de vacinação.

CORONAVAC

As pessoas que completaram os 28 dias da primeira dose do imunizante Coronavac podem procurar as 35 UBS ou qualquer drive-thru.

OXFORD

Para quem se vacinou até o dia 08 de julho a vacina está disponível.

Grávidas que tomaram a D1 de Oxford

As gestantes que tomaram a primeira dose com o imunizante Oxford e que, por recomendação do Ministério da Saúde, não tomaram a segunda dose poderão completar seu esquema vacinal com o imunizante da Pfizer nas 35 UBS ou qualquer drive de vacinação.

PFIZER

A vacina está liberada para quem tomou a primeira dose até 08 de julho.

Natal

Natal inicia vacinação de adolescentes com comorbidades ou com deficiência permanente

A Prefeitura de Natal vai começar neste sábado (11) a vacinação de adolescentes com idade de 17 anos com comorbidade ou com deficiência permanente. Essas pessoas podem se dirigir a um dos quatro drives. Na segunda-feira (13), além dos drives, os adolescentes podem procurar também umas das 35 salas de vacinação, sendo necessário comprovar que pertencem a esses grupos. Já a vacinação dos adolescentes privados de liberdade será realizada in loco.

O quantitativo de doses recebido pela Secretaria Municipal de Saúde é considerado abaixo do necessário para ampliar a vacinação para outras faixas. Natal recebeu na manhã desta sexta-feira (10) 8.784 doses do imunizante Pfizer. Segundo a nota técnica, o Município possui 77.002 adolescentes (12 a 17 anos).

Os adolescentes deverão comparecer aos pontos de vacinação acompanhados dos pais ou responsáveis legais. “À medida que o Ministério da Saúde enviar mais doses, vamos ampliando a faixa etária dos adolescentes. Portanto, é importante que as famílias providenciem a documentação”, afirma George Antunes, Secretário de Saúde de Natal.

Documentação
Os adolescentes que possuem deficiência permanente devem apresentar laudo médico ou uma cópia do documento oficial de identidade com indicação de deficiência ou qualquer outro documento que indique tal condição, além do cartão de vacinação e comprovante de residência de Natal.

Para os adolescentes com comorbidade, é necessário apresentar cópia de um dos documentos como laudos com descritivo ou CID da doença ou condição de saúde; ou declarações com descritivo ou CID da doença ou condição de saúde; ou prescrições médicas (Somente as que tiverem carimbo ou cupom grampeado da farmácia da UBS ou PROSUS ou UNICAT ou Hiperdia); ou relatórios médicos com descritivo ou CID da doença ou condição de saúde ou ainda cadastro no HIPERDIA, PROSUS ou UNICAT.

A lista das comorbidades descritas no Plano Nacional de Operacionalização pode ser acessada no https://vacina.natal.rn.gov.br

No site, também consta a relação com os endereços das UBS, tempo de espera na fila nos drives e todas as informações da vacinação da capital.

Para agilizar o processo de imunização, é ideal que seja efetuado o cadastro no RN Mais Vacinas.

Cobertura
“Paralelamente à vacinação dos adolescentes continuamos vacinando 18 anos mais, e novamente fazemos um apelo para que esses jovens compareçam para receber sua dose contra a Covid-19. Na faixa etária de 18 a 29 anos, atingimos 77% do público. A meta do Ministério da Saúde é vacinar 85%, mas a nossa meta é vacinar 100%”, afirma George Antunes.

SEGUNDA DOSE
A segunda dose dos imunizantes está disponível nos quatro drives ou nas 35 salas de vacinação.

CORONAVAC
As pessoas que completaram os 28 dias da primeira dose do imunizante Coronavac podem procurar as 35 UBS ou qualquer drive-thru.

OXFORD
Para quem se vacinou até o dia 08.07 .

Grávidas que tomaram a D1 de Oxford

As gestantes que tomaram a primeira dose com o imunizante Oxford e que, por recomendação do Ministério da Saúde, não tomaram a segunda dose poderão completar seu esquema vacinal com o imunizante da Pfizer nas 35 UBS ou qualquer drive de vacinação.
 
PFIZER
Para quem tomou a primeira dose até 08.07.

