O deputado Galeno Torquato (PSD) defendeu nesta terça-feira (12) a revitalização das Centrais do Cidadão do Rio Grande do Norte, subordinadas à Secretaria de Estado da Justiça e Cidadania (Sejuc). De acordo com o parlamentar, os equipamentos são imprescindíveis à população por facilitarem o acesso aos serviços prestados pelos órgãos públicos.

“As Centrais do Cidadão precisam ser revitalizadas, passando por um processo de modernização na infraestrutura física e melhoramento das condições de trabalho dos seus colaboradores”, justifica Galeno.

Segundo o parlamentar, o Estado apresenta 17 unidades de atendimento em funcionamento e quatro paralisadas (Praia Shopping, Cidade Alta, Canguaretama e Macau). O deputado alega que o fechamento dessas Centrais ocasionou o aumento expressivo da procura pelas demais, causando morosidade no atendimento.

De acordo com Galeno, a falta de servidores é um dos principais problemas enfrentados pelas Centrais do Cidadão, que contam com cerca de mil servidores. O parlamentar considera o efetivo insuficiente para a demanda existente. “Recebi informações de que a média mensal de atendimentos no início do ano superou a marca dos 400 mil. Esse número é muito expressivo para a quantidade de funcionários em atividade”, declarou.

Outra dificuldade apontada pelo deputado diz respeito às gratificações pagas aos servidores. Segundo Galeno, os valores não atraem novos colaboradores. O parlamentar comentou ainda que as unidades sofrem com a falta de material de limpeza e escritório, de servidores para a manutenção dos prédios e de automóvel para uso nas diligências das Centrais.

Galeno destacou que as informações citadas foram repassadas pela Coordenadora das Centrais do Cidadão, Graça Marques, que defende a transferência da Coordenadoria para a Secretaria Estadual de Trabalho, da Habitação e da Assistência Social (Sethas).

Foto: João Gilberto

z