Já completa três horas de atraso e nada da sessão ordinária da Assembleia Legislativa ter início.

A emenda apresentada pelo deputado Fernando Mineiro (PT), causou muito “rebuliço”.

Depois de muita discussão nos bastidores, o governismo conseguiu 16 votos favoráveis à leitura da emenda de Mineiro.

Resultado: a emenda será lida na sessão de hoje, apreciada na Comissão de Constituição de Justiça, e votada na sessão da próxima terça-feira (22).