“O apreço que sempre tive por Agnelo herdei do meu pai Tarcisio Maia. Lúcido, perspicaz, contundente nas analises, nunca perdeu a sensatez na prática da política. Administrador de qualidade, o Rio Grande do Norte fica a lhe dever muito. Ao amigo, a lacuna da ausência. Aos familiares, nossa manifestação de solidariedade”. 

Do senador José Agripino Maia.