O deputado federal General Girão (PSL) divulgou por suas redes sociais um posicionamento acerca de um discurso feito pelo presidente do Supremo Tribunal Federal (STF), Ministro Dias Toffoli.

O Presidente do Supremo Tribunal Federal, o Ministro Dias Toffoli, proferiu nessa semana um discurso – conforme amplamente divulgado pela imprensa – no qual teria afirmado que “você nunca terá progresso se tiver que ter ordem como uma premissa”. Essa não foi sua única declaração com repercussão polêmica, já que também teceu lamentáveis críticas à Lava Jato e fez comentários sobre o Governo Federal. Mas vou me ater à declaração do Ministro que, para mim, desvirtuou gravemente o lema de nossa bandeira nacional: “ordem e progresso”.

Na porta de meu gabinete na Câmara dos Deputados mandei inscrever a seguinte frase, que costumo sempre usar, e que foi mote da minha campanha: “nunca precisamos de tanta ordem para atingir algum nível de progresso”. Minha conduta ao longo dos quase 40 anos de vida pública sempre foi balizada pela hierarquia, disciplina, ética, honra e a moral. O Brasil, durante as últimas décadas, infelizmente encontrava-se totalmente desgovernado e, portanto, em grave desordem. A recessão econômica foi apenas um dos resultados desse processo. A crise ética e moral em que as instituições e as autoridades do país mergulharam é outro forte sintoma, bem como o acirramento das tensões sociais. É evidente que a estagnação do progresso de nosso país esteve intimamente ligada à falta de ordem; faltou ordem no pensamento, que deve ser fundado em princípios sólidos e coerentes, e faltou ordem na ação, na execução.

Não se trata apenas de repetir a máxima positivista que, de fato, deu origem ao lema da bandeira do Brasil. Independentemente de uma doutrina específica, que hoje pode ser considerada superada por muitos, o nosso lema tem um significado vivo e forte na mente de todos os brasileiros: para que nossa Pátria se veja finalmente desimpedida para o progresso precisamos, sim, de ordem como premissa; precisamos de boas leis e de respeito às leis; precisamos de muito trabalho e de disciplina. E o exemplo deve partir sobretudo das altas autoridades da República – inclusive do Poder Judiciário! Que se abstenham de comentários impertinentes ou que desrespeitam os símbolos da República e que se preocupem mais em simplesmente bem desempenhar suas funções institucionais.

General Girão
Deputado Federal – PSL/RN

Comentários do Facebook

Os comentários estão fechados.