Prefeito Álvaro Dias anuncia medidas para economizar recursos do Município

Redução de contratos de locação de veículos, gastos com energia, telefonia, internet, compras e renegociação dos alugueis de imóveis onde estão instalados órgãos do município. Estas medidas fazem parte do conjunto de 233 iniciativas que a administração municipal vai tomar com o objetivo de reduzir gastos da máquina pública.

O anúncio dessas ações foi feito nesta terça-feira (30) pelo prefeito de Natal, Álvaro Dias, e fazem parte da primeira etapa do estudo de consultoria elaborado pela Fundação Dom Cabral que está fazendo um minucioso trabalho de auditoria da gestão.

A estimativa é que com esses cortes haja uma economia mensal de R$ 1 milhão dos cofres do tesouro municipal.

Na oportunidade, o prefeito assinou contratos de gestão com os titulares das secretarias municipais de Administração, Saúde, Educação, Tributação, Serviços Urbanos e Urbana. Esses documentos contêm metas e prazos a serem cumpridas pelos secretários dessas pastas. O cumprimento desses contratos será acompanhando pelo Comitê Gestor que foi criado e conta com as participações de representantes da Procuradoria Geral do Município, Controladoria Geral do Município, Planejamento, secretaria de Governo, Secretaria de Administração e a Tributação Municipal, além do prefeito Álvaro Dias.

O prefeito Álvaro Dias cobrou empenho e dedicação de toda a equipe, visando à diminuição dos gastos, visto que a crise enfrentada pelos poderes públicos tem trazido enormes consequências e todos devem contribuir para a melhoria da saúde financeira do Município

 “Precisamos nos adequar à realidade atual. O país passa por uma grave crise e os municípios estão sendo penalizados. Essas nossas medidas, em um primeiro momento, representarão uma economia anual de R$ 12 milhões, mas as medidas de contenção não vão parar por aí. Seguiremos atuando em conjunto com a Dom Cabral para ampliar as nossas receitas e ajustar ainda mais as nossas despesas para que tudo caiba no orçamento. É importante salientar que essa economia não vai impactar na redução dos serviços prestados pela Prefeitura, pelo contrário, estamos atuando para ampliar os investimentos nas área de saúde, educação, esporte, drenagem e outras áreas”, declarou o prefeito.

COLETIVA DE IMPRENSA (1)