Fábio Hollanda: “O RN terá orgulho das Centrais do Cidadão com a cara de Rosalba e do PR”

Do Blog de Marcos Dantas

Em entrevista à Rádio Caicó AM, nesta sexta-feira (13) o novo secretário de Justiça e Cidadania, Fábio Hollanda elegeu como prioridade, em sua permanência à frente da pasta, a recuperação da excelência dos serviços oferecidos pelas Centrais do Cidadão.

Atualmente, o Rio grande do Norte tem 20 unidades distribuídas nos municípios de: Natal (Via Direta, Zona Norte, Centro, alecrim, Praia Shopping), Parnamirim, Mossoró, Currais Novos, Caicó, Nova Cruz, Assu, João Câmara, Macau, São José de Mipibu, Santa Cruz, Pau dos Ferros, Alexandria, São Paulo do Potengi, Apodi e Caraúbas.

Além de trabalhar a reestruturação das unidades, o novo secretário também diz que lutará pela motivação dos funcionários, e sua promessa é de que o potiguar terá orgulho, das mudanças já em 2012.

Marcos Dantas – O que o povo do RN pode esperar de seu trabalho à frente da SEJUC?
Fábio Hollanda – Nós recebemos com muita honra a missão dada pelo PR e pela governadora Rosalba. A população de todo o RN pode esperar muita dedicação, esforço e planejamento e que as coisas irão acontecer, e que o Governo irá dar novamente a população um serviço de excelência nas áreas de sua competência, especialmente nas Centrais do Cidadão. A população terá orgulho das centrais do cidadão com a cara do Governo Rosalba e do PR.

Você adotou realmente o discurso das Centrais do Cidadão. Quais seriam essas mudanças?
Eu acho que precisa haver uma reestruturação total. O Governo Rosalba passou por um 2011 de extrema dificuldade, recebeu as finanças públicas de uma maneira que precisava de uma postura, absolutamente austera e cuidadosa, mas não deixou de planejar e projetar. O secretário Thiago Cortez deixa pra nós a semente de uma reestruturação que o cidadão irá sentir ainda no decorrer de 2012 que as centrais do cidadão terão serviços de excelência. Isso eu vou conferir in-loco, cobrar e motivar toda equipe da SEJUC, especialmente das centrais.

A prioridade neste momento seria reaparelhar ou você admite abrir novas unidades no Estado?
Nós vamos primeiro garantir a excelência nos serviços das centrais que já existem, mas daremos efetivação a projetos, como da governadora Rosalba, de criar uma nova central no Terminal Rodoviário de Natal, que é um ponto de união de todos os municípios do Estado, e aí vamos analisar, geograficamente, a necessidade e importância d termos novas centrais. Primeiro, vamos dar excelência as centrais que nós já temos.