O presidente da FIERN, Amaro Sales, destacou na abertura do Encontro Econômico Brasil-Alemanha que tudo converge a favor de uma grande aliança entre a Alemanha e o Brasil, a partir da região Nordeste e, em particular, do Rio Grande do Norte. Ele ressaltou a importância do acordo comercial entre o Mercosul e a União Europeia para a região. “Estamos acompanhando com muito interesse as tratativas do Mercosul e da União Europeia, aliança comercial estratégica para o Nordeste e que deve ser defendida por todos como uma causa de interesse nacional”, enfatizou Amaro Sales, ao apresentar as potencialidades econômicas do estado e da região.

Além de uma matriz econômica diversificada – com destaque para energias renováveis, petróleo, mineração, fruticultura, indústria têxtil e de confecções, sal marinho, cerâmica vermelha e turismo -, pontua o presidente da FIERN, o Estado possui o melhor IDH do Nordeste; apresenta um bônus demográfico com mais 54% da população na faixa ativa para trabalho; e mesmo com a crise, entre 2010 e 2016, o PIB potiguar cresceu 5,8%, enquanto a média nacional ficou em 2,3%.

Amaro