EconomiaTurismo

Fecomércio informa novos voos da TAM e Azul para o RN

Em release encaminhando à imprensa, a Fecomércio RN trouxe declarações de representantes das empresas Azul e Latam, anunciando novos voos para o Rio Grande do Norte.

A governadora Fátima Bezerra reconheceu a participação fundamental da Fecomércio para a conquista.

“Esse novo decreto é fruto do debate franco, transparente e democrático com as entidades do trade turístico, com a participação fundamental da Fecomércio, com as companhias aéreas, com o setor empresarial de uma maneira geral e com representantes da Inframerica”, afirmou Fátima.

A representante da Latam, Tatiane Viana, disse que vê com bastante otimismo este Decreto, já que a publicação traz uma grande competitividade para o setor. “Independentemente disso, a partir de agosto, nós vamos iniciar uma mudança no voo Brasília-Natal, e as pessoas poderão ir e voltar no mesmo dia. E por causa do Decreto, a Latam está revendo e estudando toda a sua malha aqui no estado para fortalecimento das nossas operações”, disse Tatiane, lembrando que hoje a companhia opera 41 frequências semanais.

Já a Azul Linhas Aéreas, que mantém 4 voos regulares diários, chegando a 14 nos finais de semana por causa de voos fretados, explicou que o incentivo de redução do querosene de aviação, que já existe em outros 20 estados do país, é muito importante, já que representa mais de 40% dos custos de um voo.

“A partir de setembro colocaremos um quinto voo. Já estamos programando para colocarmos uma ligação com Campinas (SP) no fim do ano, provavelmente com o Airbus A320; e a partir de 2020 nós já estaremos em fase bem adiantada de estudos para fazer a ligação entre Natal e Belo Horizonte (MG). Quanto aos acréscimos de voos nós estamos sempre acompanhando a procura, estamos oferecendo melhores condições, e a redução do ICMS faz com que a gente abasteça mais no estado do RN, que a gente faça nossos planos e que aumente a nossa participação no mercado’, completou o representante da Azul, Ronaldo Veras.

EconomiaTurismo

ICMS do QAV: Governo do RN apresenta novas regras em busca de novos voos e de baratear passagens

A governadora Fátima Bezerra (PT) apresentou ao trade turístico do Estado, nesta segunda-feira, 24, as medidas para concessão de isenção ao consumo do querosene de aviação (QAV).

As novas regras estabelecem a redução da base de cálculo em cinco alíquotas: 12%, 9%, 5%, 3% e 0%. Em contrapartida, as companhias aéreas devem cumprir metas para assegurarem a redução. As operadoras que não cumprirem as regras terão de devolver o imposto retroativo não recolhido ao Estado.

A iniciativa busca novos voos para o Estado e baratear o preço das passagens aéreas, que, atualmente, são as mais caras do país.

Em 2017, o então governador Robinson Faria (PSD) reduziu a base de cálculo do ICMS de 18% para 12% no geral.

Não surtiu efeito.

É torcermos para que a medida adotada e anunciada pelo atual Governo surta o efeito desejado e nosso Estado volte a ter um incremento no Turismo, que é uma das suas suas principais atividades econômicas.

Presenças: Acompanharam o anúncio os senadores Jean Paul Prates e Zenaide Maia, deputados federais João Maia e Benes Leocádio, deputado estadual Souza Neto, presidente da Fecomércio, Marcelo Queiroz, representante da Fiern, Helder Maranhão, diretores das companhias aéreas Azul e Latam, representantes de agências de turismo, hotéis e restaurantes e da Inframérica, administradora do aeroporto de São Gonçalo do Amarante.

QAV

Foto: Elisa Elsie

Turismo

Preocupante: RN perde 59% de turistas estrangeiros

Um Estado de belas praias, sol e mar quase o ano todo, que tem tem o Turismo entre as suas principais atividades atividades econômicas, precisa se preocupar e agir com a informação de perda de turistas estrangeiros.

