Semana passada, o governador em exercício Fábio Dantas (PCdoB), subiu as escadarias da Assembleia Legislativa, onde é respeitado e mantém um bom relacionamento, para apresentar o polêmico ‘Pacote Econômico’ com 16 projetos de lei que interferem diretamente no setor econômico do Estado e também no bolso dos funcionários públicos estaduais.

Entre os projetos, estava o que aumenta a alíquota previdenciária de 11% para 14%. O que, em pleno fim de semana, causou um grande alvoroço entre sindicatos e funcionalismo como um todo.

Mobilizada, a classe sindical retornou nesta segunda-feira (07) à Assembleia Legislativa, onde se reuniu com o presidente em exercício, deputado Gustavo Carvalho (PSDB) e também com o deputado estadual Fernando Mineiro (PT). Reivindicava a retirada de pauta do projeto que aumenta a alíquota previdenciária.

O Governo Robinson pediu a suspensão da tramitação do projeto.

Que no momento está engavetado.