Semana começando com a rotineira notícia de mais uma fuga na Penitenciária Estadual de Alcaçuz, presídio de ‘Segurança Máxima’ localizado no município de Nísia Floresta.

Ainda não se sabe a quantidade de fugitivos. A média no Estado em 2016 é de 11 presos que fogem por semana. No total, já são 185 fugitivos no Rio Grande do Norte somente neste ano, em virtude da superlotação e depredação das unidades prisionais que se encontram em estado de calamidade decretado pelo Governo do Estado.

Além da situação crítica dos presídios e do déficit de agentes penitenciários, existe uma instabilidade do Secretário Estadual de Justiça e da Cidadania (SEJUC), responsável pela administração do sistema prisional. Em 17 meses do Governo Robinson, já estamos no quarto titular à frente da SEJUC.