Reportagem da edição impressa da Tribuna do Norte deste domingo (23) informa dados do Anuário Estatístico do Turismo 2019, onde diz que o RN perdeu 59% de turistas estrangeiros em dez anos.

Turismo

João Maia discute voos para RN com ANAC

Presidente da Comissão de Defesa do Consumidor da Câmara dos Deputados, o deputado federal João Maia (PL) amanhece o dia se reunindo com o presidente da Agência Nacional de Aviação Civil (ANAC), José Botelho.

Foi tratar de voos para o Rio Grande do Norte, um Estado que tem o Turismo como principal atividade econômica.

Turismo

Turismo em alerta no RN

A preocupação do ex-deputado Felipe Maia precisa ser de todo o Rio Grande do Norte.

Perdermos novos voos é o turismo mais fraco.

E o turismo é uma das principais atividades de movimentação da nossa economia.

Turismo

Destino do Hotel Reis Magos nas mãos do TRF

Do Território Livre, por Laurita Arruda:

Está difícil o Hotel do Reis Magos voltar a ser cartão postal de Natal – como o da foto/ilustração.

Semana passada, sócios do grupo Hotéis Pernambuco (proprietário do imóvel há mais de 20 anos) estiveram em Natal para conferir a deterioração do prédio como noticiado pela mídia local.  Parte da estrutura derrubada depois das ações do clima e do tempo.

Apesar da boa vontade e empenho do Secretário Fernando Fernandes (Turismo) e até dos investidores, pouco se pode fazer.

O imbróglio jurídico encampado pelo Iphan e órgãos ligados à preservação ambiental conseguiu travar qualquer saída a curto prazo; nem demolição, nem preservação.

O processo corre atualmente no Tribunal Regional Federal da 5ª Região, em Recife, pendente o julgamento. Ou seja, pouco a se fazer.

O destino do Hotel dos Reis Magos passa, inexoravelmente, por Pernambuco.

PolíticaTurismo

João Maia participa de audiência pública na Câmara de Natal sobre valores das passagens aéreas

O deputado federal e presidente da Comissão de Defesa do Consumidor na Câmara dos Deputados, João Maia (PR/RN), participou na manhã desta segunda-feira (15), na Câmara Municipal de Natal, da audiência pública para debater o que leva Natal a ter passagens aéreas mais caras que nos outros estados e o que fazer para mudar essa realidade.

A audiência pública, proposta pelo presidente da Casa, vereador Paulinho Freire (PSDB), reuniu representantes do setor turístico, comércio e serviços, vereadores e deputados.

“Pra fazermos turismo precisamos da aviação e não vejo saída para o RN a não ser procurar as empresas e negociar de forma inteligente um acordo que permita que essas empresas façam de Natal um ponto com voos a preços mais convidativos”, sugeriu João Maia.

No final da audiência, o presidente Paulinho Freire afirmou que enviará os encaminhamentos para serem discutidos com representantes das empresas aéreas em Brasília e para que o Senado agilize e aprove matérias que quebrem o monopólio das companhias aéreas.

João Maia na CMN em audiência pública (2)

Turismo

Câmara discute “Por que Natal é hoje o destino mais caro do País?”

Os preços cobrados por passagens aéreas com destino ou partida de Natal serão tema de discussão nesta segunda-feira (15), na Câmara Municipal de Natal.

O objetivo do vereador Paulinho Freire, propositor da audiência pública, é reunir representantes do Poder Público; parlamentares municipais, estaduais e federais; empresários do turismo e população para discutir soluções para conseguir a redução desses preços como forma de estimular o turismo.

De acordo com Paulinho Freire, a ideia é manter um fórum de debates para discutir alternativas para a redução dos preços dessas passagens aéreas. “A discussão sobre esta temática não pode parar e por isso propomos este encontro. Somos hoje um dos destinos mais caros e isso acaba interferindo de maneira dura na nossa maior atividade econômica na região que é o turismo, impactando em mais de 50 atividades interligadas”, afirmou.

