O Governador Robinson Faria (PSD) se posicionou favorável a recriação do imposto sobre transações financeiras, chamado de CPMF, que foi extinto em 2007.

A posição de Robinson foi externada nesta sexta-feira (29), quando o Governador participava de um evento ao lado da Presidenta Dilma Rousseff (PT).

De acordo com o jornal Folha de São Paulo, Robinson defende a proposta apresentada pelo deputado federal Júlio Cesar (PSD-PI), que divide a arrecadação entre União, Estados e municípios e isenta parte das movimentações financeiras. “A criação de uma contribuição social, que nesse contexto recomponha ao Estado algum protagonismo como possuía anterior à crise externa, é benéfica para o reerguimento da atividade econômica”, afirmou o governador potiguar.

Já declararam apoio à proposta Camilo Santana (PT-CE), Rui Costa (PT-BA), Ricardo Coutinho (PSB-PB), Robinson Faria (PSD-RN) e Flávio Dino (PC do B-MA) –este último, com ressalvas.