O governador Robinson Faria (PSD), juntamente com a senadora Fátima Bezerra (PT), os deputados federais Fábio Faria (PSD) e Beto Rosado (PP), mais os secretários Kalina Leite (Segurança) e Gustavo Nogueira (Planejamento). 

Reunião sem muitas novidades. 

Segundo a assessoria do Governo, garantias foram dadas de que a Força Nacional vai continuar no Rio Grande do Norte e o presídio de Ceará-Mirim será mesmo construído. Nada além do que já sabíamos. 

As garantias batem de frente com o que disse Vilma Batista, presidente do Sindicato dos Agentes Penitenciários, em entrevista ao Jornal da 96 FM na noite desta terça-feira (24): “Mais Presídios não é a solução”. 

Segundo a assessoria da Secretaria de Segurança Pública, também foram dadas as seguintes garantias: 

Renovação da permanência de 16 policiais e peritos da Polícia Civil, atuando na investigação de homicídios, 60 guarda vidas, 215 polícias da Força Nacional, além da doação de armas e munições. 

Foto: Divulgação