Ontem (18), o Governo do Estado, por meio da Secretaria Estadual de Saúde, informou que já está transferindo pacientes do Hospital Ruy Pereira para fechar até o final de março a unidade hospitalar.

Disse que os leitos serão transferidos para outros hospitais e que a população não vai ter prejuízo.

Mas hoje, por exemplo, o cenário é de guerra nos Hospitais Walfredo Gurgel e João Machado, inclusive, foi pauta de pronunciamento do deputado Getúlio Rêgo, que denunciou gente morrendo em casa sem atendimento médico.

Aí cabe a pergunta: a Saúde do RN suporta menos um hospital?

Uma resposta: os superlotados hospitais vão piorar.

Comentários do Facebook

Os comentários estão fechados.