A retomada das discussões da Reforma da Previdência foi o tema do discurso desta terça-feira (22) do deputado estadual Getúlio Rêgo (DEM), que criticou a posição da governadora Fátima Bezerra (PT).

“Fátima surgiu dos movimentos sindicais”, lembrou Getúlio, ressaltando que a reforma, que vem sendo discutida de forma remota na Assembleia, não tem tido a participação dos sindicatos.

“Conseguimos trazer para o plenário representantes de categorias”, afirmou Getúlio, que ainda fez críticas à forma como o Estado vai pagar o piso salarial dos professores.

“O piso de 2020 só vai terminar de ser pago em dezembro de 2021”.

Foto: João Gilberto

Foto: João Gilberto