O assunto foi pauta de audiência essa semana em Brasília, proposta pelo deputado federal João Maia na Comissão que preside, a de Defesa do Consumidor.

O deputado Hermano Morais também já levou o assunto para debate na Assembleia Legislativa.

EconomiaTurismo

Cruzeiro Seabourn Quest atracou no Porto de Natal neste sábado (30)

O Porto de Natal recebeu neste sábado, 30 de março, o Cruzeiro Seabourn Quest, que geralmente passa pela capital do Rio Grande do Norte pelo menos duas vezes por temporada. A embarcação de luxo saiu da Costa Oeste Americana, passou pelo Chile, Argentina, Uruguai e vem percorrendo a costa brasileira, tendo como última parada Recife (PE) e seguindo para Santarém (PA).

Os 418 passageiros são brasileiros, americanos, canadenses, espanhóis, britânicos e australianos que chegaram às 07h e partiram somente às 17h. Quatro deles decidiram ficar em Natal para curtir a Cidade do Sol por mais alguns dias. O navio tem ainda 369 tripulantes.

Os passageiros estão distribuídos em 225 amplas suítes de luxo, das quais 202 têm varanda e sete têm acesso facilitado para cadeiras de rodas. O navio dispõe de seis bares e salões para serem aproveitados a bordo, assim como um centro de fitness, salão de shows, piscinas, saunas, e uma marina retrátil que permite os hóspedes nadarem, praticarem o snorkel, windsurf, caiaque, ou ski aquático, sem terem que se ausentar do navio.

A Companhia Docas do Rio Grande do Norte (CODERN) estima que o Seabourn Quest possa ter deixado até R$ 300 mil na economia da cidade, já que os turistas fazem passeios turísticos e compras, além de visitar shoppings e restaurantes. É uma média de gasto de R$ 200 dólares por passageiro.

Seabourn Quest em Natal dia 30 de março de 2019

Turismo

Fórum de Turismo discute como incrementar a malha aérea para Natal

O maior evento de turismo do Estado abriu as portas na tarde desta sexta-feira (29) e segue até amanhã (30), em Natal. Durante a abertura do 10º Fórum de Turismo do RN e 5ª Feira dos Municípios e Produtos Turísticos do RN (Femptur), no Centro de Convenções, os organizadores Antônio Roberto Rocha e Gustavo Porpino receberam autoridades políticas, do setor empresarial, turístico e palestrantes de renome para compor a mesa de cerimônia.

O presidente da Associação Brasileira de Empresas Aéreas (ABEAR), Eduardo Sanovicz, deu início ao painel de discussão “O RN vai decolar – como incrementar a malha aérea para Natal”, com sua palestra sobre ‘Os gargalos da aviação comercial brasileira’ – um dos assuntos mais comentados nos últimos meses na capital potiguar -, mostrando dados do setor e reconhecendo que existe, de fato, um problema. “De 2015-2016, 60 aeronaves deixaram o Brasil, acarretando uma perda de 7 milhões de passageiros nesse período. O que deu uma queda, proveniente da situação econômica do país.”

Outros temas também foram discutidos.

Para compor a mesa de abertura do 10º Fórum de Turismo do RN e da 5ª Femptur, estiveram presentes a Governadora do Estado, Fátima Bezerra, a senadora Zenaide Maia, o senador Jean-Paul Prates, a secretária de Turismo do RN, Ana Maria Costa; representando a Assembleia Legislativa, o deputado Hermano Morais; já a Câmara Municipal de Natal, esteve representada pelo vereador Felipe Alves; a prefeitura do Natal, na figura do secretário de Turismo, Fernando Fernandes; o vice-presidente da Fecomércio, Luís Antônio Lacerda; pelo SEBRAE/RN, o gestor de turismo, Yves Guerra; o SESC/RN presente através do diretor regional, Fernando Virgílio; Raniery Pimenta, diretor regional do SENAC/RN; o gerente geral da Agência Natal, do Banco do Nordeste, Thiago Dantas; o presidente do Natal Convention Bureau, Francisco Barbosa de Albuquerque e o presidente da ABEAR, Eduardo Sanovicz. Além de presenças como a do secretário de Desenvolvimento Econômico do RN (SEDEC), Jaime Calado, dos secretários dos municípios participantes da Femptur e dos deputados estaduais Coronel Azevedo e Tomba Farias.

