As filas longas e aglomerações de pessoas nas agências da Caixa Econômica Federal estão começando a ser disciplinadas e ordenadas, a partir da atuação da empresa potiguar INTERFORT, que contratou cerca de mil profissionais treinados para atuar nos estados do Rio Grande do Norte, Pernambuco e Bahia, unidades federativas onde a empresa já é responsável pela pela segurança bancária da CEF.

Autorizados a atuar depois de atenderem requisitos técnicos exigidos pela Polícia Federal, esses profissionais vão trabalhar no sentido de fazer com que as pessoas que buscam os benefícios do governo federal referentes ao Coronavírus não quebrem as regras de distanciamento e proteção individual estipuladas pelas autoridades de saúde pública.

Das mil novas contratações, 240 são destinadas para as agências da CEF no Rio Grande do Norte,  322 para Pernambuco e 441 para a Bahia.

Caixa