O Governo do Estado passa por mais um desgaste desnecessário ao fechar o pronto-socorro do Hospital João Machado.

A Associação Brasileira de Psiquiatria – ABP – com mais de 42 mil seguidores no instagram – manifestou em público a sua preocupação com o fechamento do atendimento de urgência do Hospital Doutor João Machado, em Natal (RN).

“Seu fechamento caracteriza uma grande crise na assistência pública em saúde mental do Rio Grande do Norte”, diz a entidade médica mais seguida nas redes sociais em todo o Brasil.

Presidente da ABP, o Dr. Antônio Geraldo da Silva destaca que o fechamento da urgência do hospital é uma consequência do estigma, do preconceito contra os doentes mentais e, por isso inaceitável. “Não podemos tratar as doenças mentais como sendo de segunda categoria, com esse descaso, como se fossem doenças menores. Isso é grave, gravíssimo!”, destacou.