Poder

Operação Candeeiro: MPRN oferece denúncia contra 15 investigados

Documentos com a denúncia foram levados pelos promotores de Justiça de Defesa do Patrimônio Público à 6ª Vara Criminal de Natal.

O Ministério Público do Rio Grande do Norte ofereceu, na tarde desta sexta-feira (11), denúncia contra 15 investigados na operação Candeeiro, desencadeada em 2 de setembro e que descobriu esquema milionário no âmbito do Instituto de Desenvolvimento Sustentável e Meio Ambiente – IDEMA, entre os anos de 2013 e 2014.

Os documentos com a denúncia foram levados pelos promotores de Justiça de Defesa do Patrimônio Público à 6ª Vara Criminal de Natal.
Dentre os crimes denunciados estão peculato (art. 312 do Código Penal), lavagem de dinheiro (Lei n. 9.613/98) e organização criminosa (Lei n. 12.850/2013) destacando-se que, em relação a alguns investigados, foram observadas múltiplas incidências nesses tipos penais.
S

egundo apurado até o presente momento, os valores desviados dos cofres do IDEMA em favor de tais empresas – com as quais o próprio órgão atualmente não reconhece qualquer espécie de contratação – contabilizam o montante de R$ 19.321.726,13, mais da metade advindos de conta oculta, aberta em março de 2013.

Poder

Henrique participa de reunião com a cúpula do PMDB no Palácio do Jaburu

Assim que desembarcou em Brasília, vindo de Madri, onde esteve em Missão Oficial abrindo a Semana do Brasil, o Ministro Henrique Alves se dirigiu ao Palácio do Jaburu, residência oficial do vice-presidente da República, Michel Temer. 

Michel conduziu a reunião com responsabilidade e equilíbrio, onde compareceram os seis governadores, os Ministros do PMDB, os líderes da Câmara e Senado mais os presidentes das duas casas, Eduardo Cunha e Renan Calheiros, respectivamente. 

Todos sensíveis a buscar soluções necessárias e urgentes. 

Poder

Flávio Rocha, Marcelo Alecrim e Glauber Gentil serão homenageados pela Assembleia Legislativa

O Dia do Administrador será celebrado pela Assembleia Legislativa, em sessão solene amanhã (09), às 9h no Plenário da Casa. Durante a sessão, dez administradores do Rio Grande do Norte serão homenageados por terem se destacado pelo trabalho em empresas privadas e órgãos públicos.

A comemoração contará com a participação dos empresários, Flávio Rocha, proprietário das lojas Riachuelo; Glauber Gentil do grupo O Boticário; Amauri Fonseca, das lojas Toli; Marcelo Alecrim da empresa ALESAT, além de representantes da Fiern, como Roberto Serquiz; Ione Macedo da UFRN e consultores empresariais como Kelermane Martins e outros.

Para o presidente da Assembleia e autor da solenidade, deputado Ezequiel Ferreira (PMDB), a sessão é uma homenagem aos administradores que tanto contribuem para a economia do Estado. “É um reconhecimento à importância do profissional da administração tanto no setor público como no privado. Os administradores são fundamentais para o desenvolvimento de uma instituição”, destaca o parlamentar.

Poder

Julianne Governando o RN

A exoneração da adjunta da Secretaria Estadual de Educação, Socorro Batista, foi uma determinação da primeira-dama Julianne Faria. 

É o RN assistindo mais uma vez ao filme o cônjuge sendo Governador de Fato, no caso Governadora. 

Julianne conseguiu fazer com que Marquinhos Beleza saísse da Direção do DETRAN, concentrou poderes sobre o Programa do Leite, demitiu a Adjunta da Educação e vai fazer muito mais. 

  

Poder

MPRN quer reajuste salarial de 6%

Tramita pelas Comissões da Assembleia Legislativa, o Projeto de Lei encaminhado pelo Ministério Público Estadual solicitando um reajuste salarial de 6% para os servidores.

Isso significa que se aprovado o Governo do Estado terá que aumentar os repasses ao MP. 

Poder

Ministro Henrique Alves representa o Brasil em Milão

O Ministro do Turismo Henrique Alves estará cumprindo agenda oficial em Milão, comuna italiana, capital da Região da Lombárdia, a partir desta sexta-feira (04). 

Além da Semana do Brasil, o Ministro também participará da Expo Milão 2015. 

Poder

CCJ do Senado aprova indicação de Marcelo Navarro para ser Ministro do STJ

A Comissão de Constituição, Justiça e Cidadania do Senado aprovou, nesta quarta-feira (2), por unanimidade, o nome do desembargador federal Marcelo Navarro, do Tribunal Regional Federal da 5ª Região, indicado pela presidenta Dilma Rousseff para o cargo de ministro do Superior Tribunal de Justiça (STJ).

Relatora da indicação de Navarro, a senadora Fátima Bezerra (PT-RN) destacou a competência técnica, a seriedade, a honestidade e o respeito aos valores éticos que sempre pautou a a trajetória profissional do desembargador, atual presidente do Tribunal Regional Federal da 5ª Região.  “Marcelo Navarro tem uma carreira jurídica de destaque no RN e em PE. Seja como professor, seja como magistrado, ele tem uma carreira profissional reconhecida pelo notável saber jurídico e reputação ilibada”, destacou a senadora, ao defender seu parecer favorável à indicação.

Após a votação dos 26 parlamentares, a senadora Fátima encaminhou pedido de urgência para a análise do nome de Navarro pelo Plenário do Senado.

O senador José Agripino (DEM-RN) classificou o indicado como “um exímio legalista” e disse que o Rio Grande do Norte estará bem representado na corte.  “O STJ, com sua indicação, será enriquecido como um homem preparado do ponto de vista técnico e de independência pessoal. Certamente honrará nosso RN no STJ”, destacou o parlamentar durante a sessão.

Fotos: Mariana Di Pietro

02.09.15 sabatina_marcelo_navarro_corregedor_rn (3)

Marcelo Navarro durante a sabatina

02.09.15 sabatina_marcelo_navarro_corregedor_rn (10)

Fátima Bezerra, Marcelo Navarro, Robson Maia e José Agripino