O problema já foi amplamente debatido e divulgado, mas infelizmente, continua…

Policiais e bombeiros militares continuam denunciando a falta de estrutura e condições de trabalho.

A Associação dos Cabos e Soldados da PM/RN recebe diariamente denúncias de todas as regiões do Estado e tem reivindicado as soluções junto ao Governo e ao Comando da Polícia e do Bombeiro Militar, mas a situação tende a se perpetuar.

Recentemente as associações, dentre elas a ACS PM/RN, iniciaram uma campanha intitulada Segurança com Segurança, pela qual os policiais e bombeiros passaram a exigir as condições adequadas de trabalho e segurança para a atuação. Na oportunidade, o Governo anunciou a aquisição de 1100 coletes, 15 mil pistolas e 150 viaturas. No entanto, na última terça-feira, o Governo anunciou a entrega de apenas 90 viaturas para todo o Rio Grande do Norte.

Cabo Jeoás, presidente da entidade, também reclamou que não estão sendo distribuídos os vales alimentação para todo o efetivo em serviço.

Os policiais formados em 2010.2 e 2011.1 também estão com os salários atrasados e não sabem se receberão o 13º salário corretamente, já que, em junho, eles receberam um valor menor ao referente aos 40%.