Turismo

João Maia leva debate do alto custo das passagens aéreas no RN para Brasília

Em sua primeira reunião deliberativa do ano, a Comissão de Defesa do Consumidor (CDC) aprovou requerimento do deputado João Maia para debater as diferenças de preços de passagens aéreas entre as diferentes regiões do Brasil.

“Algumas capitais do Nordeste, em especial Natal, sofrem com tarifas exorbitantes, que quase inviabilizam o turismo local, tanto que a Associação Brasileira de Agências de Viagens denuncia que o Rio Grande do Norte tem sido o destino mais caro do Brasil”, criticou o presidente da CDC.

Maia disse ainda que a possível aquisição da Avianca pela Azul deve agravar ainda mais o problema, pois as opções de voos se reduzirão de quatro empresas para três. “Sabemos que a concorrência é um dos pontos que garantem preço baixo e qualidade para o consumidor. Por isso, menos alternativas para o passageiro é algo tão preocupante”, destacou.

Turismo

Em audiência na ALRN, representante do Cade diz que vai investigar preço elevado das passagens aéreas no Estado

Os preços cobrados por passagens aéreas que têm como destino ou partem de Natal foram tema de discussão na tarde desta quinta-feira (27), na Assembleia Legislativa do Rio Grande do Norte.

Por proposição do deputado estadual Hermano Morais (MDB), empresários, representantes do Poder Público, parlamentares e população discutiram formas para conseguir a redução desses preços como forma de estimular o turismo no estado.

Para os participantes, é preciso que se pressione as companhias aéreas.

“O RN vem perdendo, nos últimos tempos, muitos passageiros. A rede hoteleira tem sido obrigada a reduzir suas tarifas. As passagens são muito mais baratas em Pernambuco e Ceará, até na Paraíba. Um completo absurdo e sem explicação”, argumentou Hermano. “Houve a redução de 17% para 12% no ICMS sobre o querosene de aviação, mas não houve contrapartida”, criticou.

Ação

Para buscar modificar o cenário, além da discussão diretamente com as empresas, a classe política potiguar solicitou que Conselho Administrativo de Defesa Econômica (Cade) uma investigação sobre a situação. Presente ao encontro, o representante do órgão, João Aurélio Braga, disse que o Cade irá investigar a situação.

Foto: Eduardo Maia

Turismo

Menos vôos

Enquanto se discute – plausivelmente – o preço abusivo das passagens de vôos partindo do Aeroporto Aluízio Alves, em São Gonçalo do Amarante, a Avianca anuncia o fim da linha para o Rio de Janeiro (RJ).

Mas a redução de vôos pela Avianca não atinge só o RN, como também outros Estados.

Turismo

RN em destaque na revista de bordo da Azul

Com recursos do Governo Cidadão, o Governo do Estado, através da Secretaria de Turismo, divulga o RN na revista de bordo da Azul.

São anúncios que mostram as belezas e atrativos de Pipa, Mossoró, São Miguel do Gostoso e Natal.

