A Reforma política em curso e suas implicações, a necessidade da revisão do pacto federativo, entre outras situações que afetam a vida dos brasileiros, são apenas alguns dos assuntos que o PSB está analisando e que mereceram destaque em reunião nesta quinta-feira (18), em Brasília, com participação da secretária especial da executiva nacional e presidente do diretório do Rio Grande do Norte, Wilma de Faria.

Convocada para o encontro, que definiu também as realizações de conferências regionais e da 1ª Conferência Nacional Política e Programática do PSB, em novembro, a ex-governadora sugeriu que façam oposição mais contundente e luta maior por divisão justa dos recursos. “O PSB precisa seguir firme na defesa da revisão do pacto federativo para assegurar verdadeira reforma tributária. União fica com a maior parte dos recursos e estados e municípios de pires na mão mendigando ao governo federal”.

A ex-governadora enfatiza ainda a importância do encontro para o debate das estratégias políticas do partido para os próximos quatro anos, assim como o aprofundamento dos temas essenciais à promoção do desenvolvimento social, econômico e político do Brasil e a contribuição que  o PSB pode dar, uma vez que está  em sintonia com os anseios da população, insatisfeita.

z