A procuradora Idaisa Motta chama atenção em seu twitter para um assunto recorrente: desordem em Pirangi, um dos nossos cartões de visita dos turistas, por guardar o Maior Cajueiro do Mundo.

Nos veraneios, são grandes engarrafamentos, causados por jovens ocupando a passagem em frente aos bares, nas proximidades do nobre Porto Brasil.

Fora do veraneio, segue o relato de Idaisa:
“Caminhando hj em Pirangi fiquei chocada com a desordem publica… Praticamente não existe mais beira mar, a quantidade de barracas e “fogareiros com brasas” são de uma quantidade absurda. Me chocou… Precisa de providências urgentes. @WalkiriaFonseca @TaveiraPRB @MPF_PRRN @MPRN_O”.

Comentários do Facebook

Os comentários estão fechados.