Turismo

Passagens aéreas para Natal são mais caras do país e preços devem aumentar, diz presidente da ABAV-RN

O maior empecilho para o crescimento do turismo do Rio Grande do Norte é o alto custo das passagens aéreas com destino a Natal. É o que diz o empresário Abdon Gosson, presidente da Associação Brasileira de Agências de Viagens (ABAV-RN). Conforme ele afirmou em entrevista ao Hora Extra da Notícia, apresentado pelo jornalista Danilo Sá e pelo advogado Aldo Clemente, na Rádio 91 FM (Rádio Rural), o Rio Grande do Norte é o destino mais caro não só do Nordeste, mas do Brasil. E isso deve piorar em decorrência da possível compra da companhia aérea Avianca pela Azul, o que tende a subir ainda mais os preços das passagens, conforme prevê o presidente da ABAV.

“A companhia aérea Azul provavelmente vai comprar boa parte da Avianca, que está em dificuldade financeira. Tínhamos quatro companhias aéreas, só vamos ter três companhias dentro do Brasil, onde hoje um país continental como o nosso deveria ter de 12 a 15 companhias aéreas no mínimo voando aqui dentro e provavelmente os preços das passagens para Natal, infelizmente, nos próximos meses, talvez ainda fiquem mais altos”, prevê.

Abdon Gosson afirmou ainda que esse é um problema que se vem tentando resolver desde o governo Robinson Faria, com um trabalho do Governo do Estado junto ao trade turístico.

Turismo

TAP renova frota de aeronaves que fazem trecho Natal-Lisboa

A TAP acaba de renovar a sua frota de aeronaves que opera o trecho Natal – Lisboa, com isso os passageiros que vão para a Europa com a TAP a partir de Natal passam a contar com mais conforto em suas viagens.

E em breve Natal poderá ainda receber voos com aeronaves da nova família Airbus neo. Lembrando que a TAP fez a estreia mundial da nova aeronave Airbus A330neo, em dezembro último, com um voo de Lisboa para o Brasil. Os primeiros A330neo foram todos direcionados para rotas brasileiras, o que mostra a importância que a TAP dá para esse mercado.

Há um ano a TAP tinha 80 aeronaves. Atualmente a empresa possui 93 aeronaves (mais dois Airbus A330-900neo chegaram no início de janeiro e já entraram em operação). No total a TAP vai receber 37 novos aviões até ao final de 2019 e 71 até 2025.

EstadoTurismo

Ocupação hoteleira no RN durante o Carnaval deve chegar a 90%, diz ABIH

Em levantamento preliminar realizado pela Associação Brasileira da Indústria de Hotéis do Rio Grande do Norte, ABIH-RN, estima-se hoje uma ocupação para o período do Carnaval em Natal, em torno de 88%. Em Pipa, a expectativa é de 80%, e em Mossoró, de 54%.

O setor hoteleiro está otimista e espera que nessa semana que antecede a folia, haja um incremento de cerca de 15%, comparado ao ano de 2018, onde foi registrada uma ocupação média de 79% em Natal, de 78% em Pipa, e 73% em Mossoró.

Esse ano, Natal conta com uma vasta programação carnavalesca, distribuída em seis pólos da cidade: Ribeira, Cidade Alta, Redinha, Nazaré, Ponta Negra e Petrópolis. Nomes nacionais como Alexandre Pires, Ricardo Chaves, Carlinhos Brown, Roberta Sá, Sidney Magal, Titãs, Monobloco, entre outros irão animar os dias de folia na capital potiguar. A abertura do Carnaval 2019, segundo a Prefeitura do Natal, será dia 28 no Largo do Atheneu no tradicional Baile de Máscaras.

“Devemos ressaltar o empenho da Prefeitura de Natal em promover o Carnaval em Natal, cuja programação, eclética e variada, atende a todos os públicos e gostos, e as prévias tem sido muito elogiadas por todos. Queremos, em parceria com a Prefeitura de Natal, fazer uma ampla divulgação, não só do Carnaval em Natal, mas também do Natal em Natal, para atrair a cada ano, mais turistas para nossa cidade”, destacou o presidente da ABIH-RN, José Odécio.

