A deputada estadual Gesane Marinho (PMN) intermediou, na tarde desta quinta-feira (17), uma audiência entre representantes dos 508 delegados, escrivães e agentes aprovados no concurso da Polícia Civil que aguardam nomeação e o Procurador Geral do Estado, Miguel Josino.

O grupo foi aprovado no processo seletivo de 2009 e desde o ano passado já está apto a ser contratado.

O Procurador Geral explicou que o fato do Rio Grande do Norte está no limite prudencial impede – como consta nos artigos 14, 15 e 16 da Lei de Responsabilidade Fiscal – que o Estado realize novas convocações.

Porém, como medidas de redução de despesas já foram tomadas pelo executivo estadual para inverter o quadro, um estudo de impacto das nomeações na folha de pagamento foi solicitado pela própria Procuradoria, a fim de planejar a convocação dos concursados.