Natal

Natal chega a 85% da população vacinada com D1 contra a Covid-19

Natal atingiu o índice de 85% da população vacinada contra a covid-19, considerando-se a primeira dose ou dose única. Os números foram tabulados pela Prefeitura com os dados da Secretaria Municipal de Saúde, divulgados até 9h30 desta quinta-feira (9).

De acordo com o Ministério da Saúde, a população “vacinável” em Natal, ou seja, a partir dos 18 anos, é de aproximadamente 690 mil pessoas (690.627). A SMS aplicou 590.062 doses dos imunizantes. Somada a primeira dose (D1) com a segunda dose (D2) e a dose única (DU), a Prefeitura de Natal já aplicou 878 mil doses.

“Dedicamos muito esforço para imunizar a população natalense. Juntamente com nossas equipes espalhadas em cinco postos de vacinação para pedestres e no sistema drive-thru, além de 35 UBS, estamos fazendo um trabalho reconhecidamente eficiente. É com a vacinação que levaremos Natal a vencer a Covid-19”, aponta o prefeito Álvaro Dias.

A capital potiguar já estava com 43% da população com o esquema completo de vacinação concluído, ou seja, com as duas doses aplicadas ou imunizada com dose única. A cidade recebeu, do Ministério da Saúde, 1.036.119 doses até esta quarta-feira (08).

Entre a quarta-feira (8) e a esta quinta (9), foram aplicadas no Município quase 12 mil doses de vacinas, entre D1, D2 e dose única. Isso equivale a um crescimento de 1,7% ao dia, na curva de vacinação. Se mantiver o ritmo, em cerca de oito dias o número de vacinados, entre a população vacinável, atingirá a marca de 100%.

Nesse caso, vale observar que o número representa a soma das vacinas e que, para garantir a imunização completa, o cidadão precisa ter recebido as duas doses do imunizante ou a dose única, além de esperar o período determinado pelo fabricante do medicamento para que o efeito seja completo.

Internações

O avanço do processo de imunização em Natal tem influenciado diretamente no números de mortes e internações em UTIs covid na capital.

Segundo dados do consórcio nacional de veículos de comunicação, nesta quarta-feira (8) não foi registrada nenhuma morte em Natal em decorrência da pandemia.

Em relação à ocupação das Unidades de Terapia Intensiva – UTIs, o LAIS – Laboratório de Inovação e Tecnologia em Saúde da UFRN aponta que, na região metropolitana do RN, a ocupação média é de 31%.

Alex Régis

Natal

Secretaria de Saúde de Natal afirma que não aplicou nenhuma dose do lote da Coronavac que Anvisa mandou suspender

Nota

A Secretaria Municipal de Saúde de Natal vem tranquilizar à população natalense em relação a solicitação da Anvisa que de forma cautelar solicitou a suspensão do uso da vacinas Coronavac que o Ministério da Saúde recebeu do Instituto Butantan que foram envasadas em uma planta não vistoriada pela Anvisa.

A SMS Natal recebeu o Lote: 202107101H com 14.024 doses destinados para segunda dose, nenhuma dessas doses foram distribuídas para população, todas encontram-se na Central de Armazenamento e distribuição de imunobiológicos do Município de Natal.

Natal

Hospital do Coração de Natal zera número de pacientes internados com Covid-19

Após 19 longos meses de pandemia, o Hospital do Coração de Natal informou, neste sábado (4), que não registra nenhum paciente positivo para COVID-19 internado.

De 26 de fevereiro de 2020 a 03 de setembro de 2021, foram notificados 22.095 casos.

“A pandemia não acabou, e ainda precisamos manter todas as precauções possíveis. Nossa estrutura de acolhimento e tratamento continuará funcionando para nossos clientes e funcionários”, explica o diretor do Hospital, Nelson Solano.

Natal

Após 23 anos, Soraya Godeiro perde o comando do Sindicato dos Servidores Municipais de Natal para Jota Neto

O guarda municipal Jota Neto foi eleito neste sábado (04) o novo presidente do Sindicato dos Servidores Municipais de Natal (SINSENAT).

O vencedor, integrante de oposição da chapa 2, quebrou a hegemonia de 23 anos da ex-presidente Soraya Godeiro, que encabeçava a chapa 1.

A votação teve iniciou na última quarta-feira e durou três dias.

Participaram do ato todos os servidores públicos do município em dia com o sindicato.