71c2458e-d375-4820-87c3-4c459bb24e74

Turismo

Prefeito de Natal reafirma parceria para voos charters semanais da Holanda

O prefeito Álvaro Dias recebeu ontem a visita dos representantes da Corendon Airlines que atua em parte da Europa para dar continuidade aos entendimentos para viabilizar a vinda dos voos charters de Amsterdan a Natal a partir de novembro.
Freek Van der Pal e Atilay Batu, diretores operacionais, estiveram reunidos com o prefeito e explicaram como estão os entendimentos com a Inframérica, empresa que administra o aeroporto internacional Aluísio Alves, para estruturar toda a parte operacional, de abastecimento, alimentação e outros detalhes já que a princípio serão duas frequências semanais.

O prefeito reafirmou a parceria da Prefeitura para viabilizar a divulgação do destino na Holanda e países próximos onde a companhia atua para atrair passageiros para Natal. A expectativa é de que passem por Natal aproximadamente 8,5 mil turistas vindos somente nestes voos durante o período de operação. “Estamos firmes no propósito dessa parceria porque acreditamos que o turismo é a vocação natural de Natal e uma operação como essa pode gerar muitos empregos e renda para milhares de pessoas nas 52 atividades que compõem a cadeia produtiva do turismo”, disse o prefeito, lembrando que Natal tem em torno de 28 mil leitos dos cerca de 40 mil existentes no Estado.

Em janeiro passado, o prefeito Álvaro Dias viajou junto com a secretária de turismo do Estado, Ana Costa, além de representantes da Fecomércio e da ABIH, para participar da Feira de Turismo da Holanda onde ocorreu o lançamento do voo charter. Foram confirmadas duas frequências semanais do voo para Natal com capacidade de 360 passageiros a cada sete dias, iniciando em novembro deste ano e se estendendo até o mês de abril de 2020, com expectativa de impactar em cerca de R$ 56,6 milhões a economia local durante o período.

Turismo

Governo trabalha para ampliar turismo no RN com ampliação da malha aérea e interiorização

Garantir segurança jurídica, reforçar ações para reduzir a violência, ampliar a malha aérea, interiorizar o turismo com valorização da cultura regional e instalar internet pública de alta qualidade. Estas são ações do Governo que estão em curso para incentivar e fortalecer a atividade turística no Rio Grande do Norte e que foi a pauta da reunião, nesta sexta-feira, 08, da governadora Fátima Bezerra com diretores do grupo Catalão Serhs.

O grupo Serhs tem o maior hotel de Natal, com 396 apartamentos na Via Costeira e o Serhs Vila da Pipa, em Tibau do Sul, com 22 chalés. O grupo hoje oferece 400 empregados diretos e é o hotel que mais recolhe impostos ao Estado. Em janeiro deste ano o hotel hospedou 30 mil visitantes.

“O nosso governo tem como prioridade também o fortalecimento da cadeia produtiva do Turismo. Vamos ampliar esta atividade que é uma das que mais gera emprego e renda”, informou Fátima Bezerra citando que já no primeiro mês da gestão o índice de violência foi reduzido em 38%. “Isso foi resultado da atuação do nosso governo, com uma gestão integrada do sistema de segurança”, explicou.

A governadora anunciou que em março próximo o governo vai lançar o Plano Estadual de Segurança Pública que contempla novas medidas de atuação e habilita o RN a receber recursos do Governo Federal.

Junto ao grupo Inframerica, que administra o aeroporto de São Gonçalo do Amarante, o governo do estado trata da ampliação da malha viária visando ampliar o acesso a grandes centros como São Paulo e Brasília e da redução de custos das passagens.

Em relação à segurança jurídica, Fátima Bezerra disse que “esta é uma forte preocupação do governo que possui uma equipe técnica altamente qualificada”. Ela citou o Instituto de Desenvolvimento do Meio Ambiente, Idema “que está capacitado para dar total assistência à instalação de novos investimentos. E também para tratar junto a outras instâncias como o Ministério Público, para dar andamento e agilizar processos”.

Foto: Elisa Elsie

Foto: Elisa Elsie