A decisão do deputado estadual Vivaldo Costa (PSD) apoiar as candidaturas do PT ao Governo do RN e Presidência da República, respectivamente, Fátima Bezerra e Fernando Bezerra, já causa repercussão.

Filho do saudoso senador Dinarte Mariz, o ex-deputado federal Wanderley Mariz, criticou a decisão do deputado: “Vivaldo sempre se elegeu com os votos da direita que herdou do velho Dinarte Mariz. Agora, no fim da vida pública, decide apoiar o PT?”, argumenta Wanderley.

Antes de se filiar ao PSD, Vivaldo tentou filiação ao PCdoB e ao próprio PT, mas não foi aceito por nenhuma das duas legendas.

Wanderley Mariz e o candidato Jair Bolsonaro