A OAB de Mossoró apresentou na noite desta segunda-feira (13) um relatório acerca da caótica situação do Hospital Estadual Tarcísio Maia. 

Entre vários absurdos, está um possível grave crime ambiental, onde “resíduos biológicos contaminados são jogados em um vaso sanitário improvisado que fica em cima de uma bancada e vão para o esgoto doméstico, sem qualquer tratamento”. 

*Informações e foto repassada são blog pelo Sindsaúde de Mossoró.